Por Aline Gonçalves

Amante da escrita, viciada em Amino, Potterhead e otaku em formação.

Publicado em 30/06/2020. | Atualizado em 05/06/2020


Quer entender por que os sound effects são tão importantes quanto as imagens em uma produção audiovisual? Leia o post e veja como eles transformam o consumo desse tipo de obra!

Torne-se um especialista em produção de conteúdo!Powered by Rock Convert

Podemos não perceber, mas os sound effects, ou efeitos sonoros, estão presentes em todos os tipos de produções audiovisuais. Mas não se engane, pois o processo necessário para criar cada um deles é muito mais complexo do que imaginamos.

Afinal, até para os efeitos mais comuns, como o som de passos arrastados, o barulho da água caindo ou o ruído de carros em movimento, é preciso conhecimento técnico adequado para saber quando e como usá-los.

No entanto, você sabe o que torna os sound effects um elemento tão essencial para a produção audiovisual? Fique conosco e descubra neste post!

Qual a importância dos sound effects para a produção audiovisual?

Antes de explicar a importância dos sound effects para a produção de conteúdo audiovisual, vamos fazer um pequeno exercício. Feche seus olhos e tente imaginar as seguintes cenas:

  • uma pessoa digitando em um teclado;
  • uma taça de vidro se espatifando no chão;
  • uma cena de filme de terror com portas e janelas batendo.

Percebe que, mesmo conseguindo visualizar as imagens em sua mente, a experiência parece incompleta? De fato, ela está, afinal, falta uma parte primordial: o som que cada uma dessas ações produz. 

Um filme de terror não será tão assustador sem os barulhos de tábuas rangendo ou sem o assobio do vento que bate portas inesperadamente. Da mesma forma, sem os ruídos das teclas sendo apertadas, a cena de uma pessoa digitando não é tão convincente.

Nosso cérebro tem uma capacidade excepcional para associar sons a imagens e emoções. Por isso, um simples efeito sonoro acrescentado no momento certo é capaz de despertar medo, ansiedade, surpresa, alegria, esperança e uma infinidade de outras sensações.

Isso significa que os sound effects tornam a experiência do audiovisual mais completa, aumentando o valor da produção e enfatizando o que é mostrado visualmente. Assim, eles dão o tom certo para a narrativa que está sendo contada e são os grandes responsáveis por captar e estimular as emoções do espectador.

Como os sound effects são produzidos?

Na produção audiovisual, existem diferentes técnicas que são usadas para criar os sound effects. De acordo com elas, podemos dividi-los de algumas formas. Confira.

Efeitos originais

São efeitos sonoros obtidos da sua fonte original. Mas o que isso significa? Por exemplo: caso você precise obter o som de crianças correndo, basta gravar os ruídos provocados por essa ação. Caso queira os cantos de pássaros ao ar livre, é possível gravar os sons de aves em seu habitat. Em geral, essa técnica produz efeitos claros e com muita qualidade.

Salon effects

Produzidos a partir de uma técnica conhecida como foley, esses efeitos são criados em estúdios especializados com o auxílio de objetos banais. Alguns materiais usados frequentemente no foley são o celofane — que simula o fogo crepitante — e os pares de luvas — que simulam o bater de asas. Além disso, algo interessante sobre essa técnica é que o som é produzido enquanto o profissional assiste à cena na qual ele será usado.

Efeitos sonoros em 3D

Essa é uma técnica bastante inovadora que simula a captação dos sons pelos ouvidos humanos e que vem sendo muito usada na realidade virtual. A ideia é dar mais realismo a experiências imersivas. Porém, o efeito só é percebido com o uso de fones de ouvido. 

Para que você tenha uma ideia, ao ouvir um efeito sonoro em 3D, é possível perceber exatamente de onde um som está vindo, identificar ruídos que estão se distanciando ou se aproximando e até ter a sensação de que alguém está cochichando em um de seus ouvidos.

Além deles, há ainda os efeitos sonoros eletrônicos, que são obtidos por meio de sintetizadores.

Como é o trabalho do designer de som?

A atuação do designer de som é muito abrangente. Afinal, existe uma ampla gama de tipos de produções audiovisuais no mercado, como filmes, jogos, programas de televisão ou de rádio, documentários, peças de teatro, novelas, peças publicitárias, entre outros. Em cada um desses cenários, o designer de som é responsável por produzir efeitos sonoros que se encaixem perfeitamente no que o produto pede. 

Um exemplo interessante que podemos citar sobre a atuação desse profissional no cinema é o famoso som dos lasers de Star Wars. Sabia que, para criá-los, foi utilizada uma mola dentro de um cilindro? Outro caso curioso ocorreu na franquia Transformers, em que, para compor os áudios dos Autobots e Decepticons, o sound designer usou até uma secadora de roupas.

Apesar de ser um trabalho muito diversificado, em resumo, o profissional que atua com sound effects deve ser capaz de traduzir as emoções de uma cena ou as características de um objeto em uma produção sonora. Para isso, é preciso estudar profundamente o material para o qual o efeito será produzido, a fim de identificar as particularidades que serão trabalhadas em cada som. 

Por que essa é uma ótima profissão?

O universo sonoro é extremamente rico e complexo. Afinal, como já dissemos, os sons apresentam diferentes significados, que podem torná-los mais ou menos adequados para uma determinada situação. O conhecimento necessário para fazer essa diferenciação é muito valorizado no mercado, pois só profissionais qualificados conseguem entregar um produto com a identidade sonora perfeita.

Isso não se restringe à área do entretenimento. Atualmente, muitas empresas entendem o quanto o som é importante para suas identidades e buscam aplicar estratégias de sound e music branding em seus vídeos, plataformas, campanhas publicitárias e assinaturas sonoras. 

Quer um exemplo? Pense no som da chamada de áudio do Facebook ou no ringtone do Skype. Não se engane, nenhum deles foi feito por acaso. Existe um longo trabalho por trás de suas criações, o que possibilitou que eles expressassem exatamente os que essas marcas pretendiam.

Como foi possível perceber, os sound effects estão constantemente presentes no nosso dia a dia e são responsáveis por transformar nossas experiências com produções audiovisuais em algo único. No entanto, apenas os profissionais mais qualificados conseguem garantir excelência na qualidade do produto final, sendo capazes de encantar seus clientes e espectadores.

Gostou do conteúdo e quer ter mais oportunidades de trabalho na área da produção audiovisual? Então, não perca tempo e venha fazer parte da nossa base de talentos!

Powered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto