Por Samanta Jovana

Redatora da Comunidade Rock Content.

Publicado em 06/04/2018. | Atualizado em 19/05/2020


Para ter como base sobre quanto cobrar por uma revisão de texto: na Rock Content, o valor pago aos freelas é de R$ 8,00 a cada 500 palavras, ou R$ 14,00 por mil palavras. Com os preços podendo variar conforme a urgência, especificidade e exigência da tarefa.

A revisão de textos é uma carreira incrível, não apenas pelo tanto que é gratificante. Ser um revisor freelancer vai lhe apresentar a regimes de trabalho diferentes e, consequentemente, a formas de cobrar distintas das que você conhece.

Você sabia, por exemplo, que além de trabalhar com contratos fixos, por hora e por projeto um revisor pode cobrar especificamente pelas competências exigidas para executar um trabalho?

Pois é. Por isso, sempre frisamos aqui no blog a importância da capacitação. É ela que define como, quanto e quando um profissional pode cobrar mais pelos serviços e estabelece que ele tem as competências necessárias para fazer isso.

Um revisor é, antes de tudo, seu próprio patrão. Ele define os termos do contrato e decide com o que é mais ou menos interessante trabalhar. Por causa disso há algumas modalidades de cobrança possibilitadas pela profissão que não aparecem em outros regimes de trabalho.

Hoje você conhecerá cinco delas e verá quais as vantagens e as desvantagens de calcular o preço dos seus serviços com base em cada uma. Pronto? Então vamos lá!

Como definir um preço para seus serviços de revisão de textos?

1. Por quantidade de palavras

Uma das formas mais populares de se cobrar por revisão de textos é partindo da quantidade de palavras que devem ser ajustadas. Essa modalidade de cobrança é particularmente útil quando você faz parte de um time de revisores que recebe tarefas frequentemente e pode, dentre elas, escolher as que lhe são mais interessantes.

Assim é possível dedicar-se a assuntos em específico que mais atraem a sua atenção e, ao mesmo tempo, manter um fluxo constante de tarefas que lhe dá uma noção exata de quanto ganhará ao final de cada mês. Trabalhar em um time e quantificar as revisões feitas pelo número de palavras é uma maneira rápida de saber se o quanto você recebe por um determinado job é justo ou não.

Com um preço mínimo por palavra você consegue fazer uma conta simples toda vez que for convidado a participar de uma tarefa. E pode selecioná-las levando esse aspecto em consideração. A vantagem é a agilidade e a facilidade de negociação.

A desvantagem pode aparecer no caso de conteúdos mais complexos, que demandem completude em um tempo menor ou exijam muitos retrabalhos.

2. Por hora trabalhada

Trabalhar por hora nem sempre é a coisa mais fácil do mundo. Esse regime significa, por exemplo, que você precisa manter uma data-base do tempo que dedicou às suas tarefas ao longo de um mês e uma relação de confiança com os seus clientes.

Afinal, visto que a maioria dos revisores trabalha à distância, acaba sendo difícil comprovar exatamente quantas horas foram dedicadas a um projeto. Em resultado disso, a relação de confiabilidade entre eles e os clientes pode ficar fragilizada.

Mas se você for organizado o suficiente e receber demandas de maior complexidade que exigem dedicação exclusiva, o regime de horas trabalhadas vai ajudar a estabelecer horários, definir responsabilidades e conduzir sua vida profissional com mais destreza.

Para que esse método de cobrança funcione, é preciso estabelecer o valor mínimo que você deseja ganhar por hora, resultado que pode ser alcançado avaliando quanto tempo pretende dedicar à profissão e quanto dinheiro pretende ganhar ao final de cada mês.

Tenha em mente que nem sempre o regime por hora trabalhada será o ideal. É mais comum que a combinação entre tempo de trabalho, peças e complexidade seja utilizada para chegar ao valor justo de uma revisão de textos.

3. Por peça revisada

Outra maneira de colocar preço nos seus trabalhos de revisão de textos é cobrar por peça. Em geral, quando o intuito de um revisor é fazer isso, é preciso que se passe um tempo antes de começar a pegar jobs, o que vai permitir entender os tipos de peças que vai revisar.

Elas podem ser livros digitais, textos de 500, 1000, 2000 e 3000 palavras, infográficos e até roteiros de vídeos. O importante é que você estabeleça um preço mínimo que será cobrado em cada uma dessas tarefas.

Para isso, você pode criar uma tabela, de modo que bastará consultá-la para ter o valor exato que deverá cobrar por um ou outro tipo de revisão. Dessa forma, a criação de orçamentos será simplificada.

O revisor que decide trabalhar dessa forma tem a vantagem de fechar mais ou menos jobs em determinada categoria para atingir os seus objetivos.

Além disso, você também vai perceber certa facilidade ao ajustar seus ganhos. Caso perceba um aumento na demanda por determinado tipo de texto e sinta a necessidade de acomodá-los à sua rotina, basta revisar os valores cobrados por eles para obter um ganho monetário maior.

4. Pela complexidade de um trabalho em específico

A complexidade é um tema relevante na revisão de textos. Há aqueles que são muito simples e podem ser revisados em alguns instantes. Outros tantos, porém, abordam assuntos mais complexos ou trabalham com um nível de detalhe que não é típico das outras peças que você revisa diariamente.

Por isso, pode ser justo cobrar pela dificuldade em se revisar um texto. Aqui ganha vantagem quem tem mais experiência e habilidade. Um revisor de textos para periódicos acadêmicos, por exemplo, sempre ganhará um pouco mais do que quem corrige textos curtos para anúncios de internet

5. Por um pacote de tarefas

Cobrar por um pacote de tarefas é uma estratégia para conquistar mais trabalhos e fidelizar um cliente. Pode ser que ele tenha interesse em contratar os seus serviços, mas as outras modalidades de precificação o desencoraje, pois a escala ou o ritmo das entregas não é necessariamente regular.

Assim, para tornar seus serviços mais convidativos, você pode optar por fazer um pacote que inclua certa quantidade de textos de determinado tamanho, bem como outros benefícios, como forma de atrair aquele cliente. A vantagem neste caso é estabelecer uma relação comercial de longo prazo que seja benéfica para os dois lados.

6. Pela urgência

Quer aumentar seus ganhos trabalhando com revisão de textos? Considere o fator urgência, uma vez que ele torna possível cobrar mais por um mesmo texto, pelo fato de ele precisar ser entregue dentro de um prazo bem apertado.

Cobrar pela urgência não é injusto, sendo, inclusive, algo praticado por profissionais de outros campos. Executar um trabalho competente em tempo recorde é uma forma de diferenciar os serviços que você presta, além de mostrar que você está disponível para os desafios que um cliente têm a oferecer.

Agora que você conhece várias formas de cobrar pelos seus serviços de revisão de textos, chegamos a um ponto em que é preciso abordar uma questão muito importante.

Como conquistar demanda suficiente para alcançar seus objetivos?

Esta é uma dificuldade muito comum entre as pessoas que estão entrando agora para o ramo de produção de conteúdo.

Inclusive, este pode até ser o seu caso: você fez — e continua fazendo — cursos voltados para o Marketing de Conteúdo, obteve algumas certificações, está anunciando seus serviços em plataformas de freelancers, talvez faça parte da base de talentos da Rock Content, mas não está conseguindo alcançar uma demanda consistente.

Por isso, vamos dar a você algumas dicas que serão úteis nesse sentido. Confira a seguir.

Desenvolva soft skills

No ambiente corporativo, fala-se muito sobre as soft skills. Elas são, inclusive, um fator levado em conta na contratação de novos colaboradores. Entretanto, mesmo trabalhando como freelancer, suas características comportamentais e de personalidade podem influenciar muito a quantidade de jobs que você tem à sua disposição.

Isso ocorre principalmente quando você faz parte de um banco de talentos, como o da Rock Content. Nesse caso, os times são formados por freelancers selecionados por analistas e, para entrar em tais equipes, você precisa ser visto como alguém que vai somar e fazer um bom trabalho.

É aí que entram as soft skills. Veja bem, se uma pessoa é altamente capacidade para escrever sobre determinado assunto, mas não trata os colegas e os clientes com cortesia, isso faz o freelancer perder uma pouco de sua utilidade, concorda?

A cortesia pode ser demonstrada também ao trocar emails com analistas e interagir com os colegas na Community Space. Ao fazer isso, você mostra ser alguém com quem é bom lidar e entra na memória de quem pode dar mais serviço a você. Quando os analistas precisarem de um freela, de quem eles vão se lembrar? De você!

Por isso, certifique-se de desenvolver traços de personalidade que vão tornar você não só um ótimo profissional, mas também uma pessoa melhor. Tais características incluem cortesia, proatividade e colaboração. Vale a pena desenvolvê-las!

Encare novos desafios

Ter mais demanda envolve realizar tipos diferentes de serviços. Vamos citar mais uma vez como exemplo os freelancers da Rock Content. Se você tem o costume de revisar blog posts, consegue revisá-los de forma confortável e sem maiores dificuldades, certo?

Mas e se for para revisar algum tipo de conteúdo que você nunca revisou, como ebooks, newsletters, planilhas e quizzes? Isso vai envolver tirar um tempo para se informar sobre aquela tarefa, o que vai dar uma pouco mais de trabalho.

Entretanto, assim que você passar a conhecer bem esses outros tipos de conteúdo, terá adicionado novos serviços ao seu rol de habilidades, o que vai colaborar para a sua demanda.

Inclusive, encarar novos desafios pode incluir até mesmo trabalhar com outras modalidades, como a redação. Se você trabalha só com revisão, talvez pense que não tem criatividade suficiente para escrever conteúdos, ou que não conta com conhecimentos específicos sobre alguma área além da língua portuguesa.

Mas veja bem: você já tem o mais difícil, que é um conhecimento avançado da língua portuguesa e isso é um grande passo para escrever ótimos conteúdos. Por isso, que tal se arriscar na redação? Isso pode aumentar muito a quantidade de jobs à sua disposição.

Otimize seu perfil no LinkedIn

Ao oferecer seus serviços em plataformas de freelancers, você deve ter percebido que existe uma quantidade assustadora de profissionais disputando clientes, com preços muito competitivos.

Isso pode ser desanimador, uma vez que você tem se esforçado para melhorar a qualidade dos seus serviços. Sendo assim, como fazer para conseguir clientes sem precisar cobrar pouco?

Tenha em mente que preço baixo é uma estratégia de curto prazo que acaba não sendo sustentável com o passar do tempo. Afinal, vai chegar um momento em que você sentirá que está trabalhando muito sem ganhar um valor compatível.

Por isso, vale mais a pena desenvolver estratégias de médio e longo prazo, e o LinkedIn tem um papel muito importante nisso. Para começar, você precisa otimizar o seu perfil e, para isso, basta seguir as dicas que o Dimitri dá neste vídeo:

[Inserir vídeo: https://youtu.be/N6t2qtsAn3I]

Para ver as dicas do vídeo colocadas em prática, analise o perfil do Dimitri no LinkedIn. Sabe qual é a vantagem de fazer essa otimização? Depois de algum tempo, você começará a receber ofertas de jobs e até de empregos. Para isso, é preciso dar atenção aos fatores a seguir.

Configure as fotos

Uma das fotos é a de capa, que você pode obter em um banco de imagens gratuito, como o Pexels. A outra é a do perfil, que deve ser uma boa foto do seu rosto, em que você esteja sorrindo e demonstrando a sua simpatia.

Use palavras-chave

É claro que o LinkedIn é uma rede que conecta profissionais e empresas, mas você também pode vê-lo como um buscador, pelo fato de ele ser usado para procurar profissionais. Ou seja, é preciso fazer uma otimização de SEO no seu perfil, para que você seja encontrado quando alguém procurar certos termos.

Você quer ser conhecido por quais habilidades? Revisão? SEO? Tradução? Espalhe essas palavras pelo seu perfil, inserindo-as nos campos “Cargo” e “Sobre”. O objetivo é que ser encontrado quando alguém estiver procurando um profissional com as habilidades que você tem.

Publique artigos 

Publicar artigos no LinkedIn é uma ótima maneira de se tornar conhecido e conquistar seguidores. Isso vai contribuir para o aumento da sua autoridade, o que vai causar uma boa impressão em potenciais clientes.

Trabalhar com revisão de textos é uma maneira de trabalhar com o que se gosta e com o que tem mais a ver com os seus propósitos na vida. Como você viu, há várias maneiras de definir o preço dos seus serviços. Basta escolher aquela que está mais alinhada aos seus objetivos e, claro, definir estratégias para aumentar a demanda de jobs.

Diante de tudo isso que acabamos de considerar, fica evidente a necessidade de um bom planejamento, não é verdade? Por isso, baixe agora mesmo nossa planilha de controle de produtividade e faturamento para 2020!

Planilha de Controle de Produtividade e Faturamento 2020Powered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *