Responder perguntas criativamente

5 maneiras de responder perguntas criativamente com seus conteúdos

Todo público é movido por problemas e dúvidas, e você tem tudo para usar isso a seu favor.
Torne-se um especialista em produção de conteúdo!Powered by Rock Convert

Produzir bom conteúdo não é nada fácil. Por mais que você seja atualizado e saiba escrever sobre algum assunto interessante, isso não é suficiente.

Para gerar engajamento, não basta agradar. Você precisa entregar um material útil, que contenha respostas para as dúvidas de sua persona, certo?

Existem diversas formas de realizar essa tarefa, e ainda adicionar um diferencial: a criatividade. Se você pretender responder perguntas de uma forma única e atraente, esse post é para você!

1. Dê uma olhada no que você gosta de ler

Pense naquele blog ou site que você visita sempre. Quais são as perguntas que só ele responde? Qual é o tipo de enunciado que te faz parar o que está fazendo para acessar aquela página? Como é a linguagem dos posts? E por que você gosta deles?

Por mais que pareça óbvio, se lembre que você está escrevendo para pessoas. O seu público também têm intenções, assim como você, quando acessam a internet.

Sendo assim, é fácil concluir que o seu conteúdo pode responder perguntas que as suas personas possuem, da mesma forma que o conteúdo que você gosta atende as suas próprias questões.

O próximo passo é descobrir quais questões são essas. Para isso, procure por dúvidas no Quora, Medium, Tumblr, Yahoo Respostas, Reddit e fóruns acessados pela sua persona.

Vasculhe os comentários dos blogs e vídeos que ela acessa, entre nos seus grupos de Facebook e mantenha-se ativo no Twitter. Não há ferramenta melhor do que essa para descobrir o que pessoas reais estão perguntando.

Essas perguntas são a alma do seu conteúdo. Toda a sua estrutura gira em torno das intenções de seu público. Portanto, inspire-se no material que você admira para criar suas próprias respostas e atingir as suas metas.

2. Lembre-se que assuntos chatos não existem

Pense em um assunto meio sem graça. Entediante, sobre o qual ninguém teria muita coisa para comentar. Pense, por exemplo, em pães de queijo.

Você pode amar pão de queijo, porém praticamente não se ouve falar do assunto. Ele não sai nos noticiários, tampouco crescem as tendências de busca sobre o tema.

Agora, suponha que sua missão é elaborar tópicos interessantes sobre esse tema. Ainda que o tema não seja uma bomba, com as técnicas certas você pode dar força a um assunto trivial.

Confira alguns exemplos de chamadas:

  • Aprenda a fazer o melhor pão de queijo da sua vida usando apenas 3 ingredientes
  • Descubra porque os pães de queijo são mais vendidos em Belo Horizonte e o que isso diz sobre o público consumidor
  • Veja 4 motivos pelos quais você não deve comer pão de queijo fora de Minas Gerais

Pensando um pouco sobre os elementos básicos de uma pergunta (o quê, quem, quando, onde, por que e como) é possível não só elaborar uma pauta clara, mas também usar a criatividade para enriquecer ideias e, por fim, transformar qualquer assunto em algo interessante.

Ao invés de pães de queijo, experimente fazer o mesmo exercício usando as dúvidas ou problemas de seus prospects. Dessa forma, procure formular abordagens diferentes para os assuntos que encontrar.

O resultado poderá originar um conteúdo avançado, que não é somente capaz de responder perguntas de seu público, como também de atender às dúvidas que ele ainda nem pensou em fazer.

3. Pense em explorar um ponto que quase todos discordariam

Existe algo que sua persona acredita que acontecerá no futuro, mas que os outros consideram impossível? Alguma estratégia que seu público usa, mas que você acredita estar fadada ao fracasso? Uma ideia contrária a respeito de um produto que todos amam?

Esse exercício é uma excelente forma de fazer o redator pensar fora da caixa. Ao questionar os paradigmas e as próprias dúvidas de seu nicho, é possível criar uma gama de ideias inovadoras, contrárias a velhos conceitos que podem estar ultrapassados.

Tudo isso pode resultar em uma ideia para um conteúdo atualizado, e em um título engajador, capaz de impactar e aguçar a curiosidade de sua persona.

4. Nunca deixe a pesquisa de lado

Faça uma lista com todas as dúvidas de seus prospects, e procure elementos comuns entre elas. Pode ser uma palavra-chave, um problema que muitos estão enfrentando, uma necessidade compartilhada ou até mesmo um tom de escrita similar, por exemplo.

Nesse processo, você pode contar com a ajuda de ferramentas como o Google Trends e Serpstat.

Esta última permite pesquisar perguntas de um nicho específico com a palavra-chave que você escolher. Isso  usando os resultados de sugestões automáticas de sites de busca, como o Google.

Agora que encontramos o material bruto que você precisa para criação, é hora de refiná-lo com uma sessão de Brainstorm. Esta prática deve ser feita periodicamente, para certificar-se de sua estratégia de conteúdo continua relevante para sua persona.

Nesse processo, você vai classificar as perguntas mais importantes, adotar a tática de criação que você aprendeu no item dois para construir uma nova lista de títulos e definir a estratégia de conteúdo específica para cada um deles.

Para isso, a linguagem da escrita, os problemas abordados e as soluções apontadas serão originárias das perguntas, ou seja, do material que você selecionou.

Isso é importante porque, quando estamos falando sobre conteúdo criativo, 99% de sua composição é baseada em informação e pesquisa. Apenas 1% vem daquele “insight”, ou ideia inspiradora que apareceu do nada, como nós vemos nos filmes.

5. Em vez de somente responder, pergunte também

Parece estranha a sugestão de perguntar junto com sua persona, mas a ideia aqui é encontrar novas sugestões de pauta.

Interaja com seu público, pergunte sobre quais assuntos eles gostariam de ler, promova debates, enquetes, hangouts e pesquisas de opinião. Além de gerar autoridade para a sua marca, com certeza alguma coisa boa vai sair daí.

Outra ideia é tentar prever as perguntas que estão por vir, muito comuns na ocasião de um lançamento de produto ou serviço, por exemplo.

Usando as suas pesquisas, elabore um conteúdo próprio para elaborar as respostas mais requisitadas e divulgue esse material online.

A implantação de FAQs, plugins e formulários sobre dúvidas é uma meio poderoso de descobrir as demandas dos leitores. Mecanismos de pergunta e resposta são ferramenta poderosas para aumentar o engajamento de seus clientes e manter seu conteúdo bem rankeado.

Uma dica ousada é elaborar um fórum ou evento mais direto, do tipo “pergunte agora tudo o que você quiser saber sobre [insira aqui um tema relevante para o conteúdo de sua empresa]”, e se comprometa a atender todas as dúvidas propostas, seja em um webinar, post ou material educativo.

Ao responder de forma criativa às dúvidas do seu público, você aumentará o seu número de visitas, conversões e clientes fiéis aos seus serviços. Não tenha medo em investir de verdade em um conteúdo estratégico, pois ele garante resultados para sua marca!

Gostou desse post? Tem mais alguma dica para caprichar na criatividade de seus conteúdos? Interaja com a gente, e deixe seu comentário logo abaixo. Vamos adorar saber a sua opinião!