Por Samanta Jovana

Redatora da Comunidade Rock Content.

Publicado em 17/10/2019. | Atualizado em 07/11/2019


As referências ABNT exigem a indicação dos autores, título, subtítulo, edição, local, editora e data de publicação. Para fazer a referência de um livro conforme a ABNT, deve-se escrever: SOBRENOME, Nome Abreviado. Título: subtítulo. Edição. Local de publicação: Editora, data de publicação da obra.

Se você trabalha com a produção de textos ou já precisou redigir um material acadêmico, sabe a importância de incluir referências bibliográficas ABNT. Seguir as regras estabelecidas para citação é uma forma de respaldar o seu artigo, elevar a credibilidade e, ainda, respeitar a origem da informação.

Para tal, algumas informações sobre a fonte são indispensáveis, como o título, o autor, a edição, a data e o local de emissão.

Para cada formato de publicação, é preciso seguir um modelo bem específico de para se adequar ao que exige a Associação Brasileira de Normas Técnicas.

Pode parecer complicado, mas, uma vez que você entende o padrão, o processo se torna bem simples. Neste artigo, vamos apresentar exemplos práticos para diferentes tipos de referências, como livros, artigos de revistas, monografias e muito mais. Acompanhe!

Quais são os diferentes formatos de referência bibliográfica ABNT?

A ABNT busca padronizar ao máximo o formato das referências bibliográficas. Ainda assim, dependendo da fonte que você utilizar em seu texto, a disposição e até a ordem das informações a serem citadas podem variar.

Essa variação não se limita apenas às obras com formatos distintos, como artigos de revistas, palestras e websites. A simples existência de mais de um autor em um livro, por exemplo, faz com que a citação seja diferente. A seguir, você vai ver como isso funciona na prática.

Livro com um autor

A citação de um livro com apenas um autor deve seguir o seguinte formato.

SOBRENOME, Nome Abreviado. Título: subtítulo (se houver). Edição (se houver). Local de publicação: Editora, data de publicação da obra.

Livro com até três autores

Se o livro em questão contar com dois ou três autores, basta adicionar um ponto e vírgula e incluir o nome e sobrenome do segundo autor. O resultado deve seguir o padrão mostrado abaixo.

SOBRENOME, Nome Abreviado; SOBRENOME, Nome Abreviado. Título: subtítulo (se houver). Edição (se houver). Local de publicação: Editora, data de publicação da obra.

Livro com mais de três autores

Em casos de mais de três autores, pode ser difícil incluir todos na citação, embora não haja regra que proíba isso. Uma alternativa muito utilizada é a inclusão apenas do nome do primeiro autor, seguido da expressão “et al”, que, em latim, significa “e outros”.

SOBRENOME, Nome Abreviado. et al. Título: subtítulo (se houver). Edição (se houver). Local de publicação: Editora, data de publicação da obra.

Livro com autor desconhecido

No outro extremo dos livros com autores demais, temos aqueles cujos responsáveis não são conhecidos. Para citar obras de autores anônimos, o modelo é esse mostrado abaixo.

TÍTULO EM CAIXA ALTA – Cidade – Editora – ano de publicação – página

Artigo online

Caso o artigo que você queira citar esteja disponível na internet, é preciso especificar onde ele pode ser encontrado e o momento exato em que você o acessou.

SOBRENOME, Nome Abreviado. Título: subtítulo (se houver). Nome do site, ano. Disponível em: (link). Acesso em: (data).

Artigo online sem autor conhecido

Se o artigo em questão não contar com um autor conhecido, deve-se especificar o nome do website em que o texto está disponível, conforme exemplo abaixo.

Nome do site. Título: subtítulo (se houver). Nome do site, ano. Disponível em: (link). Acesso em: (data).

Constituição federal ou estadual

A citação de um trecho exposto em uma constituição federal ou estadual exige que você especifique a região coberta pela constituição, o local em que fica o órgão constituinte, o ano de publicação e a página. Confira um modelo de citação da constituição federal de 1988.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988. Página.

Legislação comum

Já quando a citação se refere a um artigo da legislação comum, o modelo a ser seguido deve ser o apresentado a seguir.

BRASIL. Lei nº X.XXX, de XX de mês de ANO. Função da lei. Diário Oficial da União, Brasília, DF, v. XX, n. XX, data de publicação do diário onde a lei foi divulgada. Seção, páginas.

Artigo de revista

Se você quer incluir um artigo de revista em suas referências bibliográficas, é importante indicar a página de início e fim da citação. Confira o modelo padrão a seguir.

SOBRENOME, nome abreviado. Título do artigo. Título da Revista, (abreviado ou não) Local de Publicação, Número do Volume, Número do Fascículo, Páginas inicial-final, mês e ano.

Tese

Por fim, temos as citações a teses, monografias e dissertações. Nesse caso, é preciso, além de especificar o nome do autor, trazer informações como o número de páginas e o ano de apresentação.

SOBRENOME, nome. Título: subtítulo. Ano de apresentação. Número de folhas ou volumes. (Categoria e área de concentração) – Instituição, Local, ano da defesa.

Aproveite e confira outros conteúdos que vão te ajudar na Vida Acadêmica! 🎓
Artigo científico: quais são suas principais particularidades?
Pesquisa bibliográfica: saiba como fazer em 7 passos
Entenda aqui como fazer fichamento de livros e artigos acadêmicos
Como fazer uma citação: aprenda agora em 5 formas diferentes
Como fazer referência de site em um trabalho acadêmico?
Doutorado: entenda o que é, por que e quando escolher esse título!

Qual a importância de seguir os padrões ABNT

Utilizar referências é uma forma de enriquecer seu conteúdo com ideias já desenvolvidas anteriormente. Elas podem ser usadas tanto para embasar o que você está dizendo, exemplificar algo ou simplesmente provar um ponto. O fato é que as fontes originais devem receber devido crédito.

Em alguns tipos de conteúdo, como as apresentações acadêmicas, a utilização dos padrões de referência bibliográfica ABNT é algo mandatório. Por isso, se você está trabalhando em sua monografia, por exemplo, se atentar a esses detalhes é fundamental para o seu sucesso.

De qualquer forma, mesmo que para fins não acadêmicos, a utilização das normas criadas pela ABNT ajuda a padronizar o modo como as informações são dispostas. Dessa forma, o leitor tem facilidade em checar a fonte da citação, o que eleva a credibilidade do seu artigo e, ainda, melhora a experiência de quem está lendo.

Para empregar o padrão de referência bibliográfica ABNT em seus textos, é essencial entender a diferença dos detalhes exigidos para cada formato. Em um primeiro momento pode ser um desafio, mas, com um pouquinho de prática, você vai perceber que não se trata de algo tão complexo.

Já que estamos falando de algo que pode ser aplicado tanto na sua vida acadêmica quanto profissional, que tal falarmos mais sobre essa dualidade? Neste ebook, passamos dicas para você conciliar trabalho e estudos. Confira!

Como conciliar trabalho e estudosPowered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto