Por Samanta Jovana

Redatora da Comunidade Rock Content.

Publicado em 03/02/2018. | Atualizado em 31/08/2018


Como profissional autônomo, o que a combinação profissional de SEO e redator freelancer pode garantir? Descubra aqui!

Um dilema constante que passa pela mente do profissional de SEO e do redator diz respeito à responsabilidade sobre a otimização do conteúdo. Search Engine Optimization e Marketing de Conteúdo têm muito em comum, ainda que sejam disciplinas isoladas. Por causa disso, o assunto dá pano para manga, mas acreditamos ter encontrado o caminho para a solução.

Mas e se lhe disséssemos que o profissional de SEO deve ser, ao mesmo tempo, um redator freelancer? Ao longo do artigo de hoje, vamos lhe mostrar por que isso faz todo o sentido. E provaremos, por A + B, que copywriting e otimização de SEO têm tudo a ver.

O que faz o profissional de SEO?

Antes de argumentar nosso ponto, porém, vamos explorar quais são as particularidades dessas duas profissões. Começando por endereçar a rotina do profissional de SEO. Embora você já tenha visto falarmos aqui no blog sobre a importância deste recurso nós nunca entramos no mérito do que faz alguém que se dedica exclusivamente a otimização de páginas.

Um dos principais motivos para mudar isso é desmistificar a atuação do profissional de SEO. É muito comum que se pense que ele passa o dia inteiro fazendo uma coisa só e que a sua rotina envolve duas coisas. Que no caso seriam organizar e otimizar um site.

Uma vez cumprida essa tarefa o profissional de SEO poderia então passar a lidar com a página do próximo cliente. Todavia, na prática as coisas são um pouquinho mais complicadas do que isso.

O trabalho de SEO é um esforço diário, tão relevante quanto atualizar um blog com conteúdo ou fazer postagens em redes sociais. Se é difícil manter uma presença online e cultivar uma comunidade de usuários, você pode imaginar que o mesmo se aplique a otimização de um website.

Há três grandes grupos de tarefas que compõe o dia a dia de um profissional de SEO. Algumas delas são relacionadas ao projeto, outras são relacionadas às melhorias propostas para esse projeto e há ainda todo um outro grupo de atividades que diz respeito a conhecer o perfil dos usuários de um site.

Atividades diárias

Nas atividades de projeto, este profissional deve, por exemplo, auditar o conteúdo de um site, identificar possíveis incrementos, aplicar e verificá-las Todo esse trabalho tem uma ordem de execução, que, geralmente, começa com a otimização de textos, avança para a adequação de links e termina na normatização das imagens contidas em uma  página.

Com relação às melhorias, o profissional de SEO precisa trabalhar como um especialista em marketing, identificando as prioridades de uma empresa e determinando como Search Engine Optimization pode contribuir com elas. A partir daí, ele começa a trabalhar com algumas táticas específicas e precisa avaliar, testar e implementar suas soluções.

Já o trabalho de entender o perfil de seu usuário é contínuo. Ele exige observar os tipos de conteúdos, tópicos e palavras-chave utilizados na estratégia para entender melhor o que traz resultados para o negócio/projeto.

Como você pode observar até então, o trabalho do profissional de SEO é tudo menos simples. Ele desempenha uma série de funções na manutenção de um website e é um dos protagonistas de uma estratégia web.

Entretanto, isso não significa que ele é o único player relevante para fazer com que seu site suba de posição no Google. Há outro personagem que é tão importante quanto o especialista em SEO na hora de fazer a sua página rankear melhor. Estamos falando, é claro, do redator ou copywriter.

Mesmo porque, ainda que seja trabalho do especialista em SEO identificar as palavras-chave que mais ressoam com o seu público e podem impactar sua produção de conteúdo, cai nas mãos do redator a tarefa de fazê-las brilharem. Se você nunca trabalhou com SEO, pode não entender exatamente do que estamos falando, mas já vamos lhe explicar.

Qual o papel do redator ou copywriter?

Para falar do papel do redator/copywriter precisamos mostrar para você uma das particularidades do SEO moderno. Talvez, você saiba que palavras-chave são um aspecto importante da redação para a web. E, como pôde ver no tópico anterior, uma grande parte do trabalho de um profissional de SEO.

O que, talvez, ainda é desconhecido é o quanto um redator precisa entender de Search engine optimization. Um buscador indexa conteúdos e mostra resultados levando em consideração uma palavra-chave. Mas isso não quer dizer que basta incluí-la em um texto para rankear bem no Google.

Usar palavras-chave demais ou de menos pode prejudicar o seu desempenho. Um bom copywriter, então, precisa dominar a habilidade de construir conteúdo e posicionar o termo relevante uma quantidade apropriada de vezes.

Se uma palavra-chave aparece com muito mais frequência do que ela apareceria em um texto genuíno, buscadores entendem isso como spam. E penalizam as páginas que adotam a prática. Por causa disso, conhecimentos de SEO são fundamentais para quem produz conteúdo.

Atenção, redatores e copywriters!

Agora que você entende esse ponto podemos finalmente responder a pergunta que intitula essa seção. Qual é o papel do redator ou copywriter?

Veja que utilizamos dois termos diferentes para referenciar o produtor de conteúdo. Isso porque enquanto redator é um termo amplo, que diz respeito a qualquer pessoa que produz conteúdo, copywriter não. Falamos melhor sobre isso em um post que você pode conferir clicando aqui.

O que esses dois têm em comum é o fato de que SEO é relevante para ambos. Quando um redator cria conteúdo para ser publicado em um blog, ele precisa necessariamente considerar como esse conteúdo reflete no SEO da página. E quando o copywriter faz textos com finalidade específica também.

Devido ao importante papel que Search engine optimization tem no trabalho desses dois, o natural seria que eles se tornassem especialistas no assunto, não é mesmo? Infelizmente, nem sempre isso acontece.

O mercado está saturado de profissionais que, embora tenham uma boa escrita, não reconhecem que produzir para internet exige se adaptar a uma série de fatores. Por causa disso, cada vez mais, precisamos de profissionais de SEO com a capacidade de criar conteúdo.

 O que essas profissões têm em comum?

Mostramos para você que SEO é muito mais do que apenas otimizar páginas. Este é um trabalho que envolve criatividade e a busca contínua por melhoramentos. Mas, na introdução desse texto, mencionamos um dilema que ainda não teve resposta.

É papel do SEO ou do redator otimizar conteúdo? O profissional de SEO dedica boa parte do seu tempo procurando erros e detectando formas de contorná-los. Ele é o grande responsável por garantir que a arquitetura de um website está na sua melhor forma.

Por outro lado, geralmente não é ele quem alimenta páginas com conteúdo. E isso gera uma série de problemas. Eles podem ser resolvidos de algumas formas.

A primeira, educando redatores a respeito de SEO. A segunda, fazendo com que profissionais de otimização revisem todo o conteúdo de um site sempre que for feita uma atualização, buscando por melhorias.

Mas há um outro modo de solucionar o problema. E ele envolve transformar profissionais de SEO em redatores.  Talvez os motivos supracitados ainda não sejam o bastante para lhe convencer dessa necessidade.

Vamos tentar, então, a seguinte abordagem: ambos profissionais têm tarefas em comum. Um expert em SEO e um redator estão mais próximos do que imaginam. Os dois têm exatamente o mesmo objetivo. Fazer com que uma página rankeie melhor no Google. Eles ainda compartilham um método de trabalho. Parte dele é entender como os mecanismos de busca operam, para se dar bem.

O profissional que escolhe diversificar a sua atuação e se transformar em mais do que um especialista em SEO tem tudo para se diferenciar no mercado.

Por que é uma boa ideia investir em aprender ambas?

Se hoje o redator tem de saber mais de SEO do que o profissional de SEO tem que saber de conteúdo, as coisas sem sempre foram assim. Houve um tempo em que fazer com que um site se saísse bem nos buscadores era papel apenas do profissional que estava otimizando um site.

Com o Marketing de Conteúdo, as coisas mudaram de figura. E ficou mais evidente que para escrever conteúdos incríveis, feitos para bombar na internet, é exigência entender de Search engine optimization.

Todo mundo tem um papel no sucesso de uma página, mas é muito mais fácil para o profissional de SEO assumir também a posição de redator do que o contrário. As pessoas que escrevem para sites vêm de muitos backgrounds diferentes.

Aqui mesmo na Comunidade você encontra designers, jornalistas, advogados e tantos outros profissionais que veem na escrita uma forma de diversificar suas carreiras. Por que um profissional de SEO não poderia fazer o mesmo?

Tornar-se um redator vai ajudá-lo a encontrar tipos de trabalhos mais variados, a atingir novos clientes e fará de você um profissional mais completo. Afinal, estará apto não apenas a otimizar páginas, bem como a preenchê-las com conteúdo de alta qualidade e que traz para o seu cliente ótimos resultados.

Como me tornar um freelancer multitarefa?

Gostou da ideia de desempenhar as duas funções? Então, vamos lhe ajudar a se tornar um freelancer multitarefa. Selecionamos aqui algumas das melhores dicas que alguém pode seguir para começar uma carreira como redator.

1. Entenda o que faz um redator freelancer

A profissão de redator freelancer é muito diferente do que você faz como especialista em SEO. Por isso, familiarizar-se com o conceito é uma boa maneira de começar a se acostumar com a ideia de trabalhar nisso.

O redator freelancer é a pessoa que é contratada para manter uma página de conteúdo relevante e especializado. Ele pode fazer isso trabalhando em uma empresa ou por conta própria. E essa não precisa ser a sua única profissão.

De fato, quanto mais coisas um redator freelancer souber fazer, melhor. Assim ele terá experiência e informação o suficiente para desenvolver múltiplos tipos de conteúdo de acordo com a necessidade de cada cliente. Então, se você trabalha durante o dia em uma agência, otimizando o SEO de páginas, não precisa abandonar a sua carreira atual para se firmar como redator.

O que você precisa fazer é se acostumar com a ideia de elaborar um texto, considerando um determinado público-alvo, adaptando a sua linguagem ao tom da persona e seguindo os direcionamentos indicados pelo planejamento.

A verdade é que os redatores, geralmente, trabalham com aquilo que gostam, ou seja, não precisam escrever sobre assuntos que não dominam. Isso faz com que eles possam entregar um desempenho extraordinário em cada uma de suas criações.

2. Especialize-se na área

Para se tornar um redator freelancer você deverá obter algumas certificações. Afinal, seus contratantes precisam ter certeza de que você está apto a entregar bon resultados. Com o conhecimento acumulado em SEO não será difícil se familiarizar com os demais conceitos da profissão.

Um curso, como o de Produção de Conteúdo Web 2.0 da Rock University, é um bom lugar para começar. Ele lhe ensinará os fundamentos do copywriting e de outros conceitos, como escaneabilidade e fundamentos do Marketing de Conteúdo.

3. Crie um portfólio

Assim que começar a escrever o seu próximo passo natural é o de criar um portfólio. Nele você deve incluir exemplos do seu trabalho (que podem ser textos feitos para um projeto pessoal ou um cliente fantasma) e seus contatos profissionais.

Um bom portfólio inclui apenas as suas melhores produções. No começo pode ser difícil selecionar o que incluir ali, mas você deve levar essa tarefa a sério. É por meio de um portfólio que clientes decidirão se desejam trabalhar com você ou não.

4. Inscreva-se na Plataforma Rock Content

Encontrar suas primeiras oportunidades de trabalho como redator freelancer poderá ser difícil. Mas, felizmente, existem lugares na internet onde você pode se conectar com clientes e ter a sua primeira chance. A Plataforma Rock Content é um desses lugares.

Ela o ajudará a ampliar a sua rede de contatos, desenvolver as primeiras peças que integrarão o seu portfólio e a ganhar experiência, trabalhando com especialistas em Marketing de Conteúdo.

E aí, ficou convencido que um profissional de SEO deve se tornar um redator freelancer? Essa é uma ótima forma de diversificar sua atuação, adquirir novos conhecimentos e até mesmo fazer uma renda extra. Aproveite as dicas e boa sorte!

banner levantada de mão redação

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *