Por Amanda Gusmão

Amante do homeoffice, geek old school e mãe de dois pequenos padawans.

Publicado em 29/08/2018. | Atualizado em 05/09/2018


Quantas opções de organizadores de tarefas você conhece? Selecionamos algumas informações que você precisa saber para escolher a melhor opção de método e aplicativo!

Vai parecer piegas, mas a verdade é que um organizador de tarefas é tudo que falta para você ter verdadeiramente o controle da sua vida nas mãos — ou smartphone, iPad, caderninho, bullet journal etc.

Note, estamos falando de tarefas e não finanças, embora uma coisa fatalmente esteja inserida na outra. Acontece que nada é mais valioso do que o seu tempo, e se você não o organiza de forma produtiva e em direção aos seus objetivos, vai ser, literalmente, um desperdício.

Calma, a ideia não é colocar seu dia em uma calculadora e tornar tudo “preto no branco” com hora marcada para esticar o esqueleto e metas de sorrisos por dia. Isso poderia acabar com sua criatividade e espontaneidade, ingredientes essenciais para ser feliz e tropeçar em experiências e paixões únicas.

Mas sabe aquela ideia “se organizar direitinho, todo mundo… se realiza“? É bem por aí, dá para planejar horas produtivas, educativas, recreativas, afetivas e de ócio total.

E se você faz parte do meu clube, o “Maravilhoso Mundo dos Ansiosos”, saiba que ainda existe uma outra vantagem incontestável que o organizador de tarefas pode lhe proporcionar: segurança. Vai por mim, é amor verdadeiro #realoficial saber o que precisa ser feito, em qual ordem e prioridade das coisas.

E agora vem o momento apaixonante: você está na hora e lugar certo para conhecer os melhores métodos e ferramentas de organização de tarefas. Fizemos uma lista neste post com os pretendentes a organizador da sua vida mais cobiçados e com boa reputação do mercado. Prepare-se para morrer de amores por um deles!

Par perfeito: como escolher o seu organizador de tarefas

Vamos começar organizando a sua escolha, não é mesmo? Afinal de contas, são muitas opções de agenda virtual e física, algumas mais conhecidas e outras nem tanto.

Faça uma lista de suas necessidades

Fazer uma lista com suas necessidades pessoais e profissionais, por exemplo, é essencial. Com ela você pode identificar quais são os pontos que exigem controle, como datas de entrega, tempo de execução, envolvimento de outros profissionais, orçamentos, metas de gastos etc.

Considere metodologias que funcionam com você

Considere também a forma como você melhor se relaciona com suas tarefas. Você prefere fazer anotações em uma agenda física? Usar canetas de 250 cores (#irmãodojorelfeelings)? Ou quem sabe um esquema no celular com alertas sonoros te indicando o que fazer e quando entregar?

Existem diversas metodologias de organização e até soluções que podem te incentivar ainda mais na execução das suas obrigações.

Os principais apps e métodos de planejamentos usam princípios como o Kanban, Scrum, Prints Ágeis, Get Things Done (GTD) e até gamificação com esquemas que simulam um jogo toda vez que você avança na conclusão de suas tarefas.

Para que um organizador de tarefas funcione é preciso que se adapte ao seu estilo de vida e faça com que o controle de tarefas seja algo natural — e não imposto de forma rígida. Em outras palavras, ele precisa primeiro conquistar seu coração para depois colocar ordem no seu cérebro.

Sugestões do editor:
Técnica Pomodoro: veja como aumentar sua produtividade com a gestão do tempo
4 dicas para organizar o e-mail e ser mais produtivo
Produtividade: 25 dicas de como ser mais produtivo no trabalho
Hacks e atitudes para melhorar a sua capacidade de concentração
Descubra como usar post-it para melhorar a sua organização
Como ser mais produtivo: tudo o que você pode aprender vendo Ted Talks

Pretendentes: saiba onde encontrar seu crush da organização

Considerando todas as metodologias possíveis e o que é importante para você, é hora de encontrar seu crush da gestão pessoal. Infelizmente, ou felizmente, não sei dizer, não existe um Tinder para isso, sua procura precisará ser feita da maneira tradicional, até porque algumas das melhores maneiras de controlar suas tarefas é manualmente.

Selecionamos nossos favoritos:

Bullet Journal

Já falamos sobre esse caderninho desejo aqui no Blog da Comunidade, e vale a leitura do post completo se você gosta de colocar a mão na massa, mas com uma incrementada de códigos e regras de organização.

Ele consiste basicamente em um caderninho cheio de pontos que podem ser usados para criar listas de tarefas a serem feitas, desenhos com esquemas criativos ou qualquer outra anotação que seja relevante para o controle dos afazeres.

O pai do Bullet Journal (sim, porque apesar de ser um caderninho cheio de pontos, ele tem uma metodologia de preenchimento totalmente patenteada), inclusive, era gente como a gente, que sofria com métodos de organização que nunca davam certo para ele, sabe? Enfim, vale dar uma chance para ele (o bullet Journal, viu!).

Trello

Sim, podemos dizer que o Trello é um dos partidões do pedaço pois já é muito conhecido é utilizado, mas sua fama foi construída principalmente nas empresas, o que faz interessante a tentativa de levar ele pra casa, no uso doméstico ou de profissional independente.

Baseado na metodologia GTD, ele usa cores para diferenciar tarefas de diferentes áreas da vida, pode ser compartilhado com outros profissionais usando, inclusive, e-mails para agendar tarefas e compromissos.

E, então, se apaixonou por algum organizador de tarefas desse post? Calma, nem sempre rola amor à primeira vista. Aliás, solteiros e desorganizados de plantão sempre possuem uma resistência inicial para encarar um novo relacionamento.

Mas, como disse no início desse post, é tudo que você precisa para tomar o controle da sua vida e começar a caminhar na direção dos seus objetivos sem dar voltas sem fim.

E se você gostou dessa vibe de organizar as coisas, precisa conhecer outras ferramentas que podem te ajudar com as suas tarefas. Quer conhecer algumas delas? Veja essa seleção incrível!

ferramentas e aplicativos para produtores de conteúdo

Posts populares com esse assunto