Por Luiza Drubscky

Gerente de Marketing na Rock Content.

Publicado em 09/09/2018. | Atualizado em 08/11/2019


Buscando oportunidades para fazer uma renda extra aos fins de semana? Neste post ensinamos como se preparar, encontrar o job certo e encantar os seus clientes!

Em tempos de crise, nada mais financeiramente responsável do que buscar algumas maneiras de ganhar um dinheiro extra, não é mesmo? Complementar a renda pode ser justamente a saída que você estava procurando para não fechar o mês no vermelho.

Saiba que são várias as opções de trabalho extra de fim de semana que estão ao seu alcance, para que você consiga ter novas ideias para aumentar a sua renda. Que tal algumas dicas sobre o que você pode fazer como bico de fim de semana? Então, acompanhe!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Como se preparar para procurar um trabalho de fim de semana

Antes de começar a buscar uma opção de job aos fins de semana, uma boa preparação é fundamental. Afinal, ninguém quer perder tempo ao encontrar a melhor oportunidade, não é mesmo?É por isso que criamos um material gráfico super informativo para te explicar o que fazer. Confira:

Infográfico ensinando o que fazer antes de procurar um trabalho de fim de semana

Ideias para aumentar a renda no fim de semana

Existem alguns serviços que são realizados com mais frequência aos sábados e domingos — principalmente aqueles relacionados a eventos e festas. Além disso, há também aqueles trabalhos que dependem de um talento nato do profissional, como ser músico ou escritor.Listamos a seguir uma série de empregos de fim de semana e suas principais características e exigências. Busque qual deles se encaixa em seu perfil!

1. Ser bartender pode render um dinheiro extra aos fins de semana

Nos fins de semana, é muito comum que empresas de eventos necessitem pontualmente de profissionais autônomos. Afinal, a demanda por esses serviços não é constante ao longo da semana. Muito pelo contrário, essas atividades costumam se concentrar às sextas-feiras e sábados. Se você tem maior disponibilidade para trabalhar nesses dias, talvez essa seja uma solução para aumentar a renda.

Não se esqueça de que, para trabalhar como bartender, é preciso também ter talento para o preparo de drinks, dos mais variados tipos. Caso essa seja uma atividade que te interessa, uma boa dica é acompanhar as postagens do canal Bebida Liberada, em que você aprende a fazer diversos drinks!

Quer descobrir novas formas de complementar sua renda? Preencha o form abaixo e acesse o nosso guia com 23 dicas que vão te ajudar a ganhar uma graninha extra. Mas não deixe de conhecer as outras 8 opções de trabalho nos fins de semana!

:Salário extra: 23 maneiras de complementar sua renda!
Quer aprender formas simples de contribuir com sua receita mensal? Baixe esse ebook agora e comece a ganhar mais dinheiro ainda hoje! 🙂

complementar a rendaPowered by Rock Convert

2. Procure trabalhar em lojas e restaurantes nos fins de semana

Muitas lojas e restaurantes contratam pessoas para trabalhar apenas nos fins de semana, pois esses são os dias de maior movimento e circulação de clientes. Se o método de pagamento deles envolver também uma comissão sobre o volume de vendas, melhor ainda!

Esse é um ótimo incentivo para você fazer um bom trabalho e garantir mais rendimentos no fim de semana. Além disso, exercer essa atividade pode aumentar sua rede de contatos — ou seja, fortalecer o networking. Isso torna mais fácil que novas oportunidades apareçam no futuro!

3. Considere trabalhar com eventos nos fins de semana

Também é possível utilizar alguns de seus talentos para trabalhar em eventos específicos no fim de semana. Por exemplo, se você tira boas fotografias, por que não atuar como freelancer em casamentos, formaturas e festas de 15 anos?

Muitas empresas de fotografia contratam profissionais justamente para cobrir esses eventos maiores, em que é necessário contar com o apoio de diversos fotógrafos ao mesmo tempo. Pode ser uma boa opção para você!

4. Escreve bem? Que tal escrever conteúdo para web como freelancer?

Se você escreve corretamente, gosta de aprender sobre assuntos novos e sabe concatenar bem suas ideias no papel (ou na telinha do computador, é claro), é possível buscar oportunidades de emprego como redator web.

Empresas como a Rock Content contam com uma Rede de Talentos especializada de freelancers e, para fazer parte, basta fazer sua inscrição para ser redator e fazer a sua candidatura!

Os freelancers têm autonomia para escolher quando e quais tarefas produzir, por isso é possível concentrar as atividades nos fins de semana, quando você tem mais disponibilidade.

Confira alguns conteúdos para aprender como produzir textos incríveis! ✍️
Como escrever bem: 39 dicas para começar agora
Como fazer uma introdução perfeita: o guia definitivo
Como fazer uma conclusão perfeita!
Storytelling: tudo sobre a arte de contar histórias inesquecíveis
Copywriting: entenda como dominar a escrita persuasiva
Textos Argumentativos: veja como trabalhar seus argumentos da melhor maneira
O que é resenha e qual é a diferença para o resumo?
Como fazer uma resenha: o passo a passo definitivo para uma resenha perfeita

5. Saiba que seus talentos musicais podem virar trabalho de fim de semana

Outra atividade que concilia hobby e renda extra é a música. Muitas pessoas têm talento suficiente para tocar instrumentos junto a bandas e corais nos mais diferentes eventos.

Como eles costumam ocorrer nos fins de semana, é possível conciliar essas atividades com outros compromissos que você possa ter em dias úteis. Além de manter seu hobby musical, essa é também uma fonte de rendimentos para quem está apertado financeiramente.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixoNão se preocupe, não fazemos spam.Powered by Rock Convert

6. Gosta de ensinar? Que tal ser um professor de inglês online?

Aulas EAD (ensino a distância) são cada vez mais comuns hoje em dia, e não apenas para o ensino superior. Escolas de idiomas também estão apostando na modalidade online, aproximando alunos e professores de uma forma inovadora e altamente rentável.

Sites como o Open English, por exemplo, proporcionam plataformas justamente com essa proposta. Se você tem experiência no ensino de inglês e disponibilidade para lecionar algumas das disciplinas do curso, é possível encaixar as aulas no fim de semana. Inclusive, há muitos alunos extremamente ocupados em dias úteis, que só podem assistir a aulas aos sábados e domingos!

7. Vlogs no YouTube (com pelo menos 30 mil visualizações) podem ser boas fontes de renda

Boas ideias e naturalidade em frente à câmera podem gerar altos rendimentos para muitas pessoas. Manter um vlog no YouTube não é fácil, já que os conteúdos precisam ser variados, a frequência de postagens tem que ser alta e você precisa entender bem o que seus espectadores esperam de você.

No entanto, você poderá monetizar sua audiência quando ultrapassar a marca de 30 mil visualizações por vídeo. Vloggers como Jout Jout Prazer e Chata de Galocha são exemplos de sucesso no YouTube, tratando de temas simples, mas que despertam o interesse do público.

8. Crie lojas virtuais para expor seus produtos

Muitas pessoas têm aptidões naturais para produzir artesanato, camisetas e outros artigos que venham a despertar o interesse de usuários online. Por que não utilizar esses talentos pessoais para promover vendas online e aumentar sua renda?

É isso o que muitas pessoas já fazem hoje em dia, como os criadores da loja BSB Memo, uma loja que só vende souvenirs de Brasília, de produção própria. Belo Horizonte também conta com a mesma iniciativa, o Made in Beagá, com camisas e outros artigos personalizados para venda online.

E você pode estar pensando que montar um site para vendas online é caro, difícil e impossível de fazer na prática sem a ajuda de especialistas no tema. No entanto, você encontra ótimas opções online para viabilizar esse sonho, como são os casos da NuvemshopLoja Virtual e o Wix Stores, por exemplo.

9. Venda fotografias para banco de imagens

Se você tem um talento nato para fotografias, mas não quer trabalhar em eventos de fim de semana, pode também vender suas fotografias online. Sites de banco de imagens, como é o caso do iStockPhoto, pagam a seus fornecedores de imagens uma porcentagem do valor de venda de suas imagens.

No iStockPhoto, o valor da comissão varia entre 15% e 45%. Já no Fotolia, a comissão fica entre 20% e 65%. Você pode usar os fins de semana para explorar seus talentos fotográficos e compartilhar com outros usuários essas imagens, ganhando para isso!

10. Trabalha com mídias sociais? Seja freelancer na área!

Uma ótima oportunidade de fazer mais dinheiro e aproveitar o seu fim de semana é criando posts e monitorando as redes sociais de clientes. Hoje, todas as marcas precisam de uma presença nas redes sociais e se você tem experiência como analista ou planner pode encontrar muitos consumidores para os seus serviços.

Há muitos sites em que é possível conectar-se a empresas. O Workana, por exemplo, é uma ótima maneira de encontrar clientes e possibilita que cada profissional coloque o preço mais adequado em seus serviços. Contando com orientações, como o orçamento disponível para cada cliente é possível fazer propostas adequadas e encontrar projetos que oferecem os ganhos mais apropriados para a sua situação.

Outra chance de se lançar nesse mercado é propor uma parceria com as marcas locais. É provável que em seu bairro exista uma padaria, um cabeleireiro e outros tipos de pequenas empresas e prestadores de serviço que poderiam ganhar muito mais com exposição na internet. Entre em contato com essas pessoas, mostre para elas o potencial de ganhos que têm a conquistar investindo em perfis no Facebook, Instagram ou Twitter e crie estratégias personalizadas.

Com o passar do tempo e a melhoria de seus retornos esses clientes terão prazer em recomendar seus serviços para outros empreendedores. Se você se organizar é possível definir previamente todos os conteúdos para um intervalo de tempo, desenvolvê-los e fazer o agendamento de cada um deles para automatizar seu trabalho!

Nota do editor:
Compilamos as principais práticas para Facebook, Instagram e Twitter em um único ebook, que ainda inclui ideias de conteúdo, conhecimentos sobre métricas, persona e tipos de conta. Acesse agora e melhore sua estratégia nas redes sociais!

Estratégias de Redes Sociais para FreelancersPowered by Rock Convert

11. Conhece idiomas? Que tal trabalhar como tradutor?

Você adora idiomas e sempre teve facilidade em aprendê-los? Também é um fã da escrita e consegue compreender muito bem conteúdos nas línguas que fala? Trabalhar com traduções pode ser a profissão ideal para você.

Fazer esse trabalho nos finais de semana lhe permitirá ganhar um dinheirinho extra e expandir os seus conhecimentos. No geral, trabalhar como tradutor pode ser uma experiência tão positiva quanto um intercâmbio, porque possibilitará que você interaja diariamente com conteúdos em uma língua estrangeira e exercite a sua criatividade.

A tarefa de um tradutor é muito mais do que colocar um texto em outro idioma ao pé da letra. É preciso que esse profissional esteja atento às normas gramaticais, faça adaptações para melhorar a compreensão dos conteúdos criados e até se especialize em conteúdos específicos.

A tradução especializada é um ramo que pode render até uma carreira em tempo integral. Quem resolve dedicar-se a artigos acadêmicos e publicações em revistas estrangeiras pode cobrar mais caro pelos serviços que presta e construir uma clientela fiel entre pesquisadores e outros profissionais que precisam produzir conhecimento científico para se manter relevantes.

Encontrar seus primeiros jobs como tradutor pode ser complicado, mas com a ajuda de páginas como o Upwork e de um bom portfólio essa tarefa ficará mais simples.

12. É designer? Aproveite o fim de semana para freelas!

Os designers também têm facilidade para encontrar trabalhos de fim de semana. Com um bom portfólio e um pouco de investimento em SEO, conseguir visitantes para o seu website e pedidos de orçamento fica mais fácil.

Mas se você estiver procurando um fluxo de trabalho estável e uma quantidade previsível de dinheiro todos os meses, fique tranquilo: há oportunidades aqui mesmo na Comunidade Rock Content.

Clicando nesse link é possível fazer o seu cadastro na plataforma e ser conectado a vários clientes com uma demanda regular. Talento para diagramas e-books, atenção a detalhes e disponibilidade são tudo que um designer precisa para começar.

Outros websites, como o We Do Logos oferecem oportunidades para ganhar experiência e divulgar seus serviços.

13. Bom fotógrafo? Crie um portfólio e venda seus serviços

Já fez algum tipo de curso de fotografia e sabe que é bom na área? Os fins de semana são uma excelente oportunidade de aumentar a sua renda, pois geralmente neles são feitos os casamentos e ensaios pessoais.

É necessário expertise, porém, para assumir compromissos grandes como um casamento. Afinal, ninguém quer correr o risco de, na hora do sim, ter menos que a imagem perfeita, né?

Invista em qualificação, construa um bom portfólio e, inicialmente, ofereça os seus serviços para familiares e amigos. Assim você conseguirá construir a confiança necessária e começar a construir um portfólio.

Confira um compilado de dicas e leituras para se desenvolver e ter melhores resultados como um freelancer! 🚀
Marketing Pessoal: o que é e como trabalhar sua imagem profissional
Como criar um blog grátis personalizado: veja as 9 melhores opções!
Personal Branding: a importância de estabelecer sua marca pessoal
Gig Economy: entenda o que é essa tendência e como fazer parte!
Trabalho Remoto: 8 sites e 10 dicas para ganhar dinheiro sem sair de casa
Tudo o que você precisa saber sobre um profissional autônomo
Trabalho autônomo: 10 opções para quem quer mudar de carreira!
O que é freelancer e tudo que você precisa saber para se tornar um

Vantagens de ter um trabalho freelancer

É verdade que trabalhar em um projeto freelance, seja como fonte de renda principal ou como complemento dos seus proventos, apresenta inúmeras diferenças se comparado ao labor tradicional, aquele de carteira assinada e horários fixos. E você pode estranhar.No entanto, é verdade também que essas diferenças podem se tornar grandes vantagens para quem busca um estilo de vida mais alinhado aos gostos pessoais e à liberdade. Então, também neste post, listaremos as principais benesses do dia a dia do trabalho freelancer. Vamos conhecer?

Autonomia e flexibilidade

Esse é o maior ganho que uma pessoa pode ter no modo freela de viver, se a liberdade é um fator importante dentro da própria rotina. Isso porque, com esse tipo de trabalho, o profissional escolhe a que horas, onde e como deseja trabalhar.

Se dentro de uma organização nem sempre é possível ter autonomia de decidir por onde começará determinada tarefa e o que é prioridade de acordo com a própria perspectiva, na atividade freelancer, essa é uma habilidade que deve ser cultivada: capacidade de gerir bem o próprio tempo com eficiência.

Outra característica positiva é a possibilidade de organizar a própria rotina e poder, inclusive, reorganizá-la a partir de desejos pessoais. Na prática, significa que, se você acordou em um dia lindo de sol e está desejando pegar uma praia, basta reestruturar a agenda e ir satisfazer o seu desejo.

Claro que é preciso também adicionar doses de disciplina e comprometimento com as tarefas. Afinal, não haverá nenhum chefe te dizendo o que fazer, mas sim clientes cobrando a entrega no prazo. E isso é um fator importante para manter a credibilidade no mercado freela.Portanto, já é possível dizer que a profissão é muito indicada para pessoas notívagas, para aqueles que desejam mais flexibilidade para organizar as tarefas ou para pessoas que viajam muito, por exemplo. Qual desses é o seu caso?

Variedade de oportunidades

Como mostramos acima, há uma gama de carreiras para seguir ao optar pelo freelancing. Oferecer seus serviços de maneira autônoma pode não só ser caminho para garantir o sustento durante a crise ou complementar a própria renda, como também pode mostrar uma opção laboral que antes sequer você considerava.

Embora muito mais desafiador que uma carreira estabilizada, diversificar a atuação profissional pode representar maiores ganhos futuros dentro do universo freelancer. Como mostramos lá em cima, o trabalho pode ser atuar como tradutor, se aventurar na escrita e na revisão de textos para a web ou se tornar empresário de uma loja virtual.

Partindo desse argumento, então, é interessante identificar quais habilidades você tem para, assim, escolher a área que mais se adéqua ao seu perfil. E lembre-se: quanto mais diversificado for o portfólio de um freelancer, melhor!Inclusive, pesquisa sobre o Mercado Freelancer 2017, aponta que menos de 10% desses profissionais oferecem mais de três tipos de serviço.

Ganho por projeto/hora

Para aqueles que têm o desejo da autonomia e liberdade das quais falamos no tópico anterior, essa é uma vantagem irresistível ao ingressar na carreira freela. Isso porque ao fechar um trabalho com o cliente a única obrigação do profissional contratado é a entrega do serviço exatamente como foi combinado.

Em outras palavras, reforçamos: não importa de onde ou se vai realizar a tarefa de pijama ou roupa social, a verdade é que o trabalho será pago pelo valor acertado, ou seja, receberá por projeto ou hora trabalhada — e tudo isso você mesmo define.E para te ajudar a precificar cada trabalho uma dica é fazer uma média de tempo investido para realizá-lo com essa ferramenta aqui: a Calculadora dos Sonhos. Então, nesse tipo de trabalho, fique ciente de que o que importa é a produtividade.

E, claro, a procrastinação ensejará em uma desvalorização do seu valor-hora. Afinal, essas horinhas entrarão como tempo utilizado para realizar a tarefa.

Possibilidade de incrementar os ganhos

Visto que você tem certo controle de quando pode ganhar por mês com seus serviços, é completamente possível definir também em quantos reais deseja aumentar sua renda. Para isso é preciso trabalhar um pouco mais.

E o melhor: você pode ajustar esse aumento de carga horária do jeitinho que preferir. Claro que incrementar os ganhos enseja também o tempo de busca por novas oportunidades e clientes. Então, na hora de se planejar, considere esse passo na sua estratégia, ok?No caso de redação para a web na Rock Content, por exemplo, há possibilidade de se candidatar para mais de uma área de conhecimento e, assim, aumentar o fluxo de tarefas. #ficadica

Estilo de vida mais saudável e consciente

A pesquisa realizada pela Rock Content, We Do Logos e 99 Jobs sobre o panorama do trabalho independente no Brasil, que já citamos acima, também aponta que os profissionais mesmo diante de um cenário de crise estão priorizando cada vez mais a qualidade de vida.

Nesse sentido, se esse estilo de vida mais saudável, com a possibilidade de equilibrar a vida pessoal com a profissional, também é o seu desejo, a carreira freelancer pode ser uma boa aliada nessa trajetória.

Por não haver necessidade de cumprir uma carga horária ou bater ponto, na vida freelancing sempre sobra aquele tempinho para investir em si mesmo. Então, por mais que você tenha metas e prazos a respeitar, fica mais simples fazer escolhas mais condizentes com o tipo de vida que deseja cultivar.

Na prática, significa poder entrar naquela aula de dança que tanto deseja ou praticar Yoga toda manhã. Enfim, é possível organizar a rotina para atender aos anseios do coração. Maravilha, não é mesmo?

Agora que chegou até essa parte do texto, é possível que você já tenha se convencido de que as vantagens na carreira freela são muitas, correto? Já viu também como existem diversas possibilidades de trabalho extra no fim de semana, né?Pois bem, além disso, há outros aspectos que são interessantes destacar para quem está procurando um trabalho de fim de semana e quer incrementar os proventos. Por isso, reunimos algumas dicas infalíveis no tópico abaixo. Siga com a leitura!

Dicas para ter sucesso ao realizar trabalhos para complementar a renda

Ter uma folga no orçamento de cada mês é um grande sonho para muitas pessoas! Contudo, para investir nas atividades que listamos, é preciso ter as doses certas de responsabilidade, disciplina e organização.

Uma rotina com muitos compromissos e tempo reduzido de descanso pode ser de difícil adaptação no começo. Afinal, exige que nos ajustemos rapidamente, sem deixar de cuidar da saúde — mental e física! — para que as áreas não relacionadas com o trabalho não saiam prejudicadas.

Além disso, é preciso manter foco na produtividade e na dedicação para alcançar sucesso tanto nas atividades do dia a dia quanto nas que são realizadas apenas aos fins de semana.Descrevendo os requisitos dessa forma, pode parecer um grande desafio, não é mesmo? Para te ajudar, listamos boas práticas de organização e produtividade para manter uma rotina balanceada.

Priorize suas horas de sono

Dependendo do tipo de trabalho — como trabalhar com eventos no fim de semana, ser fotógrafo ou mesmo bartender —, pode ser necessário trocar o dia pela noite. Contudo, não deixe que isso atrapalhe suas boas horas de sono!

Dormir 8 horas em média por dia pode até parecer algo que deve ser deixado em segundo plano, mas é essencial para nossa saúde.Entre os benefícios de uma boa noite de sono estão o fortalecimento do sistema imunológico, a redução de problemas de saúde como a hipertensão e a garantia de que nosso sistema cognitivo esteja funcionando bem. Não há como trabalhar com a saúde debilitada, não é mesmo?

Organize seus horários

Muitas pessoas que buscam trabalhos de fim de semana precisam conciliá-los com a outra atividade que exercem durante os demais dias. Mesmo que ambas não tenham nada a ver — ou até que sejam relacionadas! —, saber separar as responsabilidades das duas é um passo crucial. Afinal, já pensou em quantos erros podem ocorrer se os detalhes de cada uma se confundirem?Ter horários bem definidos facilita a organização da rotina, além de evitar que seus compromissos se “embolem”. Atrasar-se ou se confundir são erros terríveis de serem cometidos. É por isso que planejar a rotina e ter horários certos para se dedicar a cada uma das atividades — e também à vida pessoal — é importante.

Confira um compilado de dicas e leituras para melhorar a sua produtividade!
Produtividade: 25 dicas de como ser mais produtivo no trabalho
Técnica Pomodoro: aumente a produtividade com o método do cronômetro
Trello vs. Asana: qual é o melhor aplicativo de organização?
Case de Sucesso: como se tornar mais produtivo em apenas 3 meses
Automação para freelancers: 5 dicas para trabalhar menos e lucrar mais
4 dicas para organizar o e-mail e ser mais produtivo
Conheça mais de 100 ferramentas e aplicativos para produtores de conteúdo

Não deixe sua vida pessoal de lado

Ok, trocar alguns fins de semana com os amigos e a família por um trampo extra traz muitos benefícios. Mais experiência profissional, uma rede maior de networking e aquela graninha extra ao final do mês. Quem não gostaria disso?

Contudo, é impossível se manter motivado para ocupar quase 100% da rotina com trabalho sem o apoio de pessoas queridas e, também, sem momentos de lazer. Por isso, coloque em prática a dica que contamos no tópico anterior e lembre-se de reservar um tempo para si, seja para sair com o namorado ou namorada, preparar um almoço para a família ou mesmo assistir filmes e seriados com calma.É esse tempo de descanso que lhe dará a energia necessária para o restante das atividades.

Utilize a tecnologia ao seu favor

Já falamos sobre priorizar o descanso e organizar os horários com o objetivo de manter a produtividade. Contudo, tudo isso pode parecer ainda mais trabalhoso do que apenas confiar na memória e cumprir os compromissos sem muito raciocínio!

Afinal, se nossa mente já fica cheia de pensamentos com as atividades dos dias de semana, quando o trabalho de fim de semana se junta… Nem se fala!

Por isso, fazer uso da tecnologia e algumas ferramentas que ela oferece pode ser uma estratégia poderosa — e que lhe poupará tempo! Softwares de organização e produtividade, como o Trello e o Asana, facilitam a administração de tarefas e podem enviar alertas caso estejam instalados no seu smartphone.

Já o Keep, um dos aplicativos da Google, pode ser aberto tanto no celular quanto no computador e as informações ficam salvas devido à conta vinculada. Ele é excelente para fazer anotações rápidas e programar lembretes.

Além dos que foram citados acima para facilitar a rotina de trabalho, existem aqueles que contribuem para a qualidade de vida. O aplicativo Headspace é interessante para quem busca práticas de bem-estar, pois propõe uma rotina de meditação. Quem sabe não é disso que você precisa?

Alguns aplicativos também cumprem a função de monitorar o sono, o que facilita a observação desse momento de descanso e permite que sua rotina se torne cada vez melhor nesse aspecto.

Entenda seu valor e precifique corretamente o serviço que você oferece

Muita gente começa o trabalho como freelancer da forma errada. Isso é, desvalorizando os próprios serviços para conseguir encontrar clientes. O problema vem no longo prazo: subir os preços depois que você já estabeleceu uma clientela pode espantá-la.

Esse não é o único porém na equação. Quem não coloca o preço certo no seu trabalho não consegue lucrar e acaba perdendo dinheiro nas tarefas que executa. Mesmo porque nenhuma delas sai de graça, não é mesmo? Seu tempo, equipamento e criatividade são todos fatores fundamentais para executar um bom trabalho.

É preciso, então, aprender a precificar os seus jobs e comparar os valores que pratica com os do mercado. Faça alguns orçamentos e entenda como outros profissionais no mesmo nível que você colocam valor em seus produtos e serviços. Assim será mais fácil entender o quanto você deve cobrar por aquilo que faz.

Quanto cobrar pelo freela? Descubra na Calculadora de Preços para FreelancersPowered by Rock Convert

Nunca trabalhou como autônomo e não faz a menor ideia de por onde começar? Aqui na Comunidade temos uma porção de artigos para lhe ajudar.

• Profissional independente: por que e como ser um?
• Prospecção de novos clientes na vida de freelancer
• Kit de documentos para freelancers da Comunidade Rock Content

Se você executa uma tarefa similar a que está oferecendo como freelancer é sempre uma boa ideia levar em consideração quanto ganha por ela. Calcule as horas de trabalho que desempenha na empresa em que trabalha e quanto tempo dedicará aos freelas para obter um preço-base.

Mas se trabalha com algo completamente diferente terá de encontrar outras formas de medir os seus esforços. Sempre lembrando-se de colocar na conta seus gastos com energia elétrica, alimentação, transporte (se for o caso) e a depreciação dos equipamentos que utilizar ao longo de determinado período. Assim você evita perdas e, ao mesmo tempo, recebe um valor justo pelas propostas enviadas.

Existe muito a levar em conta ao procurar uma atividade para conseguir uma renda extra. Como você pôde ver, as opções de trabalho são muitas e certamente alguma delas se encaixa em seu perfil! Além de explicar como ganhar dinheiro extra nos fins de semana e listar as vantagens em trabalhar como freelancer, te contamos também como cuidar da rotina para que a qualidade de vida e o bem-estar sejam mantidos mesmo com um tempo de descanso reduzido.

E aí, o que achou dessas dicas de trabalho no fim de semana? Se sentiu motivado a começar e acha que é exatamente isso que você está procurando?

Se você tem talentos para redação, revisão ou planejamento de pautas, se inscreva para virar um freelancer da Rock Content e aumente logo sua renda! Clique aqui e saiba como colocar isso em prática! 😉

E, se você quer ir além e se preparar para o futuro desde já, confira nosso guia completo sobre as profissões do futuro!

Quais serão as profissões do futuro?Powered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *