O que é redator web - Um guia profissional para iniciantes

O que é redator web? Um guia profissional para iniciantes

Ser um redator freelancer é uma modalidade profissional flexível, que se relaciona com diversas áreas do marketing digital. Não é preciso curso superior na área, mas para chegar lá é preciso aprender e se aprimorar da mesma forma!

A expansão da internet na última década provocou mudanças nas profissões, isso é fato. A demanda por profissionais que entendem e trabalham com esse alto fluxo de informações cresceu.

Com essas novidades, algumas profissões e campos de atuação apareceram e ganharam destaque, como o redator web e o profissional em diversos segmentos do marketing digital.

Você sabe o que é redator web e o que ele faz? Como é esse trabalho? Se você gosta de escrever e fazer pesquisas sobre diversos temas, este post é a sua cara!

Aproveite para descobrir tudo sobre Como se iniciar na Carreira Freelancer! É só preencher o form abaixo para receber nosso guia completo sobre o assunto 🙂


O que é redator web?

É um redator que escreve para a internet, seja para blogs, portais e redes sociais. Isso inclui outros formatos, como fluxos de e-mail marketing, infográficos, apresentações de slides e roteiros para vídeos.

Pode também ser chamado de webwriter ou redator online, a gosto do freguês. É um profissional contratado para elaborar um texto com pauta definida: um bom pitch possui tema, persona, palavras-chave, linguagem adequada à persona e referências.

Sabe aquele blog que você ama, que tem sempre um post na primeira página do Google? Pois é. Um texto bem posicionado depende do trabalho do redator e de outros profissionais, que o otimizam para ranquear bem nos sites de busca. Não é milagre: é fruto de muito trabalho!

Webwriter freelancer ou contratado

Ser um redator web te dá muitas possibilidades de trabalho. Você pode ser um freelancer, por exemplo. Esse tipo de profissional é aquele que recebe por tarefa realizada, que aceita o trabalho conforme seu gosto e disponibilidade. Você pode atuar part-time (meio expediente) e ter outro emprego ou pode trabalhar full-time (o tempo todo) com redação.

Como freela, você pode conseguir clientes fixos também, vai de acordo com seu interesse. E acredite: é possível ser feliz e ter dinheiro sendo freelancer! É a profissão do futuro porque proporciona mais flexibilidade, comodidade e qualidade de vida.

Não é à toa que grande parte dos freelancers atuais fazem parte da geração Millenials, segundo a pesquisa Mercado Freelancer 2017. Há ainda muitos quesitos que são valorizados na carreira que vão além do financeiro, como a possibilidade de fazer seus próprios horários, trabalhar em um sistema de home office e traçar os próprios rumos da carreira.

Por outro lado, se você faz parte do time que precisa de uma rotina fixa, definida, e prioriza os benefícios de ter carteira assinada, sua opção é outra! Você pode ser um redator web, contratado por empresas de marketing digital, e se tornar um produtor de conteúdo para clientes específicos delas.

Inclusive, muitos redatores digitais optam pelo MEI (Microempreendedor Individual), modelo no qual podem criar suas próprias empresas com pagamento de tributos com condições especiais.

Quais são as principais obrigações do redator web?

Gostar de ler e escrever é bastante óbvio, sim? Mas para ser um redator web profissional é necessário muito mais do que ser um amante do idioma. É preciso ter humildade, comprometimento, profissionalismo e organização!

A seguir, saiba algumas das principais práticas no cotidiano de um redator de internet:

Saber aceitar feedbacks

Ter humildade é uma característica importante do trabalho de redator web. O texto de um webwriter passa por vários estágios antes de chegar ao cliente; ele pode ter um profissional de planejamento, um revisor, um analista de qualidade, um analista de resultados, o gerente que se relaciona com o cliente, entre outros.

Todos eles podem dar dicas ou corrigir eventuais erros, com o objetivo de deixar o texto ainda melhor. Aceitar feedbacks demanda humildade. Sejamos sinceros, dificilmente você conseguirá fazer todo o trabalho sozinho.

Entender as práticas do mercado

Vale destacar que a prática de ghost writing é comum no mercado de redação web. Muitas vezes seu trabalho será publicado no nome da empresa que o contratou (e, muitas vezes, até mesmo de outros profissionais), não com você como autor.

Isso acontece, principalmente, com clientes que estão colocando estratégias de marketing de conteúdo em prática e contratando redatores para produzir os posts. Isso faz parte do ofício!

Ter comprometimento e profissionalismo

Seus textos serão utilizados para diversos propósitos: aumentar as vendas do produto X, tornar o cliente referência no assunto, conseguir mais acessos para o site, gerar leads.

Todos esses objetivos fazem parte de uma estratégia de marketing. Por isso, a empresa precisa que você se insira dentro dessa lógica, entregando as tarefas com qualidade e dentro do prazo.

Atender bem ao cliente com comprometimento, cortesia e profissionalismo é muito importante para todos. Para o redator web, é o que o diferencia dentre tantos!

Ser organizado

Muitos clientes, muitas tarefas, muitos prazos. Ser redator é lidar com múltiplas informações ao mesmo tempo.

Para que você se dê bem, é preciso muita organização, para que todos sejam atendidos conforme as expectativas! Não se esqueça de ter um local de trabalho organizado, seja em casa ou na empresa.

Outros materiais e leituras recomendados para você:
Como se iniciar na carreira freelancer
Trabalho Freelancer: Todos os segredos desvendados!
Redator freelancer: a sua nova oportunidade de carreira!
Guia de Produção de Conteúdo para Web 2.0
Como conciliar trabalho e estudos – O guia definitivo

Como se tornar um webwriter?

Você possui as características essenciais, é amante do idioma, quer complementar ou ter uma boa renda. E agora? Como começar a carreira de redator web?

Invista em capacitação

O primeiro passo a ser dado antes de sair derramando palavras no editor de texto é capacitar-se! É preciso entender como o marketing digital é feito, o que exigirá conhecimentos acerca de termos como “inbound marketing”, “leads”, “CTA”, “SEO”, e “persona”. Sem eles, você pode até ser um bom redator, mas jamais um bom redator web.

Para tanto, faça um curso de produção de conteúdo web! Com ele, você compreenderá todo o processo pelo qual o leitor passa (funil de vendas e suas etapas) até realizar a ação pretendida pelo cliente.

Pratique

Você já entendeu os termos da redação web e como funciona o marketing digital. Excelente! Agora é hora de ler e escrever muito dentro dos conceitos aprendidos.

Entre nos blogs de seu interesse e veja como os textos são escritos, se eles têm os elementos do inbound marketing, se o número de acessos é legal, o posicionamento nos mecanismos de buscas etc.

Além de ler, faça alguns textos com temas que você gosta! Para criar o hábito da escrita, faça diversos tipos, como poemas, contos, blog posts, o que desejar. Lembre-se sempre de se atentar para a gramática e para as demais normas cultas do português. Uma boa dica é criar um blog para colocar seus conhecimentos em prática.

Procure um trabalho

Como em todo início de carreira, você pode procurar por vagas em empresas voltadas para o marketing digital, se desejar ser um redator web contratado. Com o tempo e com a aquisição de experiência, sua remuneração pode chegar num patamar muito satisfatório.

Por outro lado, se você deseja ser um freelancer, a dica é diferente: procure as plataformas que conectam redatores e clientes, como a Rock Content. Em geral, elas exigem um treinamento prévio (por meio do curso de capacitação em redação web) e fazem um teste escrito dentro do tema que você pretende escrever.

Como freela, poderá escolher as tarefas conforme seus conhecimentos, o que torna o trabalho muito mais prazeroso. E uma dica permanente: esteja sempre disposto a melhorar suas habilidades!

Quais são as habilidades requeridas para ser um redator web?

Até aqui você viu que um redator de internet possui grande demanda e precisa estar em constante progresso. Porém, quais são as principais habilidades que precisam ser desenvolvidas?

Abaixo, você confere as características mais valorizadas para clientes que precisam de um profissional de redação web para compor suas estratégias de marketing de conteúdo:

Multitarefas

Muitos jornalistas se arriscam no mercado de redação para web. Não é à toa. Afinal, muitos deles possuem experiência em veículos impressos, como jornais e revistas. O trabalho é bem semelhante, mas a escrita para internet possui características próprias.

Logo, para se destacar no mercado, é preciso adquirir múltiplas funções. Assim, é possível oferecer diversos serviços.

A criação de personas, por exemplo, exige um conhecimento sobre o cliente, seus serviços e produtos, além de demandar pesquisa de mercado e uma visão aprofundada sobre o consumidor ideal. Isso, é claro, exige bastante estudo.

Já o planejamento de pautas requer a utilização de plataformas como o Planejador de Palavras-Chave, o SEMRush ou o autocomplete do Google. Mas também é preciso ter “feeling” para criar títulos e pitchs que respondam às dúvidas do usuário.

Há também outros serviços complementares, como gerenciamento de redes sociais, composição de ebooks e fluxos de nutrição de e-mail marketing. Afora a análise de métricas, considerada um dos elementos essenciais em qualquer estratégia de conteúdo. Muitas vezes, até mesmo a composição de peças visuais serão requeridas.

Não é preciso dizer que é necessário, também, escrever bem. Principalmente em pequenas e médias empresas, os investimentos são contidos e o cliente valorizará profissionais que possam executar mais de uma função.

Afinal, ele não quer contratar uma pessoa para planejar, outra para analisar, outra para redigir, outra para revisar…

Solícito

Outra característica muito estimada pelos clientes é a prestatividade. Você é o profissional responsável pela execução das tarefas, mas saber lidar com as necessidades do contratante é essencial para manter um bom relacionamento.

Tenha paciência. O contato com a empresa pode não saber tanto quanto você sobre o assunto. Se os resultados não são imediatos, o que é normal em uma estratégia de marketing de conteúdo, explique com calma como funcionam os processos de indexação e ranqueamento, por exemplo.

Quando surgir um problema, coloque-se à disposição para resolvê-lo. Dentro das suas limitações, é claro. Às vezes, o cliente precisa apenas de uma orientação. E esse tipo de atitude pode beneficiar um relacionamento agradável e duradouro. Bom para ambos os lados.

Criativo

Aqui mesmo no blog da Comunidade você encontrará diversos conteúdos que ensinam paradigmas e padronizam as redações para internet. Apesar de conterem dicas valiosas, você terá que usar a criatividade se quiser fazer algo diferente.

As referências são de grande ajuda, mas o seu texto precisa ser especial. O seu objetivo é atrair e manter o leitor na página para que ele realize uma ação no fim do texto. Lembra-se do funil de vendas? Então, é preciso que ele seja diferente.

A melhor forma de fazer isso é gerar empatia. Coloque-se no lugar do consumidor e estabeleça uma comunicação bem próxima à persona. Não menospreze as etapas anteriores à redação em si, pois elas trazem dados valiosos para a adaptação do texto e linguagem.

Exemplos práticos, histórias, cases de sucesso, expressões características do universo da persona. Tudo isso exige uma mente inventiva.

Livros para Profissionais Criativos

Disciplinado

Sejamos sinceros, a rotina de um redator não é fácil. Aliás, essa é uma característica de qualquer função que exige a criatividade: haverá dias bons e ruins. Às vezes, as pontas dos dedos se movem sozinhas e, em outras ocasiões, é difícil colocar as ideias no papel.

Mas, nesse momento, é preciso lembrar que há prazos a serem cumpridos. Principalmente, no modelo freelancer, é fácil se distrair com outras atividades.

Por isso, é muito importante manter a disciplina. Estabelecer metas e horários é um ótimo meio para tal. A vinheta do seu seriado preferido tocou na sala de TV? Não importa. É a sua carreira que está em jogo. Então, dedique-se a ela.

Estudioso

Existem dois tipos de redatores na internet. Há aqueles que escrevem sobre tudo e outros que preferem manter um nicho mais específico. Em qualquer uma das circunstâncias, há um elemento crucial: a pesquisa.

Esse é, inclusive, um dos grandes benefícios de ser um redator web. É possível trabalhar e aprender simultaneamente, e é por isso que a evolução acontece de maneira gradual.

Apesar disso, há sempre algo novo a aprender. Dificilmente você conseguirá redigir todos os textos sem referências em outros sites.

A boa notícia é que a internet é um acervo infindável de informações que se renovam diariamente. Então, agarre essa oportunidade! Leia artigos, assista vídeos, consuma conteúdos, faça cursos. Torne-se especialista no que você faz. Esse é o melhor caminho para se tornar um redator web de sucesso.

Investigador

O último tópico se refere a uma característica geral, que deve ser levada para a carreira. Agora, falemos sobre algo que precisa ser considerado em cada job individualmente.

Um bom redator web precisa ler muito. Encontrar informações inéditas. Afinal, seus conteúdos precisam ser épicos e exclusivos.

Ter conhecimentos em inglês é um fundamental, já que a maior parte do conteúdo disponível na blogosfera está nesse idioma. E, é claro, dominar outras línguas será um diferencial.

Busque exemplos marcantes, citações de referências no assunto, dados estatísticos. Tudo isso enriquece o texto e aumenta sua credibilidade. Certamente o cliente agradecerá pela dedicação.

Como melhorar e expandir habilidades?

Ser um webwriter que cumpre todos os requisitos buscados por diferentes tipos de clientes não é tarefa fácil! O conceito de o que é redator web já está claro, mas a carreira requer dedicação, aprendizado e muito trabalho. Mas algumas dicas podem te ajudar a melhorar e expandir suas habilidades de escrita. Veja só:

  • Faça boas pesquisas e utilize boas referências: para fazer um conteúdo relevante e inovador, suas fontes devem ser boas. Não se limite às referências sugeridas por quem fez a pauta e explore textos de outros idiomas, se você tiver domínio deles;
  • Esteja disposto a ampliar seus conhecimentos: fuja da sua zona de conforto e aprenda assuntos fora do seu interesse pessoal. Quanto mais temas você souber, mais trabalho disponível! Por isso, estudar muito é essencial;
  • Encare os pedidos de revisão como oportunidade de aprendizado: o revisor não “marcou seu nome”. Ele apenas viu algum erro (inadequação à pauta, erro gramatical) e pediu para que você corrigisse. Encare as revisões como oportunidade para aprimorar sua redação;
  • Atente-se à norma culta: boa parte dos conteúdos da web tem um tom mais informal, mas isso não autoriza o redator a se esquecer do bom e velho português. Gramática, ortografia, coesão e coerência devem estar presentes em qualquer texto.

Ao seguir essas dicas, você certamente se tornará um redator 5 estrelas. Uma chuva de clientes está por vir!

Materiais recomendados para escrever textos impecáveis:
Guia definitivo do texto perfeito: do brainstorm às técnicas de persuasão
Guia de produção de conteúdo para web 2.0
Glossário de Produção de Conteúdo para Web
Cartilha de escrita humanizada
Guia prático de português e gramática para web atualizado
Checklist interativa de revisão
ABC do Copywriting

Como atrair e fidelizar clientes?

Imagine que você precisa de um redator para seu blog. Qual a primeira coisa que procura? Currículo profissional e perfil pessoal. Você quer conhecer aquela pessoa com quem trabalhará. Da mesma forma, um webwriter deve cuidar para que sua apresentação seja a melhor possível para atrair clientes. Por isso, cuidado com as redes sociais!

Separamos algumas dicas importantes sobre conseguir novos clientes:

  • Tenha um perfil no LinkedIn: ainda subutilizada no Brasil, essa é a plataforma profissional mais famosa do mundo. Ela serve como uma espécie de portfólio e currículo, com informações completíssimas sobre seu trabalho. Vale a tentativa!
  • Divulgue seu trabalho: o cliente encantado não baterá na porta do redator se não tiver o endereço! Por isso, seja em qual meio for (blog pessoal, site, redes sociais), mostre que é um webwriter. Mantenha-se ativo na internet para que as pessoas não se esqueçam;
  • Utilize a internet para mostrar que você sabe o que está fazendo: algumas plataformas de publicação de texto, como o Medium, são ótimas vitrines para seu trabalho! Se você fez um texto incrível e o postou na plataforma, aproveite para ampliar o alcance, patrocinando nas redes sociais;
  • Cadastre-se numa plataforma de freelancers: melhor forma de conectar clientes e redatores é fazer parte de um grupo seleto de freelas, em plataformas especializadas.

Agora que você já tem o cliente, é preciso saber como mantê-lo!

O que um cliente espera de alguém que presta serviços a ele? Que o serviço seja bem executado e cumpra o objetivo proposto. Pois bem, essa é a primeira medida para fidelizar clientes. O redator deve se propor a atender à pauta, que discrimina todos os desejos do potencial comprador e o leva a adquirir o produto/serviço.

Seu texto é uma ferramenta para que seu cliente execute uma estratégia maior, mais ampla, que visa diversas coisas, como geração de leads e conversões, mais acessos nas páginas etc.

Além disso, jamais se esqueça da cordialidade e da sensibilidade ao tratar o cliente. Mostrar-se atento às demandas é uma forma cativante de deixar o cliente sempre ao seu lado.

Agora você entendeu tudo sobre o que é redator web. Como visto, diversas vezes foi citado o trabalho de profissional autônomo ou freela, em uma linguagem mais comum.

Quer saber como se tornar um? Então, baixe gratuitamente o ebook Redator Freelancer: sua nova oportunidade de carreira e saiba exatamente o que fazer para conquistar a sua independência!