Por Renato Ribeiro

Nômade digital e produtor de conteúdo online.

Publicado em 17/07/2018. | Atualizado em 27/03/2019


O nomadismo digital é uma das principais tendências do mercado e um dos maiores sonhos de quem é freelancer. Confira a história de 24 nômades brasileiros para inspirar a sua carreira!

Há um tempo troquei algumas ideias com um amigo da minha cidade natal, Nova Lima, que fica ao lado de Belo Horizonte. João é um cara incrível, de uns 30 e poucos anos, que resolveu se tornar cidadão do mundo antes de completar 18 anos. Ele viveu muitos anos na Nova Zelândia e aproveitou tudo do bom e do melhor que aquele país pôde proporcionar.

As coisas foram acontecendo em sua vida e hoje ele mora em Dubai e trabalha para um príncipe, como um instrutor de paraquedismo. Apesar de ter um emprego formal, ele tem muita liberdade e flexibilidade.

Em nossa conversa, uma frase me marcou profundamente. Ele disse:

“Renato, eu prefiro ser muito mais rico de tempo do que de dinheiro”.

Esse lance ficou martelando na minha cabeça. Martelou tanto a ponto de eu ir buscar ser rico de tempo. Como no momento é impossível ir para a Nova Zelândia ou para Dubai trabalhar para um príncipe, acabei descobrindo o nomadismo digital na minha vida. Ainda sou “juninho” na área, como se referem aos iniciantes.

Estou vivendo experiências no Brasil para, quem sabe, ganhar o mundo nos próximos meses. Nesse processo, inspiração de outros brasileiros não falta.

Por isso, resolvi escrever este texto com uma lista de alguns dos principais profissionais dessa área no país. A seguir, você confere 9 nômades digitais para se inspirar.

1. Raiam dos Santos

Raiam dos Santos

Foto: @r2raiam

Raiam dos Santos é um escritor brasileiro, blogueiro e nômade digital, que já conquistou 56 países. Recentemente, fez uma cobertura da Copa do Mundo em que destacou, como ele próprio disse, a Rússia que a Globo não mostrou. Tudo foi devidamente gravado pelo story do Instagram e em poucos dias ele ganhou cerca de 80 mil seguidores.

Sem papas na língua, Raiam costuma falar sobre diversos assuntos e não foge das polêmicas. Ele não se furta na hora de comentar sobre temas como sexo e racismo (no jogo do Brasil contra o México, inclusive, ele viveu um episódio chato. Foi alvo de preconceito por parte de um mexicano, que imitou um macaco e apontou para ele. Mas, despojado como só ele, levou a situação de forma tranquila).

Apesar das polêmicas, um dos seus assuntos preferidos é networking. Além dos livros que escreve, ele tem um curso e ensina como é possível estabelecer contato direto com qualquer pessoa no mundo, incluindo personalidades e grandes executivos. Essa habilidade garante, por exemplo, que ele tenha acomodação gratuita em qualquer capital do mundo.

2. Matheus de Souza

Matheus de Souza

Foto: @matheusdesouzacom

Matheus de Souza é atualmente um dos principais nomes do nomadismo digital brasileiro. Ficou famoso no LinkedIn depois de ter sido eleito uma das Top Voices da rede.

Ele trabalha de forma remota ao redor do mundo contando histórias e criando conteúdos para diversos portais: Transformação digital, Comunidade Rock Content, grandes marcas como Google, Pepsi e Caixa, além do Be Freela — cofundado por ele e pela Laís Schulz, de quem falaremos agora:

3. Laís Schulz

Laís Schulz

Foto: @lais_schulz

Laís Schulz é fotógrafa, blogueira e criadora de conteúdo. Ela escreve sobre nomadismo, marketing digital, fotografia e ainda dá dicas para as pessoas que têm interesse em ingressar nessa carreira.

Em suas redes sociais, ela mostra um pouco do dia a dia das suas viagens e acaba inspirando milhares de outros nomes pelo mundo afora. Assim como o Matheus, leva o trabalho em uma mochila e um laptop. Trabalham duro e, ao mesmo tempo, conhecem alguns dos lugares mais bonitos do mundo, como o distrito italiano de Manarola que você pode ver na foto acima.

Nota do editor:
A Laís Schulz participou de um webinar com a gente diretamente de Lisboa! Para aprender com ela os segredos do nomadismo digital, confira a ementa completa da Imersão Freelancer: 11 videoaulas gratuitas para te ajudar a ter sucesso como freela e garanta seu acesso gratuito a mais de 10 horas de videoaulas. 😉

Imersão Freelancer: 11 videoaulas gratuitas para te ajudar a ter sucesso como freelaPowered by Rock Convert

4. Monday Feelings

Monday Feelings

Foto: @mondayfeelings

O Monday Feelings é um projeto do casal brasileiro Tiago Ferraro e Fernanda Kiehl. Eles se conheceram quando moravam em Londres e ainda tinham trabalhos formais: ele era administrador de empresas e ela, assessora de imprensa. Cansados da rotina de escritório, decidiram juntar dinheiro para largar seus empregos.

Concretizarem o plano, passaram 2 anos viajando pelo mundo e conheceram diversos lugares exóticos. Mas perceberam que aquilo era pouco. Passados os dois anos, o casal concluiu que queria continuar com a liberdade que conquistaram. Foi assim que se mudaram para a Itália e começaram a atuar como nômades digitais.

Atualmente, eles são donos de uma produtora de vídeos e também fazem roteiros de viagem personalizados.

Confira um compilado de dicas e leituras para seguir crescendo na carreira freelancer! 🚀
Marketing Pessoal: o que é e como trabalhar sua imagem profissional
Como criar um blog grátis personalizado: veja as 9 melhores opções!
Personal Branding: a importância de estabelecer sua marca pessoal
Como criar um portfólio de redator impressionante!
O que colocar em um currículo freelancer: tiramos todas as suas dúvidas!
As 13 melhores opções de trabalho de fim de semana!
Nômade digital: o que é, como se tornar um e as principais vantagens
Storytelling: a arte de contar histórias pode mudar os rumos de sua carreira!

5. Priscila Kamoi

Priscila Kamoi

Foto: @priscilakamoi

Viajante, empreendedora e nômade digital por opção, a Priscila Kamoi é formada em Administração e Marketing pela Baldwin Wallace University. Trabalhou durante 7 anos no mundo corporativo e após vencer o câncer, escolheu largar a carreira corporativa para ter uma vida com mais propósito, liberdade e felicidade.

Ela viu o blog como uma forma de unir tudo o que ama: viajar, ler, escrever, fotografar, moda, comer, culturas e pessoas. Já viajou por mais de 29 países, possui mais de 100 roteiros de viagens e ainda.

6. Clara Baccarin

Clara Baccarin

Foto: Clara Baccarin

Clara é uma escritora que ganha a vida produzindo conteúdo para diversos sites. Ao mesmo tempo, é claro, possui seu próprio blog, onde publica poesias e textos. Ela já escreveu um romance, um livro de poemas e um de crônicas. Com um intenso espírito aventureiro, Clara não dispensa uma viagem pelo mundo e mostra que a profissão de escritor se encaixa perfeitamente com uma vida de nômade digital.

7. Viajo logo existo

Viajo Logo Existo

Foto: @viajologoexisto

O projeto Viajo logo existo foi criado pelo casal Leonardo Spencer e Rachel Paganotto. Ambos moravam em São Paulo e tinham uma vida muito confortável, com o salário que recebiam do trabalho em bancos. Foram 7 anos nessa rotina de escritório e ele aproveitavam para viajar o mundo nos 30 dias de férias a cada 12 meses.

No entanto, insatisfeitos, tiveram coragem para largar seus empregos. Desde então, já são 5 anos viajando e trabalhando ao mesmo tempo. Eles ganham dinheiro com um blog, dão palestras sobre nomadismo digital e já lançaram 4 livros. Leonardo e Rachel são mais uma prova de que é possível, sim, viajar e trabalhar ao mesmo tempo.

8. Casal nômade

Casal Nômade

Foto: Casal Nômade

Com o objetivo de mostrar aos leitores de que é possível viajar e trabalhar, mesmo tendo um filho pequeno, o casal nômade Jair e Nayara Ribeiro também deu um basta em seus empregos confortáveis. Eles abriram uma empresa de marketing digital e compartilham suas experiências no blog e no Instagram. O filhinho deles, Mateus, já nasceu nômade digital. O casal prova que essa carreira é para qualquer um que tenha disposição de se aventurar.

9. Fran Oliveira

Fran Oliveira

Foto: @jornadanomade

Fran é a responsável pelo Jornada Nômade Digital, que é um blog que tem o desafio de ajudar as pessoas a darem os primeiros passos no nomadismo digital. Por meio de materiais como podcasts, vídeos no YouTube e e-books, ela dá dicas de bons cursos e diz que, quanto mais rápido você se tornar um nômade, maiores serão suas chances de conquistar um estilo de vida totalmente livre.

10. Dan Cortazio

Dan Cortazio

Foto: @dancortazio

Dan Cortazio é um empreendedor digital especialista em tráfego online. Em 2008, ele largou seu último emprego na Nova Zelândia para se tornar um dos primeiros nômades digitais brasileiros. Desde então, esteve em mais de 40 países e teve suas viagens financiadas por empresas como Google.

É mais um profissional que gosta de compartilhar seu estilo de vida e incentivar outras pessoas a saírem da zona de conforto para adquirir conhecimentos práticos. No meio da sua jornada, encontrou uma mulher e se apaixonou. Ela topou seguir com ele, eles se casaram e hoje eles têm um filhinho.

Nota do editor:
Recentemente, descobrimos um nômade digital em nossa base de Freelancers. E não a toa, foi exatamente ele quem escreveu este artigo. Afinal, quem seria melhor para falar sobre o assunto?
Mas ele deixou um nome de fora e, por isso, decidimos incluir o próximo nômade na lista:

11. Renato Ribeiro

Renato Ribeiro

Foto: @renatoribeirome

O Renato fez sua estreia no Comunidade há pouco tempo, quando escreveu sobre um tema que ele mesmo propôs: as vantagens de adotar os 8 valores da Rock Content em sua carreira.

Desde então, ele se tornou um nome constante nos artigos aqui do blog. Mas o que você provavelmente não sabe é que ele trabalha desde Janeiro de 2018 de forma remota, integralmente. E já se intitula nômade digital desde Maio.

Ele é jornalista e atua no mercado desde 2003. Atuou 7 anos na área de comunicação empresarial e assessoria de imprensa e, em 2010, começou a prestar consultorias. Com o tempo, ele acabou deixando o Jornalismo de lado para focar nas consultorias e na redação freelance.

Ele já desbravou o Nordeste e o Sul do Brasil como nômade digital, além do Paraguai. Ficamos muito curiosos em saber mais sobre essa história e, por isso, convidamos o Renato para participar de um webinar!

Ele contou sobre o início de sua trajetória, dos desafios que enfrentou e falou de vários fatores que o ajudaram a se motivar, além de dicas e hacks que vão te inspirar a seguir o nomadismo. Assista agora essa videoaula imperdível! 😉

Primeiros passos de um nômade digital

12. Debbie Corrano

Debbie Corrano

Foto: @debbiecorrano

Debbie Corrano viaja o mundo há quatro anos com seus dois vira latas, a Lisa e o Luca. Entre uma mudança e outra, Debbie prefere conhecer pessoas à pontos turísticos.

Ela escreve, empreende e cria estratégias para marcas. O trio já morou em mais de 10 países, como a Alemanha, Sérvia, México e Tailândia.

13. Juliana Saldanha

Juliana Saldanha

Foto: @julianasaldanhapb

Mineira, nômade digital e estrategista em Personal Branding, a Juliana teve uma startup de economia compartilhada e fundou uma aceleradora de startups.

Após anos acompanhando centenas de projetos comunicando suas propostas de valor, hoje ela ajuda empreendedores e profissionais a traçarem as suas estratégias de posicionamento e a comunicarem o que tem de melhor para o mercado, independente de títulos e diplomas.

14. Jaque Barbosa e Eme Viegas (Nômades Digitais)

nômades digitais

Foto: @nomadesdigitais

O casal foi um dos pioneiros da criação de blogs na internet brasileira e é responsável pelos projetos Hypeness, Nômades Digitais e Casal Sem Vergonha.

Eles fundaram uma empresa na área de comunicação digital, totalmente independente de barreiras físicas, e hoje eles trabalham viajando pelo mundo e ainda dão dicas para seus seguidores em um canal no YouTube.

15. Fernando Kanarski

Fernando Kanarski

Foto: @nandokanarski

Nômade Digital desde 2015, ele já rodou por mais de 38 países e voou mais de 600.000km. Largou um cargo de Sócio em uma agência de publicidade para realizar o sonho de viajar ao redor do mundo enquanto trabalha como consultor e instrutor de Google Adwords e Analytics, além de prestar consultoria em marketing digital para Startups, E-commerce e pequenas empresas brasileiras, na maior parte do tempo, remotamente.

16. Marcos Korody

Marcos Korody

Foto: @fly.marko

Fã de escrever, falar e desenhar, o Marcos encontrou uma confluência nesses três fatores que virou profissão e, então, ele começou a fazê-lo para projetos e empresas.

Empreendedor há 8 anos, hoje, ele ajuda seus clientes a alcançarem seus objetivos com uma série de métodos proprietários, que também o permitem viajar o mundo enquanto segue seus sonhos e constrói seus objetivos. Essa viagem se tornou uma exploração interna, externa, prospecção de clientes e uma busca pelo próximo local onde viverá em seu próprio tempo.

17. Bruna Caricati

Bruna Caricati

Foto: Go to Gate Brasil

Bruna curte a vida como mochileira e conta tudo a respeito da sua rotina no blog Go to Gate Brasil. A moça decidiu se jogar na carreira de nômade digital e, ao longo do caminho, viu na produção de conteúdo uma maneira de publicar aquilo que gosta e transformar isso na sua profissão.

Ela compartilha dicas de viagem e até truques para praticar exercícios quando estiver fora de casa. Também trabalha como jornalista freelancer enquanto se muda, periodicamente, de país para país.

18. Luíza Antunes, Natália Becattini e Rafael Sette Câmara (360meridianos)

360 meridianos

Foto: 360 Meridianos

O 360meridianos é um dos blogs de viagens mais populares do Brasil e os responsáveis pelo seu conteúdo têm uma missão: escrever sobre tantos lugares do mundo quanto possível destacando as principais curiosidades que encontram por aí.

É possível acompanhar suas viagens tanto no website, com conteúdos exclusivos, quanto no Instagram, rede social que eles utilizam para postar as fotos incríveis que tiram por aí.

O objetivo? Conhecer todo o planeta enquanto produzem conteúdo exclusivo para seus visitantes!

19. Marcus Lucas

Marcus Lucas

Foto: @marcuslucas

O blog Libertação Digital, de Marcus Lucas, é focado em como hoje temos a possibilidade de deixar os escritórios de lado e ainda assim vivermos vidas profissionais plenas.

Por isso, o mestre em Sistemas de Informação ensina como se tornar um nômade digital, o que é preciso para empreender e motiva seus seguidores a perseguirem seus sonhos diariamente por meio de seu website.

20. Guilherme Tetamanti

Guilherme Tetamanti

Foto: @guitetamanti

O blog Quero Viajar Mais, do nômade digital Guilherme Tetamanti foi criado para mostrar que esse estilo de vida está ao alcance de todos. Ali são publicadas curiosidades, lições e apertos pelos quais Guilherme passou até atingir a estabilidade nessa carreira.

Como resultado dos esforços, o blogueiro brasileiro hoje leva a vida entre um país e outro e ensinando tudo que aprendeu nessa jornada.

21. Paula Guimarães e Renan Baptista

Outsiders Brazil

FotoOutsiders Brazil

Paula e Renan são namorados e resolveram sair numa viagem desde que voltaram de suas férias em 2013. O resultado foi um blog excelente, que conta a história deles pelos mais de 100 mil quilômetros percorridos nos últimos anos.

Os Outsiders querem incentivar outras pessoas a caírem na estrada sem deixar de lado as próprias carreiras. Por isso, buscam inspirar seus leitores para explorar o desconhecido e sair de suas zonas de conforto.

22. Patricia Figueira e Vinícius Teles (Casal Partiu)

Casal Partiu

Foto: @casalpartiu

O Casal Partiu saiu do Brasil para a Argentina em 2010 e nunca mais parou. Ali, foram apresentados ao conceito de nomadismo digital e começaram a levar a ideia a sério. Como ambos já trabalhavam remotamente foram se organizando para fazer isso e começaram a publicar as suas aventuras na internet.

23. Thaisy e Roger (Diário Nômade)

O Diário Nômade começou para arquivar histórias e lugares conhecidos pelo casal. E pouco a pouco tornou-se também uma forma de trocar experiências com internautas. Seus autores são hoje trabalhadores remotos que, sempre que podem, dão uma escapada para conhecer as cidades em que se hospedam.

Diário Nômade

Foto: Diário Nômade

24. Bruno Picinini (Empreendedor Digital)

O Empreendedor Digital largou tudo que tinha para começar de novo. E esse recomeço consistia em conhecer o mundo e se dedicar aos seus próprios projetos. Bruno Picinini redefiniu suas prioridades em torno da liberdade e tenta mostrar para outras pessoas que fazer isso é muito mais importante do que ter dinheiro em conta ou outras características comumente associadas à estabilidade profissional.

Bruno Picinini

Foto: @brunopicinini

Gostou de conhecer os nômades digitais brasileiros? Caso queira aprender ainda mais com eles e se inspirar, confira nosso ebook Partiu Mundo, com as histórias e conselhos dos principais nômades brasileiros.

Partiu Mundo!Powered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto