Por Gustavo Grossi

Analista de Marketing na Rock Content.

Publicado em 19/09/2017. | Atualizado em 19/09/2017


Você planeja os hiperlinks antes de redigir um conteúdo? Sabe como escolher um texto-âncora? Este hack pode mudar a forma como você vê o Link Building — e despertar seu verdadeiro poder em seus blog posts!

Torne-se um especialista em produção de conteúdo!Powered by Rock Convert

Há algum tempo os blogs deixaram de ser um lugar apenas para notas pessoais e diários.

Hoje, os blogs estão totalmente ligados ao seu uso comercial, para educar e tirar dúvidas do seu público sobre os assuntos que orbitam um negócio.

São tantas dúvidas — e também tantos assuntos interessantes —, que não se pode resumir tudo em uma página ou post. Marketing de Conteúdo é um trabalho de formiga, que precisa ser praticado diariamente.

Então, como fazer desse trabalho repetitivo um meio para manter leitores engajados com suas publicações?

Neste artigo, pretendo compartilhar uma maneira simples, prática para aumentar o poder de fogo dos seus blog posts!

O quanto você sabe sobre Link Building?

Em vários posts aqui no blog da Comunidade nós mencionamos a importância das melhores práticas em usar hiperlinks, mas você já parou para pensar nos seus verdadeiros efeitos?

Qual é o grau de importância do link building como fator de ranqueamento?

Em alguns anos trabalhando com conteúdo web, o melhor conselho que eu posso dar é: escolha seus hiperlinks com carinho.

A maioria das pessoas tende a ignorar o real funcionamento do link building e, ao criar um conteúdo, acha que é só “inserir um mínimo de 3 links a cada 1000 palavras” e está tudo bem.

O seu blog não vai morrer por causa disso, mas o estrago pode ser grande no longo prazo.

Pensando desse jeito você está desperdiçando um dos elementos de maior potencial de ranqueamento do seu blog. E, bem, se os seus concorrentes descobrirem isso antes de você, seus rankings estão correndo um sério risco.

Muito além disso, links são elementos de um conteúdo que têm significados tanto para o leitor, quanto para os robôs dos motores de busca!

Eles são necessários para conferir uma experiência interessante para o seu leitor, posicionar o seu blog como autoridade pelos crawlers dos motores de busca.

Então, nessa balança entre SEO e relevância do conteúdo, como encontrar uma fórmula que faça sentido em uma estratégia?

Os passos a seguir vão te ajudar.

Passo 1: planeje seus links

Ao definir o tema e a palavra-chave de um conteúdo, faça uma busca por essa palavra-chave no seu blog e encontre algumas URLs para utilizar como links internos. Ou, se você já tiver uma ideia de quais posts devem ser “linkados” em um novo conteúdo, defina isso ao criar uma pauta.

Escolha de três a cinco links dependendo do tamanho do conteúdo, mas não faça isso de maneira aleatória. Procure escolhê-los com cuidado, de forma a agradar o seu leitor e também a levá-lo para posts estratégicos dentro do blog.

Por exemplo, em um texto sobre a carreira de produtor de conteúdo, eu posso eventualmente mencionar a importância de um bom portfólio para redatores profissionais.

Assim, em vez de introduzir o leitor ao que é um portfólio de redator — principalmente em um artigo em que esse não é o tema central —, eu posso criar um hiperlink, levando para um artigo completo sobre o assunto!

O link é uma maneira de demonstrar ao leitor que ele pode obter mais informação, se quiser. Isso, aos poucos, vai construindo a sua imagem na percepção dos visitantes do seu blog. Lembra do que eu falei sobre o trabalho de formiguinha? É assim que ele gera resultados! 🙂

Contudo, se você não tem conteúdos suficientes para linkar em termos importantes em seus posts, não tem problema. Vamos aprender como resolver isso no passo a seguir.

Passo 2: inspire-se em seus próprios conteúdos

Vamos supor, usando o exemplo acima, que não temos um artigo sobre portfólio de redator para usar como link.

Se você notou isso ao escrever ou revisar um post, é hora de incluir esse assunto como sugestão de pauta no seu calendário editorial.

Pronto! você acabou de encontrar um tema valioso para o seu blog!

Utilize isso para criar um conteúdo completo e aprofundado sobre o assunto. E, enquanto você ainda não tem um post específico para linkar, gaste um (ou alguns parágrafos) com uma explicação breve ali mesmo.

Assim, depois que o novo post for publicado, atualize o post original — aquele do parágrafo introdutório — com o hiperlink!

Ah, e vale a pena lembrar que não há problema nenhum em atualizar seus posts. Na verdade, isso é fundamental para uma boa estratégia de conteúdo.

Então, lembre-se: não precisa fazer tudo perfeitamente. Preocupe-se em passar uma mensagem clara e interessante para os seus autores. Depois disso, seu conteúdo pode ser atualizado com novas informações e correção de erros.

Aqui, “feito é melhor que perfeito”. Preocupe-se em criar um conteúdo completo, e deixe a otimização para depois, se for o caso.

Passo 3: insira links em frases de efeito

O quanto você sabe sobre seus leitores? O que eles buscam? Quais são seus problemas e dúvidas?

Quando você conhece a sua audiência, automaticamente vêm à cabeça uma infinidade de temas sobre os quais ela se interessa.

Por isso, capture-a com palavras e termos que despertam os seus interesses! Quando você encontra o conteúdo correto para linkar, certifique-se de que ele estará presente em uma frase de efeito ou palavra-chave alinhada com as expectativas do leitor!

Quer conhecer mais um exemplo? Muitos leitores vêm até o blog da Comunidade procurando por formas de aumentar a própria renda com jobs online.

Assim, se eu tenho um post sobre como ganhar dinheiro na internet — e considerando que este é um blog sobre produção de conteúdo para web —, eu posso aproveitar para mencionar um link sobre como gerar renda escrevendo sobre os assuntos que você mais gosta!

Conclusão

Links não foram criados em função do Marketing de Conteúdo. Pelo contrário, o Marketing de Conteúdo é que deve muito à existência dos hiperlinks! Eles movem a internet!

Por isso, você pode sempre adicionar, retirar, testar combinações de links que melhorem a experiência dos seus visitantes.

Então, se você tem algum hack ou técnica para usar em hiperlinks — ou mesmo um texto âncora que você se orgulha de ter criado, por que não compartilha com a gente?

É só mandar um comentário na caixinha ali em baixo! 🙂

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *