Por Redator Rock Content

um dos freelancers da Comunidade. Seja também um redator!

Publicado em 11/02/2015. | Atualizado em 27/10/2017


O título pode fazer a taxa de cliques no seu conteúdo variar em até 500%. Aprenda a usar isso a seu favor neste artigo.

Você pode até escrever um artigo que deixe a desejar em termos de qualidade. Se ele tiver um ótimo título, ainda assim leitores chegarão até ele. No entanto, você talvez construa um artigo matador. Se o título for ruim, as chances de que alguém realmente venha a ler seu texto incrível, que lhe tomou várias horas do dia, são reduzidas.

É notável, portanto, que a importância do título gigantesca. E o segredo para escrever um título claro, curto, objetivo, criativo e impactante, que surja naturalmente toda vez em que começar um artigo, é praticar, praticar e praticar.

Entenda mais sobre a função do título, além de aprender alguns modelos que vão fazer toda a diferença. Dá só uma olhada:

O papel do título: a primeira impressão é a que vale

O título é, basicamente, a porta de entrada para o seu texto. Você pode complementar a decoração dessa porta com artefatos atraentes, uma maçaneta requintada e um tapete moderno, o que vai fazer o visitante ter mais curiosidade sobre o que tem do outro lado. Ou você pode optar por um vão aberto em que visitantes entram e saem sem a menor cerimônia, muitas vezes para nunca mais voltar.

O alvo do título é sempre o click do leitor

A função básica do título é captar a atenção do leitor, independentemente da plataforma (e-mail, RSS Feed, Facebook),  fazendo com que ele se sinta estimulado a clicar para ler seu artigo e, quem sabe, até compartilhá-lo na web ou em redes sociais. O que irá levar o leitor a optar pelo seu artigo entre outros milhares é justamente o apelo do título, que deverá trazer todas ou pelo menos algumas das seguintes características abaixo:

Clareza:

Você clicaria no seguinte título?

“Como não deixar tudo obscuro na hora de dar título”

E quanto a esta segunda versão?

“3 dicas para escrever um título matador”

Hoje em dia, ninguém tem tempo suficiente para ler tudo que gostaria. Por que as pessoas deveriam perder tempo com algo que elas nem sabem do que se trata? Título que se preze jamais pode abrir mão da clareza.

Concisão:

Para que o título não apareça cortado pelo meio nas páginas de busca do Google, é preciso, antes de tudo, respeitar o limite de caracteres, entre 55 e 70. Essa norma técnica acaba auxiliando a concepção do título, que, com o menor número possível de palavras, tem que passar a mensagem com precisão. Como diria o poeta maior Carlos Drummond de Andrade, “escrever é cortar palavras”.

Otimização:

O título é o principal elemento do SEO. Para que ele tenha destaque no ranqueamento ao ser indexado pelo Google, necessita ser composto com as palavras-chave. Nem sempre a inserção da palavra-chave faz bem ao título, por isso vale lembrar que, quanto mais ela se posicionar mais à esquerda do título, melhor será o posicionamento dele dentro dos mecanismos de busca.

5 ótimos estilos de títulos para você turbinar os seus textos:  

Agora que está por dentro das principais características que um título deve apresentar, chegou a hora de praticar. Veja alguns modelos de títulos para você dar uma turbinada nos seus artigos:

Título brincalhão

O título brincalhão é aquele que tira um sarro com a própria estrutura do artigo e, de quebra, instiga sua curiosidade. Quanto mais longo o artigo, mais é válida a proposta do título brincalhão, pois irá fazer com que o leitor fique preso na leitura até resolver o mistério e saciar a curiosidade:

“32 maneiras infalíveis de apimentar seu casamento (a 17 realmente mudou a minha vida!)”

Título questionador

O título questionador é aquele que se dirige diretamente ao leitor, com o objetivo de colocar uma pulga atrás da sua orelha. A grande vantagem do título questionador é que ele se assemelha, na forma, aos termos buscados no Google:

“Vestibular: qual curso devo escolher?”

Título absurdo

O título absurdo é aquele capaz de tirar o leitor do sério ao, aparentemente, quebrar tradições e convenções. Chama a atenção justamente pela falta de nexo. Ainda que o título absurdo venha a ser desmentido logo na introdução, não importa. O leitor já terá fisgado a isca:

“5 motivos pelos quais as mulheres preferem os gays”

“10 dicas para salvar seu emprego sem fazer esforço”

Título Jack Bauer

O título Jack Bauer é aquele que dá um senso de urgência para o leitor, como se fosse a última oportunidade para ele ler um conteúdo que irá mudar sua vida. Termos como “Definitivo”, “Garantido” e “Agora” ajudam a passar essa impressão de ansiedade:

“10 bares de São Paulo que você precisa conhecer agora”

“Nova Ortografia – O guia definitivo”

Título Top

Quem não gosta de uma lista? A ciência já comprovou que o ser humano sente uma atração especial por listas, e essa característica é explorada ao máximo pelo título Top, até porque números apresentam grande impacto.

“3 discos de rock que não podem faltar na sua coleção”

“10 filmes que todo engenheiro deveria ver”

Esses são apenas alguns exemplos dentro de infinitas possibilidades, e é a prova de que a criatividade é um fator essencial na produção de títulos originais. Mas não importa se são criativos, engraçados ou intrigantes.

Os títulos, para emplacarem, têm que ser fundamentalmente úteis para quem os lê. Se, depois de aplicar todas essas regras, seu título não reposicionar seu artigo e alavancar as métricas do seu blog, talvez seja hora de repensar o conteúdo!

Conhece mais exemplos legais de títulos? Compartilha com a gente e enriqueça o nosso post.

Avaliador de Títulos para SEO

Posts populares com esse assunto