Por Autor Convidado

pelo blog da Comunidade Rock Content.

Publicado em 17/04/2018. | Atualizado em 19/05/2020


Os designers têm conquistado, cada vez mais, um maior espaço no mercado de trabalho. E a variedade de ferramentas e apps online deixa todo o trabalho mais fácil. Confira aqui algumas opções!

Esse post foi escrito pela Viva Decora Pro, maior portal de marketing e notícias para Arquitetos e Designers de Interiores.

Com sua criatividade, eles conseguem identificar facilmente as soluções, além de implementar novas possibilidades em diferentes setores.

Esses profissionais são responsáveis por desenvolver projetos em 2D a 3D, só que, para isso, precisam utilizar ferramentas eficazes para conseguir pôr em prática as ideias.

 

As melhores ferramentas de design

Certos softwares e aplicativos podem ajudar os designers a realizar todo o tipo de tarefa – não somente as projetuais como também as rotineiras e administrativas de um escritório.

Informações bem organizadas e compartilhadas facilitam o trabalho e viabilizam o fornecimento de melhores produtos e serviços – alinhados às necessidades de empregados e clientes.

No mundo dos negócios, se destaca aquele que sabe agir e discursar de forma ágil, transparente e verdadeira.

Aquele que consegue controlar cada etapa do processo, desenvolvendo a criatividade, permitindo o trabalho em equipe e a colaboração com clientes, terá mais êxito.

Só que, no fim, saber escolher as ferramentas certas pode fazer toda a diferença entre o sucesso e o fracasso.

Trabalhando em duas dimensões – o design gráfico

Com o avanço das tecnologias, atualmente, já existem ferramentas digitais próprias para ajudar o trabalho de arquitetos, designers e muitos outros criativos.

Sua arte deixou de ser trabalhada apenas à mão livre. Ela foi aperfeiçoada.

Há muita competição entre profissionais. Agora, o resultado final de seus projetos é muito mais valorizado.

Alguns programas de computador e aplicativos para mobile estão se tornando quase que obrigatórios para qualquer designer, seja estudante ou profissional.

Corel Draw

O Corel Draw, por exemplo, é muito utilizado por iniciantes, devido ao seu baixo custo, facilidade de aprendizado e de uso.

Ele é indicado para a criação de vetores e edição de imagens. Porém, apresenta certas limitações.

Photoshop

Há quem diga que para os trabalhos gráficos nada supera o pacote da empresa Adobe.

O Photoshop é o seu programa mais conhecido.

Ele é utilizado no mundo todo por designers de web que desejam elaborar layouts, animações, editar fotos, entre outras coisas em 2D.

Illustrator

Já o Adobe Illustrator é o programa mais eficiente de imagens vetoriais, como banners, flyers, e diversos outros produtos.

Seu diferencial é a renderização em maior precisão, sem perda de qualidade do trabalho, mesmo que em maiores escalas.

Indesign

Para àqueles que necessitarem lidar com grandes documentos, e-books, paginação, editoração e infográficos, o Adobe InDesign é mais indicado.

Para usar todas essas ferramentas será necessário um bom notebook, pois somente assim você terá o melhor desempenho delas!

Trabalhando em três dimensões – o design de interiores

Alguns trabalhos artísticos não podem ser entendidos apenas em desenhos 2D.

Faz parte da rotina dos designers de interiores a representação em 3D e existem diversos apps especialmente desenvolvidos para esse e outros fins, muito utilizados na arquitetura.

As maquetes eletrônicas ajudam os criativos a entenderem melhor suas ideias, ainda que na primeira fase de concepção projetual.

Também os auxiliam a explicar cada detalhe disso aos clientes, que são os maiores interessados pela realização do serviço.

SketchUp, 3Ds MAX e V-Ray

O software mais popular para a realização de modelagem 3D é o SketchUp.

Esse programa é considerado ferramenta básica para designers de interiores.

Ele tem duas versões, gratuita e paga, muito fáceis de serem compreendidas e utilizadas.

Além disso, possui uma ótima biblioteca de blocos online e, assim como o 3Ds MAX, um plugin para o V-RAY, que é um programa que executa renderizações fotorrealistas.

 

AutoCAD

Existem outros programas largamente usados pelas empresas.

Eles são mais difíceis de aprender e mais caros, só que também mais completos.

Um exemplo é o AutoCAD, uma das ferramentas mais eficientes para a visualização de interiores.

Porém, ele não trabalha com o padrão BIM, para o qual muitos serviços estão migrando.

 

Revit

Quem deseja trabalhar com o ‘Building Information Modeling’ pode optar pelo Revit.

Com esse programa os projetistas conseguem desenhar plantas, 3Ds, detalhamentos de componentes e muito mais.

Seu diferencial, em relação ao CAD, é a possibilidade de reunir disciplinas e gerar quantitativos.

Mas, para isso, é necessário que o profissional tenha conhecimentos técnicos bastante avançados.

 

Gerenciamento de tarefas

Seja no que for, quando se deseja alcançar melhores resultados, organização é fundamental.

No design, isso não é diferente.

Para controlar o andamento e fazer a gestão dos projetos e a produtividade das equipes de criação, os gestores também devem utilizar algumas ferramentas.

Existem aplicativos que podem ajudá-los a fixar metas, atribuir prioridades, obter atualização de tudo que já foi realizado, elaborar relatórios e mais.

Asana

O Asana é um sistema online que pode fazer controle de diferentes ações, como os fluxos de trabalho dentro de um projeto.

Embora ele não tenha versão para o português, tem uma interface personalizável, com extensão para o Google Chrome – sendo, assim, acessado de diversos dispositivos.

Evernote, Wunderlist e Todoist

Outros programas básicos, que se destacam para a organização de tarefas são o Evernote, o Wunderlist e o Todoist.

O primeiro é excelente para criar listas e coordenar a comunicação de equipes.

Com o segundo podem-se compartilhar listas e criar etiquetas de lembretes com hashtags.

E o terceiro tem a vantagem de ter a opção do idioma em português, além de armazenar os arquivos na nuvem de forma muito ágil.

 

Trello

Agora, talvez a ferramenta de gerenciamento de tarefas mais popular na atualidade seja o Trello, principalmente no mundo do empreendedorismo.

Sua interface é bastante simples e muito intuitiva.

As tarefas ficam separadas por quadros e organizadas por meio de cartões.

Qualquer afazer pode ser visto e compartilhado, sem complicações.

E seu plano gratuito conta com excelentes funcionalidades.

 

Você já usa alguns desses softwares em seu dia a dia de trabalho?

2D, 3D ou para gerencimento de projetos?

Talento e domínio de alguns softwares é importante, mas manter-se atualizado com os progressos tecnológicos de outras áreas do design, além de se capacitar para a gestão de projetos, também é fundamental para sua carreira.

Atualize-se sempre! E se quiser se inspirar além dessas ferramentas, te convidamos também ver frases de designers que traduzem o melhor da arte!

Guia Completo de Produção de Conteúdo

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *