escritor mais confiante e criativo

10 minutos que vão transformar você em um escritor mais confiante e criativo

Tem dificuldades para desenvolver a criatividade e superar bloqueios criativos? Então, separe 10 minutos para se tornar um escritor mais confiante e criativo.

Você já se sentiu incapaz de escrever um texto memorável? Bem, você não é o único que, volta e meia, não consegue escrever as primeiras palavras. Vivemos dias bons e ruins que podem influenciar na nossa escrita.

O problema é que muitos redatores buscam a solução de forma errada. Ao invés de entenderem o problema que leva à falta de criatividade, criam artifícios que complicam a situação e empobrecem seus textos.

Você já parou para pensar que talvez haja um motivo para o seu bug criativo? Sim, meu caro, ele não acontece por acaso. Por isso, é preciso se antecipar.

A boa notícia é que você pode resolver essa pane em 10 minutos, então, aprenda agora como se tornar um escritor mais confiante ao vencer um problema comum no mundo dos conteúdos.

Descubra o que motiva você

Você pode ter um completo domínio da língua portuguesa e saber tudo de copywriting, porém, se não tiver clareza sobre suas motivações, todo esse conhecimento servirá, apenas, para deixar seu texto bonito.

Não tem nada de errado com textos bonitos, mas, para criar escritas sensacionais você precisa mais do que isso. Por esse motivo que muitos redatores travam na hora de começar a escrever, porque não entendem a importância do que estão escrevendo.

Se você se identificou com esse problema, precisa descobrir como criar uma conexão dos seus princípios com o que você escreve. É isso que o tornará um escritor mais confiante. Contudo, sem entender quais são seus valores pessoais tudo se torna inviável, pois, eles definem quem você é e quais as ações que movem você.

Quando você entende isso, seu texto ganha um motivo pelo qual escrever e isso é importante.

Como descobrir seus valores?

Seus valores são regras pessoais que você acredita serem vitais a sua existência. Para identificá-los, comece criando uma lista com os cinco mais importantes para você. Alguns exemplos, são:

  • amor;
  • fé;
  • justiça;
  • tranquilidade;
  • liberdade;
  • autonomia;
  • esperança;
  • respeito;
  • alegria;
  • altruísmo;
  • controle;
  • cooperação;
  • segurança;
  • realização.

É claro que essa lista é apenas um pontapé inicial, você pode aumentá-la para identificar outros valores que inspiram você em ser quem é. Para facilitar, comece por eliminação: liste dez e, depois, diminua para cinco.

Agora, desses cinco valores inegociáveis, escolha um e escreva sobre ele durante 10 minutos. Os questionamentos abaixo podem ajudá-lo.

  • Por que ele é importante para você?
  • Em qual momento na sua vida consegue identificá-lo?
  • Quais as metas, ligadas a ele, você pretende alcançar?

Esse pequeno passo é o que fará sentido para os outros que estão por vir. Um escritor mais confiante não fica refém do que os outros querem que ele seja, mas no que ele acredita ser.

Confira um compilado de conteúdos para te inspirar a produzir textos incríveis! ✍️
Como escrever bem: 39 dicas para começar agora
Inspiração para escrever: 15 dicas de como ter ideias para escrever
Storytelling: tudo sobre a arte de contar histórias inesquecíveis
Copywriting: entenda como dominar a escrita persuasiva

Crie a sua caixa de primeiros socorros

Provavelmente você sabe o que é uma caixa de primeiros socorros, não é? Consiste em um kit com materiais necessários para emergências médicas. Quando você escreve sobre seus valores, fica mais fácil entender a importância da sua redação. Assim, seus princípios se tornam a caixa de primeiros socorros dos dias de bug criativo.

Teve uma época que trabalhava por 16 horas, todos os dias. Quando eu saia de casa, meus filhos ainda estavam dormindo e, quando chegava, também. Perdi muitos dias especiais, como festinha do dia das mães, apresentações musicais e reuniões dos pais.

Naquela ocasião, minha caixa de primeiros socorros era uma foto deles que eu tinha na tela do meu celular. Sempre que me achava incapaz de escrever algo, era para eles que eu olhava. Como meu valor principal é família, isso funcionava como um passe de mágica e as ideias logo começavam a surgir!

Então, não espere o desânimo chegar. Assim que terminar essa leitura, crie sua caixa também. Pode ser aquela música que traz uma sensação ligada ao seu valor ou um vídeo que o inspira a ser quem você é. A ideia é que tudo isso funcione como um gatilho para lembrar que seu texto tem um objetivo maior do que meras palavras.

Tenha autoconfiança sobre a sua capacidade

Quanto mais você sabe sobre um assunto, maior será seu desafio para vencer o perfeccionismo. E tudo isso pode desencadear sensações que remetem à insegurança e ao medo em criar bons conteúdos.

No entanto, ao escrever sobre seus valores, você lembra que seus objetivos são bem maiores. Isso traz inspiração e ajuda a torná-lo um escritor mais confiante. As técnicas de escrita são importantes, mas, perdem o sentido se você achar o assunto irrelevante. Ao escrever sobre seus valores vai descobrir que existem motivos por trás da redação que são maiores que você.

A autora Sílvia Lisboa, ao esclarecer sobre o efeito da crença no seu livro “Cura espiritual: uma investigação”, traz uma excelente explicação do que a nossa mente é capaz quando decide acreditar em algo maior. Confira.

Estimulado por uma palavra encorajadora, a mente aciona, em segundos, uma nova rede neural que aumenta o fluxo sanguíneo nos lobos frontais e no córtex cingulado anterior — uma pequeníssima região envolvida com os bons sentimentos de empatia e compaixão. Essa minúscula parte cerebral exerce um papel de juiz. Ela concilia as emoções com as habilidades cognitivas. Ficamos mais controlados, focados em resolver problemas e mais dispostos a reconhecer nossos próprios erros. Não foi a situação que mudou, mas a sua interpretação a respeito dela.

Quando você se conecta com um objetivo maior, se sente mais inspirado. Com isso, as pessoas que compartilham dos mesmos princípios tendem a se conectar com seus textos. Isso faz toda a diferença e tem tudo a ver com o próximo passo.

Escolha a dedo seus influenciadores

Vivemos uma época de chuva de conteúdos. Com uma visita rápida no Google você conhecerá vários especialistas que vão prometer torná-lo um escritor mais confiante.

No entanto, nem todos podem, de fato, ajudá-lo. Cada um tem motivos e ideias diferentes que podem não condizer com o que você acredita. Ao escrever sobre seus valores, fica mais fácil identificar o que difere um influenciador do outro, pois, suas orientações fazem total sentido ao que procura. Então, vocês se conectam.

Ter boas referências é essencial para ser guiado pelo caminho que você traçou. E isso vale tanto para seus objetivos pessoais, quanto profissionais. Ao criar um negócio, o empreendimento também precisa entregar um bem maior ao mercado. Dessa forma, os potenciais clientes vão se identificar com os valores do negócio e serão convencidos que a solução foi feita para eles.

Entender sua motivação é a grande chave para ter mais autoconfiança a fim de criar conteúdos relevantes. Primeiro, porque você consegue identificar uma situação que não faz sentido para você e, segundo, ativa os motivadores que influenciam no seu processo criativo.

Por exemplo, se a honestidade for um valor para você, criar um texto repleto de mentiras para uma página de captura será um processo longo e doloroso. Contudo, você pode encontrar outros meios de levar o leitor a uma ação sem envolver trapaças e mentiras. Assim, vai conseguir ter os mesmos resultados sem ferir seus principais valores.

Portanto, o grande segredo para ser um escritor mais confiante começa descobrindo suas motivações. Escrever sobre o que acredita é o que dará significado aos seus textos.

Preparado para escrever textos incríveis e criativos? Então, comece agora baixando nosso ebook Saia da inércia: tudo o que você precisa para começar a escrever como um profissional!

Powered by Rock Convert