Como encantar o leitor do seu texto

Como encantar o leitor do seu texto na primeira frase?

A frase de introdução pode provocar mais impacto no seu leitor do que você imagina. Saiba tudo aqui!

Toda frase em um texto tem a tarefa fundamental de convencer o leitor a ler a frase que vem a seguir.

Se a redação estiver boa, conforme o leitor avança no texto a tendência é que ele se deixe envolver até que não consiga mais parar antes do fim. Mas, se a atenção desse leitor não for capturada na introdução, são grandes a chance de ele abandonar a leitura.

Por isso, o primeiro parágrafo de qualquer texto cumpre um papel estratégico de conquistar o leitor e convencê-lo a ir até o final do conteúdo.

Hoje você vai conhecer 7 técnicas que devem ser usadas para despertar curiosidade e interesse sobre o que será tratado de forma envolvente, mas sem perder a sutileza. Confira:

1. Pense bem na frase que inicia o primeiro parágrafo

O primeiro parágrafo deve ser criativo e redigido de uma forma que atraia a atenção do leitor desde a primeira frase. Por isso, evite usar expressões linguísticas já batidas como, por exemplo:

  • Atualmente;
  • Nos dia de hoje;
  • No mundo em que vivemos;
  • No contexto atual; entre outras.

Alguns modos interessantes de começar o texto são:

  • Com uma declaração forte, que cause alguma emoção no leitor: “Não interrompa o conteúdo que seu público deseja consumir, SEJA o conteúdo que eles desejam consumir”.
  • Definindo um conceito: “Marketing de conteúdo é uma estratégia para atrair a atenção do seu público para os seus serviços por meio da oferta de conteúdos que interessem a eles”.
  • Fazendo uma pergunta: “Você sabe o que é Marketing de Conteúdo?”
  • Com uma citação: “Segundo o escritor Simon Sinek, ‘as pessoas não compram pelo que você produz, mas sim pelo porquê de você produzir’”.

2. Cause identificação

Sabe aquele sentimento de quando você lê algo e sente que aquele conteúdo foi escrito para você?

Provavelmente ele foi. Bom, não exatamente, mas foi escrito para uma pessoa que tenha esperanças, sonhos, medos e preocupações parecidos com os seus. Colocando em termos de marketing de conteúdo: aquele conteúdo foi feito para uma persona que te descreve.

Conheça o seu leitor e escreva a primeira frase de seu texto de uma forma que imediatamente ressoe nele. Funciona muito bem quando utilizado junto de uma pergunta, igual fizemos na primeira frase deste tópico.

3. Desperte a curiosidade

Seres humanos são naturalmente curiosos. Por isso, uma das formas mais eficientes de capturar a atenção dos leitos é despertar essa curiosidade intrínseca.

Você pode levantar perguntas ou questionamentos que serão respondidos ao longo do texto. No marketing de conteúdo, uma boa jogada é fazer uma pergunta que cause identificação e esteja alinhada com os objetivos e problemas da persona do cliente.

Por exemplo, “você sabe como o Marketing de Conteúdo pode ajudar a aumentar a rentabilidade de uma empresa?”

Mas atenção: não faça perguntas estúpidas apenas por fazer ou que possam não corresponder a uma dor real do leitor.

4. Chame a atenção com fatos concretos

Apresente dados e estatísticas que comprovem a importância do assunto tratado. Para transmitir credibilidade, é fundamental citar a fonte da informação.

Uma dica de ouro é estudar bem a sua persona para citar uma fonte que ela enxergue como mais relevante. Por exemplo, se você estiver escrevendo para um gestor de uma grande empresa, é natural que uma pesquisa da Harvard Business School chame mais a atenção e transmita muito mais confiança para ele do que citar um estudo feito por algum blogueiro pouco conhecido.

Por exemplo: “De acordo com uma pesquisa realizada pelo Google, 1 a cada 5 aplicativos instalados em aplicativos móveis será abandonado pelo usuário em pouco tempo.”

5. Informe de maneira clara quais benefícios a leitura daquele texto trará ao leitor

Existem poucos consensos em nossa sociedade atual, mas um deles é de que vivemos uma época em que enxurrada de informações está disponível. Isso é especialmente verdade quando estamos navegando pela internet.

Com tanta oferta de conteúdo, a verdade é que no fundo sempre que veem um texto as pessoas no fundo sempre se perguntam: “Por que eu deveria ler isso ?”.

Uma boa maneira de capturar a atenção do seu leito é tornar óbvio desde a primeira frase e ao longo da introdução qual será o benefício que ele terá ao ler aquele texto. Ele vai continuar lendo porque você fez uma promessa para ele, seja de ajudá-lo a superar um desafio que ele enfrenta todos os dias ou de oferecer um atalho para seus maiores objetivos.

Todos temos problemas a resolver ou objetivos a alcançar. Conheça os objetivos e problemas dos seus leitores e escreva a primeira frase pensando neles.

6. Faça alusão a uma obra da cultura pop

Uma boa maneira de gerar empatia da persona do leitor logo no primeiro parágrafo é fazer uma menção a algum romance, um conto, livro, filme, entre outros.

Só se certifique de que é realmente uma obra popularmente conhecida e que faça sentido para a persona do leitor. Por exemplo, se o público são jovens millennials, não faz sentido mencionar algum filme da década de 1940, por mais que na visão do redator a obra seja reconhecida como um clássico do audiovisual.

7. Deixe a redação do primeiro parágrafo para o final

Você não precisa ser linear na construção do seu texto. Essa dica mesmo, por exemplo, é a 7ª dica desse artigo, mas está sendo a primeira a ser escrita.

Comece pelas partes que se sentir mais seguro e depois faça as outras. Escreva a introdução do seu texto por último, principalmente se não estiver se sentindo muito criativo no momento em que começar a escrever.

Deixar para redigir o primeiro parágrafo por último é vantajoso pois apenas ao final do texto temos uma ideia melhor do conteúdo que será abordado. Essa visão mais ampla permitirá ao redator escrever um primeiro parágrafo mais assertivo, que ressoe no leitor e crie expectativas que serão correspondidas na sequência da leitura.

Pronto! Com essas dicas você já estará melhor preparado para escrever um primeiro parágrafo capaz de encantar leitores e engajar eles na leitura.

Aproveite e conheça 5 exemplos de introdução para você utilizar nos seus textos!