Por Bianca Lopes

Redatora da Comunidade Rock Content. Jornalista, publicitária, freelancer, ensimesmada e desafiadora compulsiva do bom senso.

Publicado em 18/03/2018. | Atualizado em 04/01/2019


O processo criativo depende de fatores que vão além da criatividade do profissional, e incluem aspectos como repertório e boas referências. Por isso, fizemos uma lista com alguns dos documentários mais inspiradores!

Torne-se um especialista em produção de conteúdo!Powered by Rock Convert

O processo de criação é a base de todo o trabalho executado por um designer. Por isso, esse profissional precisa contar com ideias inovadoras, um bom repertório (sobre tudo) e estar sempre atento às mudanças do mercado e sociedade.

Os documentários sobre criatividade podem ser uma excelente influência para aqueles que se sentem perdidos na hora de desenvolver uma nova ideia, ou desejam expandir suas referências visuais e teóricas nessa área.

Mais do que design, estes vídeos também ensinam sobre arte, cultura e pessoas. Você verá que, embora represente perigo para os procrastinadores, o Netflix também pode ser uma poderosa fonte de inspiração para designers e diversos outros profissionais que precisam lidar com a criatividade todos os dias.

1. Abstract

O documentário Abstract: A arte do design, recentemente lançado pela Netflix, aborda a vida e o cotidiano de diversas mentes brilhantes, como a do ilustrador Christoph Niemann, a designer Ilse Crawford e o fotógrafo Platon. Nele, esses e outros profissionais mostram um pouco de seu processo criativo e como o trabalho impacta, diretamente, cada faceta de suas próprias vidas.

Produzido por Morgan Neville, a simplicidade do documentário pode atrair o interesse de diversos públicos, mas uma coisa é certa: a obra desmistifica o design, fornecendo informações que vão muito além do senso comum.

O espectador poderá conferir inovações e conhecer desafios em diversas áreas, como arquitetura, tipografia, fotografia e artes digitais.

2. Helvetica

Quando o assunto gira em torno de documentários sobre criatividade, poucos filmes apresentam tanta relevância e destaque como Helvetica, que se baseia neste tipo de fonte tão conhecida por designers e editores de textos.

Por mais que pareça chato ou difícil imaginar um filme inteiro sobre apenas um tipo de letra, não se engane: se você se interessa pelas particularidades do universo da psicologia, publicidade ou comunicação, certamente vai se encantar com a perspicácia e assertividade dos depoimentos e cenas do vídeo. Embora o documentário já tenha sido lançado há algum tempo (2007), ainda é um elogio à influência da tipografia em nosso mundo atual.

Helvetica analisa a forma como este único tipo de fonte (que completou 50 anos quando o filme foi lançado) rapidamente apareceu em logotipos corporativos, sinalização para sistemas de transporte, impressões e artes gráficas.

Mais do que apenas mostrar como essa fonte se tornou tão importante, o filme também abre espaço para uma reflexão maior sobre como a tipografia afeta nossas vidas, explorando esse tema em espaços urbanos e com a visão de designers renomados, como Erik Spiekermann.

3. Objectified

Pense em todos os objetos presentes na sua rotina: uma escova de dentes, a embalagem de algum alimento, uma cadeira, um carro, seu smartphone. Tudo isso passou por um complexo processo de planejamento por um profissional da área do design. Por mais que você já saiba disso, ainda é impressionante perceber as expressões de identidade visual, consumismo e sustentabilidade em cada item do dia a dia.

Objectified é um documentário que fetichiza a obsessão do design industrial, mostrando a importância desse olhar até mesmo nas pequenas coisas. Não é à toa que o filme acabou premiado no festival South By Southwest em 2009.

4. Bauhaus

A Staatliches Bauhaus, também conhecida simplesmente como Bauhaus, foi uma famosa escola de arte alemã fundada pelo arquiteto Walter Gropius, inicialmente construída sobre a ideia de que todas as artes poderiam ser reunidas. Mais tarde, tornou-se uma das maiores referências influenciadoras da arquitetura modernista, industrial e de design de interiores.

A escola foi fechada em 1933, sob pressão do regime nazista. No entanto, seus líderes tomaram seus preceitos idealistas para outras partes do mundo.

Suas obras ainda podem ser vistas em Berlim — o Hansaviertel, Gropiusstadt e a Neue Nationalgalerie têm sua impressão arquitetônica. Este documentário traça o desenvolvimento do movimento de Bauhaus, como confrontou o partido nazista e quais são as referências que deixa no design até hoje.

5. Art&Copy

Dirigido pelo renomado Doug Pray, o documentário Art&Copy é um poderoso retrato da evolução criativa e inspiradora da publicidade, dos anos 60 até os dias atuais.

Para isso, o filme aborda o trabalho e mostra um pouco das ideias de comunicólogos influentes, responsáveis por impactar profundamente a nossa cultura, ainda que sejam bastante desconhecidos fora do mercado de trabalho. Você vai conhecer os criadores de campanhas como “Just Do It”, “Got Milk” e “I Love NY”. Ficou curioso?

6. Iris

Quem nunca se deparou com uma capa de revista ou imagem online de Iris Apfel e seu estilo extravagante?

Conhecida pelo uso carregado de acessórios e visual chamativo, a designer de anteriores americana se tornou um ícone da moda ao dirigir a empresa de tecidos Old World Weavers, que chegou a ser contratada para restaurações da Casa Branca por nada menos que nove presidentes.

O documentário “Iris, uma vida de estilo” foi gravado pelo cineasta Albert Maysles em 2015, quando a protagonista tinha 93 anos. Nele, é possível conhecer suas jornadas de compras, as campanhas feitas para marcas como MAC ou Kate Spade, bem como a partilha de sua sabedoria com jovens fashionistas.

7. Indie Game

Geeks e nerds de plantão vão adorar conhecer a realidade de alguns criadores de games independentes. O Indie Game é um documentário que explora a jornada de equipes desenvolvedoras de sucessos como “Super Meat Boy” e “Fez”, alguns dos jogos mais conhecidos das últimas décadas.

Além de descobrir tudo sobre o processo de criação (pixel por pixel), o espectador também sentirá a pressão de trabalhar com uma equipe de apenas uma ou duas pessoas, bem como a de conciliar o cumprimento de prazos com horas a fio de trabalho e reuniões na Microsoft.

Como você pode perceber, aprender sobre as tendências do design pode ser tão interessante quanto se divertir com a exibição de um bom filme. Agora que você já conhece os documentários sobre criatividade, que você não pode deixar de ver, que tal aproveitar a leitura de mais um texto para continuar se inspirando?

Além dos vídeos, o exercício de ler também pode ajudar o desenvolvimento de novas ideias. Confira agora os 8 livros para se destacar no mercado e começar a alavancar sua carreira!

Livros para Profissionais Criativos

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *