Por Isabela Sartor

Psicóloga por formação. Perita em Hogwarts por diversão.

Publicado em 16/12/2019. | Atualizado em 13/12/2019


Disciplina ou motivação? Se você tivesse que escolher entre um deles para realizar suas tarefas, qual seria? No artigo, explicamos como cada um atua na produtividade. Confira!

Pergunta valendo 1 milhão de reais: o que importa mais para o sucesso, disciplina ou motivação?

Quando falamos em produtividade, esses dois termos até se entrelaçam, fazendo-nos confundir seus significados. Afinal, ter motivação em fazer alguma coisa otimiza nosso rendimento. Até terminamos uma obrigação mais rapidamente quando estamos motivados, não é mesmo? Por outro lado, a disciplina nos leva à organização e à determinação. 

Ou seja, há diferença entre elas e dar preferência a uma ou a outra é decisivo para termos resultados superiores em relação aos nossos objetivos.

Que tal refletirmos sobre esses conceitos para conseguir responder à pergunta feita inicialmente? É só seguir nas próximas linhas!

O que é motivação?

A motivação é um estado emocional que nos leva a buscar algo. É ela que nos faz acordar com aquele sorriso no rosto e nos dá a sensação de estarmos preparados para mais um dia. 

Gostar de trabalhar como freelancer, por exemplo, pode nos dar grande animação para, em plena segunda-feira, sentirmos-nos realizados em ter diversos jobs a serem feitos. Gostar de se exercitar pode dar uma grande motivação em pedalar em um domingo de manhã.

Por trás de cada comportamento motivado, existem diversos objetivos: ganhar mais dinheiro, conquistar reconhecimento, evoluir profissionalmente, comprar uma casa, ganhar mais liberdade, seduzir o crush, ter mais saúde. 

Se tivéssemos de usar breves termos para resumir o conceito de motivação, seria: vontade de fazer.

O que é disciplina?

A disciplina é a consistência em determinado comportamento para conquistar algo. Ao contrário da motivação, ela não nos faz acordar tão animados. Podemos levantar em uma sexta-feira sem vontade de fazer os jobs, por sabermos que serão um tanto mais exaustivos do habitual. Mas a disciplina nos faz entender a necessidade de passarmos por isso, a fim de obtermos consequências mais positivas lá na frente.

É por causa da disciplina que, mesmo sem vontade, vamos à academia em um dia chuvoso, com o objetivo de ter mais saúde. Ou, então, que dedicamos horas, de domingo a domingo, deixando amigos e diversão um pouco de lado, para conseguir concluir o mestrado.

Se tivéssemos de usar breves termos para resumir o conceito de disciplina, seria: precisar fazer.

Qual a relação entre motivação e disciplina?

Até aqui, já deu para perceber que disciplina ou motivação pode nos levar a alcançar aquilo que temos em mente, certo? Mas qual tende a ser mais eficiente?

Bem, você já precisou fazer algo importante, mas, por não se sentir motivado para tal, acabou protelando? O problema de buscarmos incessantemente a motivação é que nem todo dia a encontramos. Porém, em algum momento, as coisas precisarão ser feitas, ainda que estejamos de mau humor.

Quando esperamos a motivação chegar, para só então iniciarmos algo, tendemos a cair no ciclo da procrastinação. Ficamos:

  • “faço daqui a pouco, quando eu tiver mais vontade” — “Meu Deus, minha produtividade! Não posso ficar assim.” — “Preciso começar! Vamos ver essa tarefa.” — “Não, não dá. Realmente, não estou no clima”.

A motivação tende a ser influenciada pelo nosso estado de espírito. Já a disciplina não se importa com o nosso ânimo. Ela nos obriga a ter persistência e resiliência, a fim de usufruirmos de resultados consistentes a longo prazo. 

“Mas, então, a motivação não vale nada?” Claro que vale! É muito mais prazeroso fazer algo quando estamos motivados. No entanto, nem sempre precisamos assistir a dezenas de vídeos motivadores, antes de começar uma tarefa, mas ter a consciência de que a constância de um comportamento nos ajudará a concretizar as metas

Alguns exemplos para ilustrar

E se ainda não foi suficiente para você se convencer, então lembre-se das histórias de pessoas vencedoras. Do empreendedorismo ao esporte, os exemplos são vários.

Phelps, nadador americano e maior medalhista dos Jogos Olímpicos, já relatou nem sempre sentir vontade de treinar. Muitos dos treinos, inclusive, não demonstravam o resultado esperado. 

Bolt, velocista jamaicano, disse ter perdido a motivação e o amor pela corrida enquanto se preparava para as Olimpíadas no Rio, em 2016, mas foi para casa com 3 medalhas de ouro. 

A Pixar passou por muitas tentativas, erros e dias frustrantes, até conseguir realizar o sonho de contar narrativas por meio da animação computadorizada. Foi fundada em 1986 e quase chegou à falência, até que, em 1995, Toy Story estourou.

O que concluímos? Nem Phelps, nem Bolt, nem Pixar tinham um super entusiasmo ou se sentiam otimistas todos os dias. No entanto, por manterem a disciplina de seguir um objetivo, tiveram muitas conquistas. 

Assim, em vez de correr atrás do mood perfeito, esperar o alinhamento dos planetas, ou coisa parecida, que tal se perguntar: 

Como posso ter mais disciplina?

É que não adianta muito falar para você ser mais disciplinado, sem dar algumas diquinhas de como chegar lá, né?

Saiba o valor da disciplina

Falando bem sinceramente, o que você sente quando escuta essa palavra? É fácil a associarmos com sofrimento, prisão, castigo. Mas entenda: essa “dor” inicial é apenas o efeito de sairmos da zona de conforto. 

Tenha em mente que, fazendo isso, você terá como resultados: mais controle da sua vida, mais autoconfiança e aprimoramento das suas potencialidades. Toda escolha tem um preço, concorda? O quanto você está disposto a pagar pelas suas?

Entenda o seu porquê

Em vez de ir direto para o “o quê”, foque no “por quê”. Não é difícil saber o que queremos: mais produtividade, corpo mais bonito, mais dinheiro, ler mais livros, começar um projeto, aprender um novo idioma. Mas por que queremos isso? O que ganharemos? Qual diferença nos fará? 

Ter clareza nessas respostas dará mais sentido ao objetivo e o tornará mais tangível, fazendo-o se aproximar de você. Dar um sentido à meta é como iluminar o caminho para nossos passos. 

Utilize milestones

Não adianta! Dificilmente conseguimos nos mover e realizar algo quando olhamos apenas em direção ao objetivo final. Muitas vezes, ele parece tão distante do nosso estado atual, que acontece aquele famoso “dá preguiça só de pensar em começar a fazer”. 

Milestones pode ser traduzido como pedras de milhas (a unidade de medida). Seria como se dividíssemos um caminho colocando pedras a cada determinada distância. No caso, fazemos isso com o objetivo. Fragmentamos ele em pequenas metas, a fim de a execução parecer menos cansativa.

Crie o hábito

Dizem que nosso organismo demora muitos dias para se habituar a um novo comportamento. A teoria é que nosso cérebro precisa desenvolver novas ligações neuronais e, com isso, ele gasta muito mais energia, até entender que aquilo já é algo comum.

Um dos pesquisadores sobre o tema é o psicólogo Jeremy Dean, autor de “Making Habits. Breaking Habits: Why We Do Things, Why We Don´t, and How to Make Any Change Stick”. No livro, ele faz várias análises e traz algumas pesquisas. Em um dos estudos, ele nos mostra que os participantes demoraram, em média, 66 dias para ter alguma atividade como hábito.

Ou seja, tenha paciência, porque no começo será mais difícil. E acredite que lá na frente ficará mais tranquilo.

*Mas atenção! O Ministério de Saúde dos Freelas adverte: ultrapassar seus limites pode causar ansiedade, burnout, estresse ou depressão!

Equilíbrio também é importante. Adquira disciplina, mas não coloque seu bem-estar em risco.

Bem, depois de toda essa discussão sobre escolher entre disciplina ou motivação, você deve entender que é importante nos sentirmos motivados, sim. No entanto, é a disciplina que coloca o nosso plano na linha. Não devemos deixar nossas obrigações e metas sujeitas ao nosso humor. Afinal, você quer levar a vida? Ou deixar ela te levar?

Gostou do artigo? Então, certeza que você vai curtir o Guia de Produtividade para Procrastinadores! É só clicar no link e baixar o e-book!

Powered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto