Por Gabriel Sacramento

Copywriter, músico e fã de ficção científica. Exatamente nessa ordem.

Publicado em 07/10/2019. | Atualizado em 13/09/2019


O digital influencer é o profissional que estimula decisões de um público específico. É a pessoa-chave para tornar a internet relevante e dinâmica. Neste artigo, você aprende a como se tornar um e como ganhar dinheiro com isso.

Um profissional que ganha cada vez mais respeito e reconhecimento atualmente é o digital influencer ou influenciador digital. Na dinâmica das mídias sociais e internet, é uma voz ativa que contribui para resultados estratégicos do marketing de muitas organizações. Além disso, a influência que eles exercem e a capacidade de contágio de suas ideias é motivo de estudo de muitos especialistas.

Se trabalhar com a internet, produzindo conteúdo é o que você gosta de fazer, não deixe de acompanhar todos os detalhes deste valioso artigo e aprenda todos os requisitos para ser um digital influencer. Boa leitura!

O que é Digital Influencer?

Digital influencer é um usuário popular das mídias sociais que consegue influenciar as decisões e comportamentos de outras pessoas. É um indivíduo seguido por um público que acompanha atentamente o que ele publica e reverbera suas palavras para outros.

Por conta de sua autoridade, credibilidade, experiência ou conhecimento, ele consegue moldar a opinião popular e transmitir ideias com facilidade. Assim, é capaz de definir tendências de compra e motivar decisões dos usuários com relação aos seus investimentos e identificação de suas necessidades.

Entre as habilidades e competências do que é ser influenciador está também a capacidade de suscitar discussões sobre temas específicos, agregando relevância a eles. Mesmo que as pessoas discordem, elas acabam repassando os posicionamentos. Desse modo, é um usuário fundamental para que a internet se mantenha relevante e importante.

Alguns tipos comuns são:

  • nativos digitais;
  • celebridades;
  • jornalistas;
  • especialistas;
  • ativistas.

Qual a relação com o marketing de influência?

Entre as tendências do marketing digital, existe um subcampo dedicado a estudar as oportunidades comerciais relacionadas com influenciadores: o marketing de influência. Esse conceito analisa estratégias impulsionadas por pessoas-chave em uma comunidade, ao invés de se basear na imagem de uma marca ou organização, como tradicionalmente ocorria.

Segundo Philip Kotler em Marketing 4.0, essa é uma tendência real. O autor defende que compradores atualmente não se importam mais com propaganda tradicional e não ouvem mais as vozes das empresas como antes.

Essa é a era do marketing focado no social, ou seja, em redes de familiares e amigos. Os clientes decidem comprar com base na opinião dos mais próximos, afinal, confiam neles.

Confiança

O termo confiança é fundamental quando falamos em influência digital. O que faz as pessoas comprarem por recomendação de algum usuário popular é justamente a confiança nele.

Essa relação é fortalecida pelo fato de que aquele influenciador se parece muito com o comprador, usa a mesma mídia social e tem um lado humano visível. A partir disso, os consumidores se sentem mais confortáveis para aceitar suas ideias.

Jonah Berger, em seu livro Contágio, afirma que isso acontece porque as pessoas em seus círculos sociais são honestas e objetivas. Elas são reais e abordam os pontos positivos e negativos, de uma maneira pouco enviesada por conflitos de interesses.

Autonomia

Esse fator também a ver com a sensação de autonomia do usuário nos tempos atuais. Se vê uma propaganda muito invasiva, os clientes não se sentem capazes de efetuar as decisões de maneira autônoma, pois isso parece forçado. Já quando dialoga naturalmente em seu círculo social, desenvolve a própria vontade de adquirir algum produto/serviço.

Desse modo, no marketing de influência, existe um forte engajamento, o que é mais valioso do que simplesmente conseguir muitas visualizações em um post. Os influenciadores conseguem atrair os seguidores a uma ação, de forma muito natural e orgânica. 

Por essa razão, as empresas estão começando a adotar abordagens centradas nesse modelo de marketing. Buscam transmitir valores por uma comunicação humanizada e dinâmica, que converse com as pessoas de forma mais horizontalizada, valorizando a autonomia delas. 

Quais os pilares da influência no campo digital?

Esses pontos fundamentais são três. Veremos a seguir.

Alcance

O alcance consiste no número de pessoas impactadas pelas mensagens de um influenciador. Ou seja, está relacionado com o número de impressões e visualizações em um post publicado. Ainda não estamos falando dos efeitos de cada publicação, mas meramente do tamanho da audiência.

Relevância

Já a relevância diz respeito à qualidade do que é postado, de acordo com as necessidades de quem segue. Um conteúdo relevante para uma audiência é aquele relacionado com seus interesses e que atinge o objetivo de instigar a ação. Esse termo também pode representar consonância com os objetivos da marca que contrata um promotor de seus valores.

Ressonância

A ressonância está relacionada com a capacidade de contágio e transmissão das ideias de um usuário. Ou seja, se alguém até tem uma boa audiência, consegue ser relevante para os seus seguidores, mas suas ideias não se espalham e não conseguem gerar engajamento especial, ele não é um bom influenciador. 

O que faz um digital influencer?

Um influenciador digital é alguém que mantém uma rotina regular de postagens e uma estratégia de planejamento por trás das suas ações no ambiente virtual. Assim, ele promove ideias, produtos e conceitos, fazendo recomendações de maneira natural.

Esse profissional aproveita o timing de certos eventos e publica determinadas mensagens direcionadas e relevantes para o seu público.

No início da popularização da internet, o foco era atrair muitos usuários diferentes. No entanto, com a entrada de mais pessoas nesse mercado, a comunicação se tornou cada vez mais segmentada e específica. 

Assim, cada influencer conversa com seu nicho, de acordo com o que os membros têm interesse. Ele utiliza esse público para buscar engajamento para o seu conteúdo. A depender do objetivo e do tipo de influenciador, o jeito de trabalhar pode mudar, mas essas características são comuns a todos.

Por que ser um influenciador digital no instagram?

O Instagram é uma das maiores redes sociais da atualidade e segue crescendo a cada dia. É um espaço popular, com grandes perspectivas de expansão. Por essa razão, é uma das ferramentas mais utilizadas por influenciadores digitais.

Por atrair mais usuários, o Instagram oferece maior engajamento. As pessoas comentam mais, curtem os posts e se encantam com o conteúdo. Da mesma forma, é uma ótima plataforma para gerar um bom relacionamento com os usuários, baseado no compartilhamento frequente de material relevante.

Essa relação se dá por conta do aspecto intimista da rede social. Com os stories, por exemplo, os usuários conseguem compartilhar sua vida e rotina, o que gera ainda mais engajamento e faz com que as outras pessoas se sintam parte da vida desses usuários. Isso fortalece ainda mais a confiança quando influenciadores recomendam alguma marca ou produto.

Além disso, o Instagram é caracterizado por ser um conteúdo fácil de assimilar, fortemente visual, com poucos focos de leitura. Assim, é uma plataforma ideal para o uso rápido, em horários livres da rotina. Isso se encaixa com a forma como os usuários adoram usar as mídias e com o dinamismo do mundo moderno. 

Por esses motivos, as empresas gostam de procurar espaço no site e contratar pessoas para representarem seus valores. Dessa forma, quem deseja aprender mais sobre essa profissão também deve prestar uma atenção especial ao Instagram.

Quais as vantagens?

Agora, veremos algumas vantagens de ser um influenciador digital. 

Reconhecimento

Uma pessoa com poder de influência em um espaço digital é bastante reconhecida pelo seu trabalho e pelo que faz. Usuários com autoridade em algum tema são devidamente reconhecidos por conta do alcance e da fidelidade do público.

Isso é interessante, pois caso você trabalhe bastante em algum projeto diferente, pode contar com o apoio dos seus seguidores para divulgação do resultado.

Mobilidade

Trabalhar com essa profissão é desfrutar da mobilidade. Influenciadores conseguem entregar resultados e produzir conteúdo onde estiverem, seja em casa ou não. O único requisito é ter acesso à internet. Sem esse rigor por cumprir horários em algum local específico, é possível extrair mais criatividade e otimizar os processos de criação.

Liberdade editorial

Outra característica é a liberdade editorial, ou seja, a capacidade de criar de forma espontânea e de acordo com a própria vontade. Esse tipo de profissional tem autonomia para controlar as publicações e apresentar abordagens próprias a fim de promover os produtos e cumprir os contratos.

Flexibilidade de horários

Por trabalhar na internet e de uma maneira mais livre, os influenciadores também têm maior flexibilidade na agenda. Desse modo, eles conseguem se dedicar a diferentes projetos e separar momentos específicos para viagens e lazer, fatores cruciais para todo profissional. Os horários são controlados de maneira autônoma, o que facilita a vida dessas pessoas.

Quais as desvantagens?

Já neste tópico, vamos detalhar algumas desvantagens desse tipo de trabalho.

Maior responsabilidade

Como esse usuário tem o poder de definir tendências e moldar opiniões, é preciso ter muito cuidado para não propagar polêmicas e desentendimentos, já que podem se espalhar rapidamente e atingir muitas pessoas. É importante administrar os temas sensíveis, sabendo que tudo afeta a reputação.

Menos privacidade

Todos que desfrutam de grande reconhecimento e fama sofrem do mesmo problema: menos privacidade. Esses usuários têm menos facilidade para ir a lugares diferentes e até mesmo para cumprir a própria rotina. Além disso, por compartilhar a vida na internet, alguns perfis acabam sendo invasivos demais em aspectos mais relacionados à vida pessoal e íntima.

Menos tempo com a família

Em alguns casos, os promotores de marca na internet precisam se deslocar frequentemente para eventos específicos e viagens. Assim, passam menos tempo livre com a família e aproveitam menos das relações com os seus próximos

Haters

Outra característica da internet é a presença de mal-intencionados que espalham críticas negativas, ofensas e ameaças. Quase sempre, os alvos são pessoas mais populares e relevantes.

Como ganhar dinheiro como digital influencer?

Uma das principais formas de ganhar dinheiro com essa ocupação é estabelecendo parcerias com as marcas. A estratégia funciona como já abordamos: as companhias contratam quem tem alcance, relevância e ressonância, além de um público parecido com o da empresa.

Assim, os contratos são estabelecidos, e os influenciadores passam a promover e produzir conteúdo patrocinado, direcionado aos seguidores.

Além disso, existe o marketing de afiliados, que consiste em promover produtos de outras pessoas em mídias sociais. A diferença para as parcerias do parágrafo anterior é que, em uma estratégia de afiliados, existe um pagamento por comissão em cada venda realizada, ao passo que nos posts patrocinados, há um cachê por post.

Para quem é referência em um determinado assunto, existe também a possibilidade de oferecer cursos e palestras. Assim, não só podem levar o conhecimento, autoridade e credibilidade para além do espaço digital e contribuir ativamente com a comunidade de sua área, mas também ganhar um bom dinheiro. 

Como se tornar um influenciador digital?

Neste último tópico, vamos finalmente conhecer algumas dicas de como se tornar um influenciador.

Escolha um nicho

Antes de começar, é fundamental escolher bem o nicho de mercado em que você atuará. Isso ajuda a definir as suas abordagens e o que norteará suas estratégias no ambiente digital. 

Afinal, não adianta ter um bom espaço de influência, mas tentar falar sobre tudo. A segmentação será crucial para o sucesso das publicações e vai impulsionar os resultados, pois ajuda a escolher o tom e o tipo de postagem. Assim, é fácil se estabelecer como referência e construir autoridade em determinado assunto.

Essa definição exata do seu nicho vai facilitar o contato com empresas interessadas também. Desse modo, é possível alcançar os benefícios citados anteriormente e uma profissionalização do negócio.

Compartilhe conteúdo relevante

Também não adianta ter um bom público se o influenciador não compartilha o que é relevante para ele. Assim como no marketing de conteúdo, relevância nesse contexto significa algo que esteja associado às dores de alguma persona. No caso do digital influencer, o objetivo deve ser compreender as necessidades do público seguidor e publicar conteúdos importantes para supri-las.

Tenha uma regularidade de postagens

Uma dica imprescindível para alcançar sucesso no ambiente digital é investir em uma boa regularidade de publicações. Quem posta com frequência e estabelece um calendário editorial organizado tem mais chances de conquistar o público, pois não é esquecido. As pessoas sempre vão esperar pela sua publicação naquele determinado momento do dia, e isso cria um bom relacionamento.

Faça colaborações

Da mesma forma, vale muito a pena investir em colaborações com outros usuários relevantes na plataforma em que você estiver trabalhando. Isso é fundamental, pois ajuda a expandir o público e aumentar o alcance. Esse networking também é interessante para conseguir estratégias e parcerias que valem dinheiro.

Monitore seus resultados

Acompanhe sempre seus resultados e estude as métricas das redes sociais em que você está. O Instagram, por exemplo, oferece várias ferramentas para monitorar o que ocorre no perfil e como as pessoas reagem aos conteúdos publicados.

Se quiser aumentar o seu público, essa é a chave. Estudando o engajamento e as interações, é possível ajustar o necessário para alcançar os objetivos de crescimento.

Ser um digital influencer é aproveitar as possibilidades da internet e alcançar pessoas de diversos lugares e perfis. Essa profissão está se tornando cada vez mais relevante no nosso mundo, principalmente porque as empresas estão prestando mais atenção no marketing de influência.

Assim, com algumas estratégias, é possível trabalhar focado nisso e se tornar um profissional com alcance, relevância e ressonância nas redes. Além de tudo, ganhar o devido pagamento pelo trabalho e esforço.

Esse conteúdo foi relevante e te ajudou? Então, não perca o nosso e-book sobre estratégias de redes sociais para freelancers.

Estratégias de Redes Sociais para FreelancersPowered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto