definição de metas

Definição de metas: o guia passo a passo para começar ainda hoje!

Saiba como definir metas em passos simples para alcançar o que você quer!

Segundo uma frase clássica do filme “Alice no País das Maravilhas”, se você não sabe aonde quer chegar, qualquer lugar serve.
Para não correr o risco de se chegar a um lugar desagradável, é preciso estabelecer metas e objetivos e, depois, batalhar para alcançá-los. Mas, antes disso, é importante deixar claras as diferenças entre esses conceitos.
Objetivo é o propósito de se realizar alguma coisa, ou seja, é o guia que determina aonde se quer chegar. Meta, por sua vez, é o objetivo quantificado. Ela é temporal e necessariamente ligada a prazos.
Observe o exemplo:

  • Objetivo: fazer uma viagem;
  • Meta: fazer uma viagem de 6 meses, a partir de abril de 2019, para Nova York, onde vou aperfeiçoar o inglês, trabalhar de forma remota e aproveitar para viajar para outras cidades nos fins de semana.

Neste texto, mostramos por que a definição de metas é tão importante para atingir os objetivos e como isso deve ser feito. Além disso, destacamos um guia passo a passo para você começar hoje ainda. Vamos lá?

Por que as metas são tão importantes para alcançar os objetivos

Na hora de definir um objetivo, as possibilidades são inúmeras. Por exemplo, o famoso empreendedor Elon Musk, CEO da Tesla, tem a meta de colonizar Marte. Ninguém o impediu de ter estabelecido planos para isso. No entanto, não sabemos ainda se isso acontecerá de fato.

Ter uma definição de metas, portanto, não assegura de que ela será atingida e isso pode gerar muita frustração. Por outro lado, sem nenhuma meta, é pior ainda. Afinal, você pode ir para qualquer lugar, mas isso certamente não condiz com a sua personalidade. Acertei, não é verdade?

Para que a sua meta esteja alinhada com o propósito de atingir seus objetivos, utilize o método SMART.

Método SMART

Para ajudar na tarefa de definição de metas, nada melhor do que o método SMART, um acrônimo para as palavras em inglês Specific, Menssurable, Achievable, Realistc e Time-based. Para definir as metas por meio dessa técnica, vamos ver o significado de cada letra do acrônimo:

S: Specifc (seja específico)

Quando definir suas metas, você precisa ser necessariamente específico. Os objetivos precisam estar claros na sua mente. Não diga apenas “quero mais sucesso na minha carreira”.

Determine algo como “dentro de três anos, estarei em Nova York, atuando como freelancer, produzindo conteúdo para empresas brasileiras e estrangeiras, ganhando cerca de 10 mil dólares por mês. Para chegar lá, vou estudar, fazer cursos, começar a escrever em inglês, conversar com pessoas que já viveram essa experiência etc”.

Dessa maneira, seu objetivo se torna muito mais tangível.

M: Measurable (defina objetivos mensuráveis)

Para alcançar uma meta, será necessário que você a acompanhe de perto. Então, será preciso que você meça seus resultados constantemente, para ver se está indo no caminho certo.

Por exemplo, se você quer produzir conteúdo para empresas estrangeiras, deve se atentar a algumas questões: em qual estágio você está hoje e como pretende estar no futuro? Como pretende medir sua evolução (se vai mandar seus textos para aquele amigo gera em inglês etc)?

A: Achievable (defina objetivos atingíveis)

É essencial que você seja realista. Pensar em se tornar um colunista do New York Times, com poucos dias na cidade americana, é algo que, convenhamos, está um pouco distante daquilo que pode alcançar. Ser realista é crucial para não ter frustração.

R: Realistic (seja relevante)

Sua meta influenciará sua vida ou de outros? Ela faz muito sentido para as coisas que acredita? Está ligada aos seus valores e ao seu propósito? Essa relevância é primordial para você, principalmente nos dias difíceis, em que terá vontade de “chutar o balde”.

T: Time-based (defina um prazo)

Qual prazo você definiu para bater sua meta? Sem um prazo, é muito mais fácil você procrastinar e “empurrar com a barriga”. Objetivos sem prazo acabam se tornando desgastantes. Mas fique atento: se você não atingiu o que esperava, não fique prorrogando. Talvez seja o momento de avaliar o que deu errado e refazer os planos, com novas estratégias e objetivos.

Outros posts que podem te ajudar!
[Planilha] Ferramentas e aplicativos para produtores de conteúdo
PDI: entenda como fazer um Plano de Desenvolvimento Individual
Metas SMART: descubra como definir objetivos para aumentar sua renda!
Roda da vida: descubra como aplicar a ferramenta em 3 passos

Passo a passo para estabelecer metas

Agora que você tem uma ideia melhor em relação à definição de metas, é o momento de partir para a prática. Por isso:

Estabeleça o objetivo

Você precisa definir seu objetivo. Isso ajudará a ficar comprometido com eles. Para que isso traga resultados, você precisa anotá-los e revisá-los de forma constante. Essa anotação deve estar sempre em um lugar de destaque. Você pode usar post-its, cartolinas ou ter um quadro dos sonhos no smartphone.

Planeje as metas

O planejamento de metas tem de ser muito alinhado com as coisas que você realmente deseja para a sua vida. Ou seja, é preciso que você realmente se preocupe e se importe com as coisas que quer buscar. Quando você realmente valoriza a meta, estará dando um grande passo para conquistá-la. Além disso, quando você se organiza, se torna mais produtivo.

Crie um indicador

Ter um controle dos seus avanços e resultados é primordial para a sua motivação e organização. Sempre que perceber que está perdendo o controle, pare e volte em direção aos seus objetivos. Você pode a acompanhar seu progresso em planilhas ou por meio de aplicativos como Google Keep, Evernote e Todoist.

Execute

É muito bom pensar naquilo que poderá ser conquistado, mas o objetivo principal é ser prático. Por isso, já comece a trabalhar desde já. Aqui, o alerta é para que não se comprometa com muitas tarefas. O ideal é se prender somente às ideias nas quais você verdadeiramente poderá se empenhar.

Avalie e revise

Talvez isso não esteja claro, mas é muito provável que tenha alcançado inúmeras metas. Por um momento, esqueça tudo aquilo que não deu certo e avalie as coisas nas quais você acertou.

Sempre fique atento a todos esses detalhes, pois isso vai te dar mais força e confiança para continuar seguindo rumo às suas conquistas.

Além disso, revise periodicamente todas as suas metas. Pode ser que alguma deixe de fazer sentido e, assim, você precise estabelecer novos desafios.

Agora que você já sabe muitos detalhes para a definição de metas, é a hora de colocar a mão na massa para fazer acontecer.

Em linha gerais, você precisa ter equilíbrio para determinar sonhos grandes, mas sem tirar os pés no chão. As metas devem ser sempre ousadas e, ao mesmo tempo, realistas.

Para você consolidar essas ideias de vez, confira a Roda da Vida, uma ferramenta utilizada em consultorias de autocoaching e autoconhecimento. Vale a pena!

roda da vida