deadpool explica

Deadpool explica: por que todo conteúdo que você escreve é uma m…

Deadpool invadiu a Comunidade para explicar tudo o que tem de errado com o seu texto!

Olá, pessoal da Comunidade Rock Content! O meu nome é Wade.

Deadpool Explica: Por que todo conteúdo que você escreve é uma m...

Você, com certeza, sabe quem eu sou, se não, pode sair deste post porque você não é digno dele.

Aos que sabem quem eu sou, pode me chamar de titio Dead ou Sr. Pool. Ou só Deadpool mesmo.

Eu sou o melhor redator para Web dessa comunidade e fui responsável por escrever o conteúdo mais popular da história do Marketing de Conteúdo, o blog da Rock Content.

Ou, como esses prepotentes gostam de se intitular, o maior blog de Marketing Digital da América Latina. Como se eles conhecessem todos os blogs da américa Latina.

Mas enfim, dessa vez eu vim até o Comunidade escrever o melhor post desse blog. Por que né!? Tá precisando!

E não vai ser muito difícil, afinal, a concorrência é fraca!

Mas como a concorrência nos motiva a ser melhores, eu vou explicar para você o porquê de todo conteúdo escrito por você ser pior que o filme Esquadrão Suicida.

Assim, você melhora um pouquinho, me motiva a escrever mais e voltar a ser o melhor.

Pode me agradecer depois!

Então vamos logo ao que interessa, como eu adoro quebrar a quarta parede e conversar com o meu público, hoje é dia de conversar com vocês.

Espero que já tenha visto o meu filme! Se você ainda não viu pare o que está fazendo agora e vá assistir!

Não importa se você está no trabalho, viajando ou usando o mouse com a mão esquerda! Vá assistir.

Assistiu? Então, vamos em frente!

É hora de ensinar você a limpar as cagadas que você faz digitando e que já deveria ter aprendido a se limpar sozinho há muito tempo!

Prepare-se!

Você não é o seu cliente

O maior problema do mundo de hoje não é a geração Nutella, não é o mensalão, nem os filmes da Warner/DC… o maior problema do mundo hoje é redator que não consegue entender que ele não está escrevendo para ele mesmo!

Sabe aquela piadinha ruim que o seu pai conta desde que você tinha 2 anos? Que era ruim na época e continua ruim hoje?

Essa mesmo que você está pensando!

Pois é, sabe qual o problema dessa piada? É que ele acha que está contando para ele mesmo.

E muitos redatores são assim! Escrevem textos que só eles e, talvez, a mãe deles ache bom.

O cara vira literalmente um Ghost Writer, fala, fala e ninguém escuta.

Pega só a primeira vez que Fox me usou no cinema! Aquela coisa horrorosa. Provavelmente o diretor pensou “nossa, seria incrível se o Deadpool não falasse tivesse umas espadas no braço, sou um gênio”.

Aí deu nisso:

Sim, essa coisa no gif sou eu! Eu também fico com ânsia de vômito, sei como você se sente.

A coisa mais legal que eu faço é falar… ou escrever… e eles me tiraram isso!

Pelo menos, o abdômen ficou intacto.

E que abdômen!

Enfim, pelo peitoral de Thor, querido redator LEIA A PAUTA!!!

Já pensou se eu como assassino de aluguel não lesse a pauta que me mandam? Eu lesse apenas o título: mate o Roberto Carlos!

Quem você mataria: (quem veio a sua cabeça primeiro?)

deadpool explica: roberto carlos cantor

deadpool explica: roberto carlos jogador de futebol

É isso que dá não ler a pauta!

Eu mataria os dois para garantir. E ainda mandaria um Souvenir pro Rocket Racoon (você vai precisar se esforçar muito para entender essa piada).

Entenda o que o seu cliente quer e entregue a ele o que ele pediu! É isso que importa!

Você usa linguagem inadequada

Semelhante a escrever para si ignorando a pauta, está outro grave problema que os redatores cometem:

Ils écrivent dans une langue que le personnage ne comprend pas!

deadpool explica: deadpool francês

Já pensou se a persona desse blog fosse:

Dona Marocas, viúva, 97 anos e avó de 15 netos. Não sabe mexer muito bem na internet, mas sabe usar o Google. Nunca viu nenhum filme de super heróis. Seu Hobby é jogar baralho sem lembrar das cartas e não reconhecer os seus netos. O principal objetivo da Senhora Marocas é encontrar uma cadeira de balanço para passar o resto dos seus dias sentada sem fazer nada. Tipo o Thanos.

Enfim, será que esse texto aqui teria algum apelo com ela? Claro que não!

Então escreva conteúdos na linguagem da persona! De novo, seu conteúdo não é para você, é para ela.

Você usa storytelling sem sentido

João acorda todos os dias duas horas da manhã.

Outro fato interessante sobre João é que ele nunca mais será citado no meu texto. Eu só queria introduzir um post sobre insônia e resolvi colocar o João na introdução.

Aí seu texto fica parecendo Batman Vs Superman, com uns personagens jogados lá dentro só pra dar um exemplo inútil.

Se você começa uma história, tenha um propósito, pense no final! A não ser que você quer que ele seja ruim igual ao de Lost (que o cara criou sem saber o final).

Nesse caso pode deixar o João jogado no texto mesmo.


Você é machista

Esse tópico é pra você que pensou “este tópico não é para mim”.

Se você já usou qualquer uma dessas frases “mulher não sabe…”, “isso é coisa de mulher”, “você bate igual uma menina”, “você corre igual uma mulherzinha”, “toda mulher gosta de” ou “macho que é macho” em um texto ou na cozinha da empresa, este tópico é para você.

Qualquer tipo de generalização com o sexo feminino é machista:

Se eu não consegui te explicar, talvez a Lara do desenho “infantil” Irmão do Jorel consiga.

Por favor, pelas barbas de Odin, pelo olho do Thor, assista essa cena! Vale a pena.

Se eu, Sr Pool, não sou machista, por que você seria?

Reflita! Vamos ao próximo erro.

Você é feminista

É! To sim!

É brincadeira.

Nenhum erro aqui. hehehe

Você devia ter visto a sua cara!

Você faz generalizações estúpidas

Todo mundo sabe que toda generalização é idiota!

Principalmente quando essa generalização bate de frente com a persona do seu cliente.

  • Todo mundo sabe que SEO é indispensável para dominar o Google – Persona: Seu Getúlio, 72 anos, músico de boteco.

Pense muito bem antes de fazer afirmações desse tipo. Já dei esse recado para os machistas, mas acho que vale pra todo mundo.

  • Toda mulher gosta de manter as unhas bonitas
  • Todo homem adora carro
  • Homem não presta (eu sou a exceção)
  • Quem não sonhou em ser um jogador de futebol? (EU, CARAMBA!)

Você escreve SÓ por dinheiro

— Mas titio Dead, você é um mercenário!

Eu sei, mas uma coisa eu peço a você: não escreva SÓ pelo dinheiro!

Ninguém gosta de quem só faz as coisas por causa do dinheiro!

deadpool explica: neymar

Imagem meramente ilustrativa.

A tendência é que, quando você escreve apenas por causa do dinheiro, os seus conteúdos tenham uma qualidade semelhante ao roteiro do filme Liga da Justiça.

Tem nada de errado em querer ganhar dinheiro escrevendo. O problema é escrever com pressa para pegar mais conteúdos, pegar só textos fáceis e nunca evoluir como redator, entre várias outras implicações.

Eu não mato pessoas só pelo dinheiro! Eu gosto da coisa! E faço isso parecer legal:

Tá vendo!? É diferente quando você faz uma coisa de má vontade ou às pressas para ganhar dinheiro.

deadpool explica: superman com o bigode removido digitalmente

Outra imagem meramente ilustrativa.

As vezes é vantajoso não ter bigode. Por que eu disse isso? Vamos em frente!

O seu texto é todo desconexo

É horrível quando você quer ler um conteúdo e de repente surge uma frase que não cenoura!

Chimichanga é algo que gosto, então vou enfiar no texto.

Seu conteúdo fica igualzinho o roteiro de um filme do Michael Bay, uma bomba! (uau, é muito sentido pra uma piada só! Vou mudar meu nome para Deadpoolitzer).

Mantenha uma sequência lógica para os seus conteúdos! Um exemplo disso é o universo cinematográfico da Marvel, tudo muito bem conectado.

Um exemplo do que não fazer, é só assistir aos filmes das franquias X-men ou Transformers, nada faz sentido!

Martha bom, vamos em frente! Chega de coisas desconexas e sem sentido.

Você confunde tamanho com profundidade

Muitos redatores possuem o mal da DC Comics, que acha que só porque os seus filmes são longos eles são profundos.

Esse é um mal um pouco geral, e às vezes vem mais da pauta do que do próprio redator. Mas o que tem de gente extrapolando o número de palavras para adicionar frases que não acrescentam nada no texto é impressionante.

Para exemplificar, vamos falar algumas frases que nada acrescentam em um conteúdo:

  • Com o advento da internet
  • Pessoas se conectam com pessoas
  • Um país rico é um país sem pobreza
  • Os tempos mudaram
  • Vivemos na era da…
  • Com a transformação digital…

São várias. Essas frases não servem pra nada, só pra alongar o texto. É uma espécie de apêndice no seu conteúdo. A diferença é que dói só no revisor.

Você não sabe usar, vírgulas

As, vírgulas, servem para você, saber o momento que você, respira. Pelo menos foi assim, que a Aninha, minha, professora do ensino, fundamental e meu primeiro, amor, me ensinou.

O problema, é que, muitos, redatores, tem, crise, de, asma, no, meio, da escrita, do conteúdo,.

Já outras redatores tem o dom de prender o fôlego de forma incrível parece muito aqueles filmes tipo Poseidon que as pessoas ficam debaixo d’água por vários e vários minutos sem nenhuma pausa para respirar é impressionante isso pelo menos para mim é impressionante e pra você também não é?

Menção honrosa aqui ao Jaime Lannister que caiu no lago, em um episódio e só, saiu da água na semana seguinte.

Infelizmente, ele não trouxe a qualidade, da série de, volta à superfície com ele.

Divaguei, um pouco! Não façam isso redatores, pelas rugas de Thanos! Eu posso, porque eu sou, incrível.

Enfim! Aprenda a usar vírgulas!

KABOOM! chuá chuá, ploc ploc de Onomatopéias

BZIIIIIU! Seu cérebro fez ploft com esse intertítulo!

Se você não entendeu, é o som da chuva! Eu não achei um jeito melhor de representar.

Tec tec tec tec, fiz várias buscas no Google não achei!

CLAP! Não foi uma aplauso, foi um tapa na testa.

Alguns redatores usam um boom de onomatopeias em seus textos. O que não é muito agradável. Onomatopéias são muito úteis, mas pelas madeixas de Thor, use com moderação!

deadpool explica: clap clap

Você literalmente não sabe usar literalmente

Eu gastei literalmente mil anos pra escrever esse texto!

Nossa, essa mousse de chocolate está, literalmente, de matar! (Substitua por Coca Cola e faz sentido).

Nossa titio Dead, eu tava precisando desse texto pra me estimular a escrever melhor, esse texto literalmente lavou minha alma.

Sr. Pool, seu texto está horrível, estou literalmente arrancando os olhos aqui.

O Mark Zuckerberg é literalmente um robô. Calma… Esquece essa…

Deadpool não seguirei os conselhos que esse texto maravilhoso me deu, eu vou literalmente me…

deadpool explica

Você é redundante e repete as coisas que você fala

Não seja redundante ou repetitivo, nem prolixo, nem verborrágico — ou seja, evite pleonasmo, tautologia.

Se você já falou uma vez, não precisa repetir. Existem redatores que parecem o Groot, repetem a mesma coisa várias vezes durante o texto, enchendo o texto de repetições e deixando o conteúdo repetitivo e difícil de ler.

Parece o meu avô, grandeadpool, que fica me perguntando se eu comi direito 15 vezes a cada 10 minutos. Mas você, prezado redator, é muito jovem para culpar o Alzheimer.

E outra coisa, fique atento com a repetição de palavras no seu conteúdo. A pessoa sempre usa a mesma palavra, aí o texto fica cheio da mesma palavra quando você poderia descobrir outra palavra que pudesse substituir aquela palavra e evitasse o excesso de repetição da palavra.

Se você pesquisar no Google é fácil substituir por outro vocábulo (UAU). Você não achou que o titio Dead aqui sabia o que era tautologia né!?

deadpool explica

Você gosta de estar usando o gerúndio

Olha, eu não vou estar me alongando muito nesse tópico porque já está de madrugada e eu queria estar fazendo outras coisas.

Eu vou estar te contando uma novidade que pode mudar a sua vida e para isso eu vou estar fazendo uma conta matemática:

vou + estar + fazendo = farei

irei + fazer = farei

farei = farei

(Uau! Matemática com palavras! Eu sou mesmo incrível!)

deadpool explica

Espero que você pare para estar refletindo sobre esse cálculo.

Honre o Deadproolfessor aqui!

Você não faz uso assertivo da palavra assertivo (entre outras)

É hora de eu deixar o seu mundo de pernas pro ar (literalmente, rs).

deadpool explica: significado de assertivo

Sabe o que é assertivo? O titio Dead aqui! Eu falo as coisas com decisão e tudo que eu falo eu sei que está certo! Eu não erro.

Estou sendo uma pessoa assertiva agora, tá vendo!?

Assertivo é diferente de “certeiro”, “acurado”, “acertado”, “correto”, “preciso”. Tá vendo você pode usar palavras muito mais assertivas.

Já que estou falando de palavras, saiba que você não vai aprender nada “através” desse texto. A não ser que você seja a Lince Negra, ou o Visão, ou o Caçador de Marte.

Se você ainda não entendeu, toma um gif aí:

(odeio explicar piada)

E pra fechar o mais comum que eu vejo você, redator, usando de forma não assertiva é o termo “ao invés de”.

Essa expressão dá sentido de ideias contrárias, por exemplo:

Ao invés de ficar calado, vou falar muito e ensinar os redatores a escrever.

100% das vezes, literalmente, que você usa “ao invés de” você queria usar “em vez de”.

Então, em vez de usar “ao invés de” use “em vez de”.

Professor Pasquale agradece. E o seu leitor também.

Você NÃO linka os dados que informa

73% das estatísticas que você dá ficam sem fonte!

43% das pessoas ficam curiosas para saber de onde você tirou.

61% não acreditam na sua informação porque ele não pode confirmá-la.

Só 11% das pessoas que começaram a ler esse texto chegaram até aqui.

100% dos revisores do seu conteúdo ficam revoltados com isso e só em 37% dos casos eles conseguem encontrar o dado na internet pra linkar.

Você pode conferir todas essas estatísticas aqui! (Não vou ser hipócrita! Eu não invento dados!)

Você copia os outros

Uma vez o palhaço Lavoisier falou que na Natureza nada se cria, tudo se transforma.

Por sorte, anos depois, o filósofo José Abelardo Barbosa de Medeiros corrigiu essa estúpida frase dando o real sentido: Na TV nada se cria, tudo se copia.

Alguns redatores Chacretes levaram o seu ídolo tão a sério que tentaram implementar essa filosofia no Marketing de Conteúdo.

Não faça isso!

Se for pra copiar, faça igual meu criador:

deadpool explica

Baseou em um cara que já existia e fez um bem melhor!

Ninguém acha que eu sou uma cópia. Então, siga esse exemplo. Aí você pode chamar de paródia, adaptação, “usei de referência”, “bebi da fonte”, inspiração, entre outras coisas.

Até pra copiar precisamos ser espertos, mas como para ser burro basta nascer, eu deixo aqui o alerta!

Não era coisa pra eu falar nesse post né!? Por Thanos!

Você não faz uma conclusão

FIM!

deadpool explica

Mentira!

Mas esquecer de fazer uma conclusão é a mesma coisa de bater a porta na cara do leitor ou o coito interrompido. E ninguém gosta de porta na cara.

Conclua seus texto. E lembre-se que concluir é fechar uma ideia! E não deixar tudo em aberto igual Vingadores Guerra Infinita. Aquilo não é final!

Isso não é inveja! Meu filme é melhor!

Cala a boca, consciência. Eu não estou aqui pra dar spoiler, então vamos em frente.

Você esquece o CTA

Pior que coito interrompido é não ter coito pra interromper.

Você sai com a gata/thor, e no final da noite você quer ver ela/e novamente. Você precisa pedir o contato dela/e! Afinal você quer conhecer a gata/martelo dos deuses mais profundamente.

O CTA é o que vai vai transformar uma saidinha interessante em uma noite incrível.

Aí você vai embora sem pedir o número? Sem trocar um LinkedIn? Sem dar follow no insta?

Não esqueça da chamada pra ação (literalmente). Talvez você nunca mais tenha a chance de ver o Thor no seu blog novamente. (se você tiver lendo, me liga :D).

Raios! Não perca a sua chance!

E eu não vou perder a minha! Se você gostou desse conteúdo, compartilhe no seu Twitter com a registagui #deadpoolNaRock

Se esse resteg alcançar 200 menções eu voltarei na semana que vem.

Ou não!

Só tem um jeito de descobrir!

#peideiesai

deadpool explica

Tópico pós CTA

Todo filme da Marvel tem cena pós crédito, então texto da Marvel tem que ter tópico pós CTA.

Então aqui vai uma dica pra você redator. O meu filme novo trata de viagem no tempo. E pra provar que viajar no tempo é possível, eu modifiquei esse texto enquanto você lia!

Então volte ao começo e encontre o que mudou!

Até a próxima! Titio Dead ama você!

*Caso não encontre a mudança, confira o comparativo das duas versões.

P.S: vira redator da Rock aí também! Se não eu te mato (a não ser que nossas mães tenham o mesmo nome). DE GRAÇA! Eu já peguei o seu IP!

Beijos do Deadpool!

banner levantada de mão redação