conteúdo para redes sociais

Conteúdo para redes sociais: gere engajamento em 8 passos

De uns anos para cá, a internet se expandiu e o uso de aparelhos móveis aumentou absurdamente. Quase todas as empresas e pessoas garantem seu espaço por lá.

Hoje, praticamente todo mundo está online na fila de espera do médico, na praça de alimentação no shopping, em qualquer lugar. Não é à toa que produzir conteúdo para redes sociais ajuda a melhorar o engajamento com o público-alvo.

Afinal, investir em relacionamento é uma das principais ações de uma estratégia de marketing robusta. É assim que as marcas conseguem elevar o número de seguidores, se comunicar com uma audiência muito maior, obter mais cliques, curtidas, compartilhamentos e conversões.

Pensando nisso, hoje nós vamos revelar 8 práticas indispensáveis para ser bem-sucedido nas redes sociais. Acompanhe:

1. Conhecer bem a audiência

Apesar de parecer óbvio, conhecer o perfil do público-alvo é a etapa mais importante de qualquer campanha de marketing. Isso se explica por que, ao ter conhecimento das características das pessoas que podem se interessar por uma determinada marca, produto ou serviço, você acerta em cheio na mensagem.

Por isso, analise faixa etária, sexo, localização, hábitos de consumo, sonhos, expectativas, dúvidas e até receios. Busque compreender a maneira com que a sua audiência se comunica e qual a melhor forma de abordá-la.

Por exemplo, conversar com executivos experientes e jovens estudantes são dois momentos bem diferentes, pois cada um tem o seu estilo. Para gerar engajamento, é essencial utilizar uma linguagem na qual o grupo se identifique.

2. Caprichar nas imagens

Você já observou que, na grande maioria das vezes, o que mais chama a nossa atenção quando estamos navegando nas redes sociais são as imagens? Quando são atrativas, elas nos fazem parar para observar e ler um determinado conteúdo.

Publicações com fotos de baixa resolução ou sem contexto com o post são completamente ignoradas. Nesse sentido, é recomendável fazer fotografias com qualidade profissional ou escolher os arquivos em um banco de imagens disponível na internet.

Não se esqueça de que esses cuidados são necessários para evitar problemas, como direitos autorais de terceiros. Fique ligado: o tamanho do arquivo e a maneira correta de redimensioná-lo no momento da edição também influenciam na qualidade do material.

3. Planejar a entrega do conteúdo para redes sociais

Publicar uma fotografia sem texto nenhum é um enorme desperdício, não é mesmo? Infelizmente, algumas pessoas cometem esse erro. Vamos ser sinceros: nem toda imagem vale por mil palavras…

Quando isso acontece, o usuário fica se sentindo, no mínimo, confuso.

Então, jamais faça com que alguém tenha que quebrar a cabeça para interpretar uma informação.

Faça um planejamento das postagens levando em conta o perfil do cliente e o da empresa em questão. Evite publicar quando estiver com pressa, pois tudo o que você escrever, por menor que seja o conteúdo, precisa ser revisado cuidadosamente antes de se tornar público.

Dessa maneira, você não vai ter problemas como: erros de digitação, ortografia, coesão, coerência e outros. Isso se reflete positivamente na credibilidade das publicações, uma vez que é preciso demonstrar autoridade no assunto.

4. Oferecer material relevante

Como você viu, a qualidade da imagem e do texto é superimportante. Acontece que, na arte da conquista, não dá para confiar apenas em um rostinho lindo. Sobretudo quando o público é seletivo e exigente.

Então, reúna as principais dúvidas da audiência e crie um conteúdo útil com base no que ela está interessada em saber, se entreter ou interagir — independentemente do formato: artigo, post, podcast, pdf, vídeo etc.

Faça com que os seguidores digam: “Uau! Que material bacana!”. Ou seja, surpreenda com a sua criatividade. Quanto mais você agradar, maior será o nível de engajamento. Os resultados são ainda melhores quando as publicações têm uma frequência certa e constante: fica a dica!

5. Utilizar chamadas para ação

As CTA´s ou Calls to Action, também conhecidas como chamadas para ação, são frases que incentivam o usuário a fazer algo. Por exemplo, se a sua intenção é atraí-lo para o site, o texto pode ser finalizado com uma mensagem tipo esta: “Quer saber mais? Acesse o nosso site!”.

A mesma estratégia é usada para convidá-lo para baixar um conteúdo, assinar a newsletter, deixar um comentário, curtir ou compartilhar o post. Sem esses pequenos convites, dificilmente a pessoa tomaria uma decisão sozinha. Portanto, não seja tímido e demonstre atitude.

6. Fazer adaptações de acordo com a plataforma

Não é legal postar o mesmo conteúdo no Facebook, Instagram, Twitter e outras plataformas por dois motivos. Primeiro porque isso seria entediante para os seguidores, que amam uma novidade.

Segundo porque cada canal tem um formato diferente. Por exemplo, Linkedin e Snapchat são dois ambientes opostos. Enquanto um é mais formal e preza o textual, o outro é completamente despojado, dando enfoque para imagens, sons e vídeos.

Ou seja, ninguém coloca uma gravata para ir à padaria, né?

Sendo assim, entenda o contexto da situação e, sempre que for necessário, faça adequações no conteúdo de acordo com o canal de divulgação. Crie um senso de novidade com posts exclusivos para dar o que falar.

7. Incentivar a participação dos seguidores

O público presente nas redes sociais adora interagir com conteúdos interessantes. Ele deixa um comentário, marca um amigo, compartilha o post, enfim, participa. Aproveite essa ferramenta para fazer perguntas, pedir a opinião sobre algo e escutar o que as pessoas têm a dizer.

Outra forma de promover debates é por meio de enquetes: basta uma pergunta e algumas alternativas para que os seguidores votem na opção mais conveniente. Assim, eles se sentem incluídos, importantes e dispostos a dialogar ainda mais.

8. Responder de forma rápida e clara

De nada adiantaria oferecer um excelente conteúdo, adotar as melhores técnicas e ferramentas inovadoras se o usuário for ignorado, concorda? Falando nisso, você já observou como a Netflix responde aos comentários dos usuários nas redes sociais?

Ela é tão engraçada, divertida e irreverente que as respostas são transformadas em prints que viralizam na internet. Dar atenção às pessoas é fundamental. Você não precisa brincar se não for o seu estilo, mas seja gentil, prestativo, acessível e responda o mais rápido possível.

Viu como publicar conteúdo para redes sociais é um bom negócio? Se você já trabalha como freelancer empreendedor, fique de olhos bem abertos para essa oportunidade.

Quer saber mais? Baixe gratuitamente o nosso ebook: Guia de Produção de Conteúdo para Web 2.0. Você vai encontrar um material completo de estudos para obter a sua certificação no curso!

Guia Completo de Produção de Conteúdo