Comportamento nas redes sociais

Comportamento nas redes sociais: o que você não deve fazer

O que você posta, comenta e curte nas redes sociais afeta sua vida pessoal e profissional? Garantimos que sim. Confira por que você deve estar atento ao seu comportamento por lá!

Como o seu comportamento nas redes sociais pode atrapalhar na carreira ou ser um problemão na vida social? Quando navegamos pela internet, muitas vezes não consideramos que nossas ações podem ter mais efeitos do que alguns likes ou replies mal-educados. Todavia, um comportamento errado no mundo virtual pode acabar atrapalhando você no futuro.

É provável que você já tenha ouvido alguma história ou lido sobre isso. Um jovem posta um comentário bobo, no calor do momento e, quando vê, perde seu emprego, seus amigos e até a própria liberdade.

Mas quais são os comportamentos nas redes sociais que podem fazer com que alguém enfrente problemas? Conheça alguns deles e saiba como evitá-los!

Não ter uma política de redes sociais

Você sabe o que faz com que as empresas atraiam clientes na internet? Todas elas têm um manual de como interagir com as pessoas, pautando o tom que demonstram em cada interação.

Esse manual não deve ser engessado, fazendo com que quem lida com as redes sociais deixe de participar de brincadeiras ou fale sempre a mesma coisa. No entanto, ele funciona como um indicador do que é certo e do que é errado para cada empreendimento.

Se você usa a internet para divulgar seus produtos e serviços, tem muito a ganhar com a criação de um material desse tipo. O seu “guia de redes sociais” lhe mostrará algumas opções sobre como agir na hora de se promover, interagir com terceiros e até se divertir.

Se você frequenta muito ambientes como o Twitter, já deve ter percebido que é comum para profissionais de grandes organizações uma regrinha sobre entrar em polêmicas. Apresentadores de jornais, por exemplo, são alguns que as seguem.

É possível criar uma identidade online exclusiva para você, sempre lembrando os propósitos pelos quais você utiliza as redes e o que deseja obter delas.

Criar situações de conflito

Debater é fundamental na web. É assim que trocamos opiniões com as pessoas e crescemos profissionalmente, aprendendo com o que cada uma tem a dizer. O que talvez você não saiba é que há maneiras diferentes de entrar em uma discussão.

Utilize essa dica para não se ver em situações conflituosas: aquilo que você posta na internet poderia ser lido pelo seu chefe ou cliente? Quando interagimos com as pessoas, devemos procurar manter isso em mente. Afinal, é raríssimo conhecer um profissional que não esteja online.

Entrar em conflitos sem motivo algum, ou da maneira errada, pode fazê-lo perder oportunidades profissionais incríveis.

Postar conteúdos sem autorização

Não há nada mais legal do que mostrar para nossos amigos no que estamos trabalhando, certo? Há sites inteiramente dedicados a isso, como o Dribbble. Nele, designers são convidados a postar seus projetos mais recentes, ou aquilo que estão fazendo em seu tempo livre.

Porém, muitos dos projetos que são realizados profissionalmente são confidenciais. Se o que você quer postar foi feito para algum de seus clientes, é preciso se lembrar de que a maioria deles espera alguma privacidade.

Então, se você tiver dúvidas quanto à divulgação de um projeto, não faça nenhum post sobre ele sem consultar quem o contratou.

Compartilhar sua vida em excesso

Contar um pouco sobre o seu dia, querer saber como as pessoas têm passado e manter conversas com aqueles que você ama são excelentes formas de usar as redes sociais. Todavia, será que sempre que você interage com alguém aquela troca de informações é relevante?

Utilizar a nossa voz na web, seja para dizer que tomamos um ótimo sorvete, seja para contar que passamos em uma prova, é ótimo para atrair atenção. Porém, há muitas situações nas quais não é preciso ter uma conversa pública.

Você tem alguma divergência com um colega ou problema com um cliente? Nada disso precisa ir parar na sua timeline. Considere o impacto das coisas que você compartilha e aprenda a se preservar.

curso completo do blog pessoal

Não fazer um conteúdo que seja bom para você

Ninguém conquista milhões de seguidores fazendo um conteúdo em que não acredita. As redes sociais são, antes de tudo, um reflexo da pessoa que elas representam. Portanto, é uma boa ideia não transformá-las em perfis que não falam de nada.

Você provavelmente conhece alguém assim: seus posts são todos compartilhamentos de notícias ou repostagens de conteúdo de terceiros. Nada disso é ruim, desde que feito com equilíbrio.

Quando alguém segue você nas redes sociais, essa pessoa espera conhecê-lo melhor. Crie um conteúdo que atraia seus visitantes e escreva sobre aquilo que lhe interessa. Garantimos que há uma porção de outras pessoas que também adorariam conversar sobre o tema.

Nem toda exposição online é ruim. Muito do que falamos é lido por bastante gente e ajuda a formar a opinião de pelo menos uma centena de pessoas em nossa rede de contatos direta e indireta. Fale sobre aquilo que você gosta e, antes de postar, pense se você leria aquela mensagem.

Essa é uma ótima maneira de determinar exatamente o que é bom ou ruim nas interações em suas redes sociais.

Fugir da internet

Manter uma presença digital ativa é fundamental para que a sua carreira obtenha o destaque que merece. Portanto, mesmo que você não tenha tanto costume de fazer postagens na internet, desenvolva esse hábito. Ele vai ajudá-lo a mostrar quais são os seus diferenciais, como o trabalho que você desempenha pode ser útil para as pessoas e quais expectativas os clientes podem ter.

Deixar a sua marca em redes sociais com o potencial de atrair clientes é uma ótima maneira de ganhar mais dinheiro e obter reconhecimento. Se você esperar que as pessoas o encontrem por aí sem dizer nada, é muito provável que tenha problemas em atingir seu objetivo.

Lembre-se das dicas citadas aqui para não vacilar, porém, não fuja da web. Ela será muito importante para que você se torne um profissional bem-sucedido.

Há muito tempo a internet deixou de ser aquele espaço em que simplesmente debatemos em fóruns com nossos amigos sobre temas irrelevantes. A ferramenta se tornou uma maneira de trabalhar, conquistar clientes e até encontrar um amor para a sua vida. Por isso, mandar bem nas redes é essencial para que um freelancer tenha sucesso.

E aí, você acha que seu comportamento nas redes sociais é adequado? Confira no Guia completo de boas práticas no LinkedIn como conseguir mais autoridade e se destacar!

guia de boas práticas no linkedin