Por Samanta Jovana

Redatora da Comunidade Rock Content.

Publicado em 21/01/2018. | Atualizado em 19/05/2020


Quais são seus planos para o futuro? Descubra aqui um pouco do que a carreira de revisor pode oferecer e como se tornar um!

Você se considera um leitor diferente dos outros e consegue observar criticamente materiais e descobrir exatamente o que não se encaixa ali, seja gramaticalmente ou formalmente. Além disso, está procurando uma opção de carreira que lhe traga benefícios como flexibilidade e bons rendimentos. O caminho parece apontar claramente para uma profissão específica, mas ainda assim você se pergunta: como ser revisor?

No artigo de hoje, vamos lhe mostrar o que é preciso fazer para ingressar nessa profissão, se destacar com relação aos demais profissionais e solidificar sua carreira.

Como ser revisor? Os primeiros passos

Não poderíamos começar este conteúdo sem responder a pergunta que dá título a esse tópico. Afinal, embora o trabalho como revisor lhe pareça interessante e alcançável sem saber por onde começar ele se torna complicado. Você pode perder muito tempo buscando trabalho e investindo em qualificações que não correspondem exatamente às expectativas do mercado.

Abaixo listamos o que é preciso para começar uma carreira de revisor tão cedo quanto essa semana.

1. Descubra que tipo de trabalho de revisão você quer fazer

Assim como no momento em que se escolhe produzir conteúdo é preciso definir em qual meio você gostaria de trabalhar o mesmo é verdadeiro para revisores. Existem tipos diferentes de revisões e cada uma delas observa regras específicas. Quem trabalha com livros precisa geralmente tem um perfil muito diferente de quem revisa textos para web.

Mesmo porque o segundo profissional deve conhecer pelo menos algumas das regras básicas que definem a criação de materiais para a internet. Para ele faz sentido, por exemplo, investir em um curso de Produção de Conteúdo, enquanto para o funcionário de uma editora, uma pós-graduação em literatura pode ser melhor para a carreira.

Escolher o que revisar vai definir também por onde começar sua carreira. Se em um emprego com carga horária fixa, que é regido pela CLT ou como freelancer.

2. Capacite-se para atuar no nicho escolhido

Todo revisor precisa ter algumas características em comum como uma grande habilidade para ler e editar materiais. Todavia, como dissemos no item número um é preciso especializar-se para atuar em cada um dos nichos do trabalho de revisão.

Para começar a sua carreira da maneira certa é preciso descobrir quais são os pré-requisitos para conquistar sua primeira oportunidade. Se o seu plano for se inscrever na Plataforma Rock Content, você precisará aprender como conferir não apenas a gramática dos textos de que ficar encarregado.

Nossos profissionais precisam saber avaliar o posicionamento estratégico de um texto, sua escaneabilidade e se nele é feito o bom uso de palavras-chave.

Este profissional precisa conhecer muito mais do que o português. Conhecimentos de Marketing Digital e SEO são fundamentais para que ele possa se destacar.

3. Aprenda a conquistar clientes

O revisor freelancer tem outro desafio com que lidar, além da própria capacitação. Ele precisa aprender como conquistar clientes e onde buscá-los. Este pode ser o primeiro grande empecilho na sua carreira se você não tiver nenhuma pista de por onde começar.

Os revisores, assim como os escritores, precisam ter um portfólio que comprove a sua atuação na área e mostre do que eles são capazes. Uma boa ideia então é criar um blog. Nele é possível divulgar suas certificações e evidenciar a qualidade do seu trabalho.

Ingressar em uma plataforma de produtores de conteúdo também pode ajudar. Nesse ambiente você terá acesso a uma série de clientes e demandas fixas que ajudarão você a ganhar previsibilidade em termos de rendimentos.

Manter-se ativo na internet, aprender a usar os canais mais relevantes para a sua profissão e até patrocinar suas criações são outras estratégias para conquistar novos clientes.

4. Formalize-se

Agora que você decidiu atuar definitivamente como revisor profissional uma boa ideia é formalizar-se. O registro como MEI vai garantir a sua contribuição previdenciária, permitirá que você emita notas fiscais e tornará a sua contabilidade muito mais simples.

Pagar impostos e fazer a declaração do Imposto de Renda quando se é freelancer pode ser um pesadelo. A formalização como Microempreendedor Individual pode ajudar a superar isso e a reter uma fatia maior dos seus rendimentos, diferentemente do que aconteceria na prestação de serviços como Pessoa Física.

Diferenciando-se como revisor: um guia breve

Seguindo os quatro passos anteriores é possível começar uma carreira como revisor. Mas atendo-se apenas a eles é impossível garantir que os seus serviços serão diferenciados o suficiente para fazer com que clientes sejam atraídos. Exatamente por isso elencamos aqui as melhores oportunidades que um profissional de revisão tem para mostrar que é especial.

1. Invista em diversificar seu portfólio

Já que a melhor forma de se promover é mostrando o seu trabalho para o mundo podemos assumir que a melhor forma de se diferenciar é ampliando a extensão desse trabalho. A carreira de revisor oferece grandes chances para que um profissional ganhe espaço no mercado.

Livros, conteúdos para web, trabalhos acadêmicos e traduções precisam de revisão e é aí que o seu talento pode se destacar.

Caso seu portfólio esteja lotado de exemplos do seu trabalho que contemplam apenas uma área de atuação, há grandes chances dos seus clientes acreditarem que você só sabe fazer aquilo. Por isso, voluntarie-se para corrigir o TCC de amigos ou entre em um time de tradutores na web. Essas são apenas algumas das alternativas que um revisor tem para mostrar seu jogo de cintura.

2. Aprenda a oferecer um bom feedback

Algo que definitivamente diferencia a atuação de um revisor é a forma como ele transmite feedback para redatores. Quanto melhor você for em fazer isso maiores são as chances de ganhar espaço no mercado. Todos nós gostamos de trabalhar com pessoas que contribuem para o nosso crescimento e um revisor capaz de fazer isso diariamente é um profissional mais completo.

3. Atualize-se constantemente

Pela internet é possível fazer uma série de cursos gratuitos ou pagos que vão melhorar as suas habilidades. E se você quiser ser bem-sucedido terá de aprender a importância de investir parte do seu tempo e dinheiro neles.

São cursos e certificações que comprovam para os seus futuros empregadores/clientes que você de fato domina uma determinada área. Portanto, busque o aprendizado constante!

4. Domine a tecnologia

Embora a revisão seja uma tarefa dispendiosa, a tecnologia pode torná-la menos maçante. Softwares capazes de detectar erros linguísticos, gramáticas e dicionários online são seus grandes amigos no dia a dia.

Dominá-los e conhecer os atalhos e truques que podem simplificar a sua rotina é uma maneira de sair na frente da concorrência.

5. Desenvolva uma rotina

Este último passo é especialmente importante para os revisores freelancers. Trabalhar por conta própria pode fazer com que fiquemos mais preguiçosos e prejudicar tanto nosso desempenho quanto nossos rendimentos. Por isso, para que a sua carreira decole, é preciso criar uma rotina de trabalho tão rigorosa quanto a de quem vai a um escritório todos os dias.

O profissionalismo e a pontualidade devem fazer parte da sua rotina. São eles que diferenciam os revisores bem-sucedidos dos que apenas se aventuram na área.

E aí, conseguiu entender como ser revisor? Com esse passo a passo e as dicas que selecionamos para diferenciar o seu trabalho falta apenas você se inscrever na Plataforma Rock Content para começar. Inscreva-se agora!

Comunidade Rock Content - Faça parte da maior base de freelancers do BrasilPowered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto