Por Samanta Jovana

Redatora da Comunidade Rock Content.

Publicado em 02/11/2017. | Atualizado em 01/11/2017


Pode ter certeza que por trás dos melhores conteúdos existem ótimas pautas, mas o que é preciso para produzir uma pauta incrível? Saiba no post!

Precisa arquitetar um material pela primeira vez, mas não sabe como planejar um conteúdo? Vamos lhe ajudar!

Quando chega o dia de publicar um novo post no seu blog ou no blog do seu cliente você tem dificuldades em saber como fazer isto? Ou já tem todos os seus posts em mente, de acordo com um calendário altamente eficiente para maximizar o efeito da sua produção?

Aprender como planejar um conteúdo vai ajudá-lo a obter melhores resultados, diversificar sua carreira como freelancer e coordenar estrategicamente cada material que lança. Por isso trata-se de uma tarefa muito importante. Hoje vamos mostrar que é possível deixar de produzir aleatoriamente e começar a criar pautas de alta performance com um pouco de preparação. Pronto? Então fique atento as dicas a seguir.

1. Comece com o fim em mente

O primeiro passo para a criação de um conteúdo grandioso é sempre planejá-lo tendo um fim em mente. Ou seja, se você quer aumentar as conversões para uma determinada call to action, como assinar a sua newsletter, deve ter isso como prioridade desde o primeiro momento em que pensa um novo material.

Começar com o fim em mente significa ter um entendimento claro de onde você quer chegar. E isso pode lhe ajudar a escolher o caminho certo e ordenar bem as etapas que isso aconteça.

Quando for planejar uma estratégia de conteúdo, a primeira coisa a se fazer então é definir um objetivo. Entender onde você planeja ir com aquele material. Isso significa que ao produzir para terceiros você deve pensar em porquê o blog deles existe e qual é sua função primordial.

Se você trabalha como produtor de pautas, normalmente, conseguirá encontrar essas informações no briefing. Mas se estiver definindo-as para um novo cliente ou para um blog pessoal deve ser capaz de encontrá-las sozinho.

Sua estratégia provavelmente terá de ser adaptada ao longo da produção de conteúdo, para atingir objetivos diferentes em cada etapa. Todo post deve ser feito pensando em como encaixa-se nessa estratégia e tendo um objetivo maior em mente.

2. Conheça seu público

Outro passo importante para a produção de conteúdo bem-sucedida é conhecer muitíssimo bem as pessoas para as quais ele foi desenhado. Ou seja, aprender o máximo possível sobre seu público-alvo, com as informações que você tem em mãos. Você já trabalhou com personas?

Personas são versões ficcionais de usuários reais que vão até o seu blog a procura de informações. Trabalhar com elas vai ajudá-lo a produzir conteúdo melhor, pois colocará na sua mente um usuário real que pode se beneficiar deste conteúdo. Ao dar um nome, hábitos e características para suas personas, baseado em dados reais, você tem o instrumental necessário para entendê-las melhor e produzir conteúdos mais ricos.

Uma vez que você entendeu bem para quem está escrevendo, poderá criar pautas melhores. E essa informação guiará sua estratégia de conteúdo.

Criar conteúdos para internet é algo em que você deve investir tempo e energia, a fim de obter os melhores retornos. Com as dicas listadas aqui, produzir um material para blog será muito mais simples e você verá que os resultados vão lhe surpreender.

3. Desenhe seu conteúdo para conversão

Ao criar uma pauta, você deve fazer o possível para que ela esteja pronta para gerar conversões. Ou seja, é preciso que ela transforme um estranho em um leitor, um leitor em um assinante, um assinante em um fã e um fã em um consumidor. Colocá-la dentro do funil de vendas o ajudará a criar conteúdos cada vez melhores e mais eficientes. Mas como você pode ajudar as pessoas a moverem-se pelo funil de vendas?

Usando as informações obtidas em etapas anteriores, como na configuração da persona. Você deve ver aquilo que publica como um catalisador e não apenas como um conteúdo avulso que pode ou não surtir efeito. Todos os seus materiais devem estar, portanto, contidos num plano maior.

Bom conteúdo transforma leitores e essa transformação deve ser progressiva e direcioná-los aos seus respectivos objetivos. Por isso todo conteúdo precisa ter um propósito e ir em direção às questões que dominam a mente da sua audiência.

4. Determine o formato ideal para um conteúdo

Se você conseguiu planejar uma pauta pensando em como ela há de gerar conversões, provavelmente já tem algo em mente com relação ao formato dessa pauta. Há muitos tipos de posts para blogs, como já discutimos aqui, e cada um deles tem uma função específica no funil de vendas. Descobrir qual é o mais apropriado para o conteúdo que você planeja postar também é papel do planejador de pautas.

Escolhas básicas de formato como texto, vídeo e áudio dividirão espaço com outras considerações como o tamanho de um conteúdo, o uso de imagens ao longo dele e até mesmo o fato de que seu post deve ou não ser uma lista. Se você não sabe exatamente como prosseguir para tomar essa decisão, fique tranquilo. São os dados do seu Analytics que o ajudarão a tomá-la.

Verifique os comentários que seu blog recebe, analise que tipo de informação costuma atrair mais pessoas para o que você posta e tente produzir mais materiais com aquela mesma identidade. Sua audiência, em geral, está faminta por um tipo específico de conteúdo e é seu papel como planejador de conteúdo descobrir que tipo de postagem é essa.

5. Escolha uma call to action matadora

Um bom conteúdo só está realmente pronto quando você consegue definir para ele uma call to action matadora. A chamada para ação no final do seu post deve ter a ver com o que foi abordado ali e precisa ser intrigante, chamando a atenção de quem deu-se ao trabalho de lê-lo até o final. Não a considere um mero detalhe na sua produção de pauta e pense na call to action desde o primeiro instante do planejamento.

Afinal, você trabalhou duro para fazer com que aqueles leitores tivessem um interesse na pauta que você criou. Sua call to action deve respeitar isso e ajudá-los a mover-se para outro momento do funil de vendas.

Com uma estratégia coerente para tornar seus visitantes em assinantes, convertê-los em clientes e fazer com que passem para a próxima etapa do funil de vendas você pode mais. E não é preciso criar um planejamento muito elaborado para começar a ver os efeitos disso.

Gostou de aprender como planejar um conteúdo? Baixe o checklist de planejamento de pauta que preparamos e se torne ainda mais eficiente nessa tarefa!

Checklist de Planejamento de Conteúdo Web

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *