Por Katiuscia Couto

Jornalista que troca séries por livros. Apaixonada pelo universo da escrita.

Publicado em 20/06/2019. | Atualizado em 14/06/2019


Receber em dia é um dos maiores dilemas de quem trabalha como freelancer. Neste conteúdo, você aprenderá 5 maneiras de garantir que vai receber pelos seus freelas!

Imersão Freelancer - maior curso online gratuito do BrasilPowered by Rock Convert

O trabalho de freelancer traz muitos benefícios e qualidade de vida para quem o executa. Afinal, quem não busca fazer os próprios horários, trabalhar de qualquer lugar, ter a própria rotina? Mas como garantir que você será pago para isso?

Quando se é funcionário em regime CLT e o pagamento atrasa, existe um setor específico com o qual deve se dirigir. Mas o profissional autônomo geralmente é a única pessoa e cuida de todos os setores.

Com isso, algumas medidas devem ser tomadas evitando ao máximo os chamados calotes. Continue a leitura e saiba como é possível conquistar novos clientes e ser pago por isso de maneira correta.

1. Exija o pagamento antecipado

A primeira e primordial dica de quem é autônomo é a cobrança de prestação de serviços antecipada.

Quando um cliente entra em contato ele provavelmente veio de uma indicação de algum amigo ou conhecido seu. Em alguns casos eles fazem contato através do Linkedin, por exemplo.

Esse é um importante sinal e ajuda você a se prevenir, pois mostra que alguma parte do seu serviço ele conhece, sabe do seu comprometimento, portanto não precisa ter receio de cobrar antecipado. Os clientes estão acostumados com esse modo.

O pagamento antecipado representa um ponto de confiança do contratante para o seu trabalho. Dessa forma, há mais chances de que você será pago integralmente.

Mas fique atento aos depósitos: receber foto do comprovante não é garantia de dinheiro na sua conta.

Espere o valor de fato entrar para dar prosseguimento ao trabalho. Caso o cliente tenha pressa, há transferências online em que entra o valor na hora. A pressa é dele, mas a garantia é sua.

Quanto cobrar pelo freela? Descubra na Calculadora de Preços para FreelancersPowered by Rock Convert

2. Proponha um contrato

A modalidade de trabalho freelancer hoje já é uma realidade. E até na internet é possível encontrar modelos de contrato que servem de resguardo ao autônomo.

Além disso, essa proposta mostra a seriedade que o profissional tem com o seu trabalho, pois está preocupado em deixar tudo em pratos limpos.

Mesmo com os clientes mais conhecidos, aquele que pode ser um amigo ou parente, é importante ter um contrato, pois, com ele é possível especificar todos os serviços que vai executar e, assim, receber exatamente o que foi combinado previamente.

Esse documento também serve de apoio contra aqueles clientes que solicitam alterações que não fazem parte dos seus serviços, por exemplo. Já que no acordo é possível discriminar o que está dentro do pacote ou não.

Outra vantagem dessa modalidade é a oportunidade de detalhar os dias de pagamento, bem como os juros e multas em caso de atraso. Uma maneira formal e correta para garantir que você será pago.

3. Busque referências sobre o cliente

Hoje é possível encontrar tudo sobre as empresas na internet, já que provavelmente ela está presente neste canal. Portanto use isso a seu favor.

Ao estar em processo de fechar acordo com o cliente não se esqueça de procurar referências dessa marca.

Ela já deve ter procurado outros freelancers para trabalhos anteriores, como foi esse processo? Procure por boas recomendações ou até mesmo questione como foram os trabalhos anteriores, assim terá uma prévia sobre suas intenções. 

Há também os sites como o Reclame Aqui onde são públicas as objeções de consumidores anteriores. Dê uma pesquisada se o nome da empresa ou cliente que está em contato tem algo por lá. Se prevenir é essencial para garantir que seja pago corretamente.

Além disso, pode encontrar respostas e boas recomendações dessa empresa nas redes sociais da marca ou grupos de freelancers. Quem sabe essa mesma empresa já não deixou um anúncio por lá ou algum outro profissional já não deu informações sobre ela nesse espaço?

Procure também quem é o profissional que fez contato com você. Caso não o conheça pessoalmente, busque por perfis em redes sociais, é uma boa maneira para quem sabe descobrir um perfil falso ou empresa fantasma. É importante ficar atento.

Assim como existem bons pagadores, existem aqueles velhos golpes na internet, portanto fique atento, desconfie e busque respostas.

Confira um compilado de dicas e leituras para seguir crescendo na carreira freelancer! 🚀
Marketing Pessoal: o que é e como trabalhar sua imagem profissional
Como criar um blog grátis personalizado: veja as 9 melhores opções!
Personal Branding: a importância de estabelecer sua marca pessoal
Trabalho Remoto: 8 sites e 10 dicas para ganhar dinheiro sem sair de casa
Como criar um portfólio de redator impressionante!
O que colocar em um currículo freelancer: tiramos todas as suas dúvidas!
As 13 melhores opções de trabalho de fim de semana!
Nômade digital: o que é, como se tornar um e as principais vantagens

4. Desconfie de propostas fora do comum

De encontro com a busca por referências de clientes está a análise de propostas feitas por eles. Essa é outra forma de como garantir que você será pago devidamente pelos seus serviços.

Participar de grupos de freelancers, fazer networking e frequentar cursos sobre a sua área lhe dá muitas oportunidades de conhecer pessoas e de conversarem sobre as diferentes formas de trabalho remoto. Conhecer outras realidades pode lhe dar base para aprimorar seus negócios futuros.

Sempre que possível, pergunte sobre como fazem, quais propostas fora do comum já receberam, por exemplo, pois assim vai conseguir identificar quando alguma muito fora do padrão aparecer.

Há sempre quem passou por alguma situação semelhante disposto a dar respostas e depoimentos para suas suspeitas ou até mesmo alertar de algo que o profissional nem cogitou.

Além disso, acompanhe noticiários e fique por dentro de todos os tipos de golpes aplicados.

5. Considere plataformas confiáveis

Como garantir que você será pago não precisa ser uma dor de cabeça se apostar em plataformas de contratação de freelancers.

Essas empresas possuem seriedade e comprometimento. Estão há anos no mercado e já prezam pela boa imagem da marca.

No geral, possuem uma identidade bem forte no seu segmento. Com elas, além de ter garantia de recebimento por trabalho, você ainda aprende muito e eleva sua carreira.

Algumas empresas que contratam freelancers:

  • Workana;
  • Contentools;
  • 99 freela.

Além dessas empresas, há também a Rock Content, que contrata frelancers para trabalhos de redação, revisão e diagramação, por exemplo.

Se quer fazer parte desse time é preciso tirar a certificação gratuita com o curso de Produção de Conteúdo para Web e depois realizar um teste de seleção de profissionais.

Vantagens de trabalhar com plataformas

Além do principal benefício de receber em dia conforme o combinado, existem outros lucros que a sua carreira pode ter ao se filiar a essas plataformas. São elas:

  • aprender com quem sabe;
  • construir um nome;
  • ganhar experiência e melhorar negócios futuros;
  • ter como termômetro a sua carreira, pois, geralmente se recebe feedbacks pelos trabalhos, podendo melhorar a cada um deles.

Agora que já tem cinco opções de como garantir que você será pago conheça a comunidade de freelancers da Rock Content e faça parte do banco de talentos para elevar o seu nível como profissional.

Comunidade Rock Content - Faça parte da maior base de freelancers do BrasilPowered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto