Por Samanta Jovana

Redatora da Comunidade Rock Content.

Publicado em 18/04/2019. | Atualizado em 08/11/2019


Confira 7 dicas para aprender como falar bem em público e dominar de vez a arte da comunicação e da oratória para encantar sua audiência!

Você se lembra como foi a primeira vez que tentou falar em público? Pessoas mais extrovertidas podem não fazer ideia, mas quem até hoje acha que precisa aprender como falar bem com certeza se lembra da experiência em detalhes.

É que o que para algumas pessoas vêm com facilidade, para outras não é tão simples assim. E não há nenhum problema nisso. Falar bem não é sempre um talento inato e, talvez você não saiba, mas a maioria das pessoas que parecem fazer isso com naturalidade passaram horas treinando oratória.

Queremos te ajudar a se sentir bem seguro tanto no ambiente profissional quanto no curso ou faculdade. Por isso, listamos 7 dicas do que fazer para dominar a arte de como falar bem:

  1. Domine o conteúdo
  2. Preste atenção na linguagem corporal
  3. Certifique-se que sua fala tem começo, meio e fim
  4. Conte histórias para encantar o leitor
  5. Pratique a inclusão
  6. Apaixone-se pelo tema da apresentação
  7. Respeite as críticas e aprenda com elas

1. Domine o conteúdo

Para sentir segurança na frente de todo mundo não tem jeito: precisamos dominar muito bem o assunto de que falamos. Quanto mais você estudar, mais seguro estará para falar com uma plateia, pois saberá que caso ela tenha perguntas a fazer saberá pelo menos indicar onde encontrar as respostas.

Escrever os principais pontos de uma fala, como se se tratasse de uma conversa descontraída consigo mesmo pode ajudá-lo a não esquecer nenhum ponto que deve reforçar e a memorizar o conteúdo.

2. Preste atenção na linguagem corporal

A sua postura na frente das pessoas diz muito sobre você. Quando estamos desconfortáveis tendemos a nos retrair, ficando um pouco mais “duros” e esse desconforto é perceptível, principalmente quando estão olhando diretamente para a gente. Alguns exercícios vão te ajudar a evitar que isso aconteça no grande dia.

Procure sempre fazer um alongamento antes de começar a falar. Relaxar os músculos estimula a circulação e faz com que se sinta um pouco mais confortável.

Se puder, evite bebidas estimulantes antes da apresentação. É que a cafeína deixa a gente mais alerta, mas também aumenta a ansiedade. Isso pode fazer com que você pareça mais “elétrico” do que a apresentação exige, o que pode distrair a audiência em vez de envolvê-la.

Uma boa noite de sono também ajuda a chegar tranquilo a apresentação e a estar atento para sinais que possam dar a entender que está entediado ou desinteressado, como cruzar os braços ou não olhar nos olhos de quem te ouve.

Confira algumas recomendações de leituras e conteúdos para desenvolvimento pessoal e de autoconhecimento! 🌱
Desenvolvimento pessoal: o guia completo para o sucesso
Criatividade: o que é e como se tornar mais criativo em 11 passos
Marketing Pessoal: o que é, sua importância e 14 dicas para o sucesso
Produtividade: 25 dicas de como ser mais produtivo no trabalho
Personal Branding: a importância de estabelecer sua marca pessoal
Teoria dos Traços de Personalidade: entenda o que significa!
Livros Online Grátis: as melhores opções para ler ou baixar de graça!

3. Certifique-se que sua fala tem começo, meio e fim

Todo mundo tem um amigo que leva um tempão para chegar ao ponto qualquer que seja o assunto que aborda. Ele começa pelo final, esquece de dar o contexto de uma informação e quando termina de falar você não entendeu nada. Isso pode ser engraçado na mesa de bar, mas não deve acontecer na hora de falar em público.

Preste atenção ao abordar um assunto, vá direto ao ponto e faça com que toda fala tenha começo, meio e fim. Assim, não vai deixar ninguém confuso nem sentido que a sua apresentação durou para sempre.

4. Conte histórias para encantar o leitor

Construa uma narrativa com o assunto que precisa abordar. Essa é a melhor maneira de apresentar qualquer conteúdo para uma audiência que ainda não o conhece. Transforme os temas em uma história e capture a atenção de quem está ao seu redor, incluindo personagens e situações que causem identificação na plateia.

Casos que poderiam acontecer com qualquer pessoa e se relacionam com o assunto da sua apresentação são uma estratégia de storytelling bem fácil de dominar. Pense nas histórias que ouviu desde que era criança e naquilo que viveu para encontrar exemplos de narrativas que podem ser interessantes para o público.

Para aprender mais sobre Storytelling!
O que é Storytelling? Tudo sobre a arte de contar histórias inesquecíveis
5 técnicas de storytelling: melhore seus conteúdos contando histórias
Exemplos de Storytelling: 7 cases de sucesso de grandes marcas
Jornada do Herói: as 12 etapas de Joseph Campbell para uma boa história
Storydoing vs. Storytelling: a diferença entre contar histórias e construí-las
Storytelling para Vendas: aprenda a fechar negócios contando boas histórias

5. Pratique a inclusão

Sabe aqueles palestrantes, professores ou vendedores que parecem hipnotizar a plateia? Todos eles têm uma coisa em comum: além de saber falar, sabem ouvir. Não é difícil entender porquê as duas coisas estão intimamente conectadas.

Quase tudo que aprendemos na vida foi ouvindo outras pessoas. De falar a exercer uma profissão, é com as orientações de terceiros que desenvolvemos uma habilidade. Sem ouvir os outros uma pessoa nunca aprenderá como falar bem.

Mas o que isso tem a ver com essas pessoas que hipnotizam as audiências? Tudo! É que quem se comunica bem sempre inclui o interlocutor nessa comunicação.

Não temos dúvida de que já esteve em uma apresentação em que parecia que falavam diretamente para você. E ela foi super bacana, não é mesmo? Para dominar essa capacidade ouça as pessoas ao seu redor. É da comunicação direta que serão tiradas lições para que possa fazer quem lhe ouve se sentir incluído.

6. Apaixone-se pelo tema da apresentação

Amar o que faz e sempre amar o que faz são coisas diferentes. É claro que todos ficamos frustrados com os resultados que obtemos de vez em quando e nem toda hora achamos cada uma das tarefas necessárias para concluir um projeto super divertidas. Porém não há como negar: conseguir falar bem quando o assunto é interessante é bem mais fácil.

Da mesma maneira como consegue falar por horas sobre seu programa de TV favorito, você poderá apresentar seminários extensos se estiver interessado no tópico deles. Porém, como isso é possível?

Vamos te ensinar um segredo: todos os assuntos são interessantes quando buscamos tantas formas de olhar para eles quanto possível. De física quântica a fabricação de clipes de papel, há uma porção de fatos em torno de qualquer tema que podem despertar sua curiosidade, ajudá-lo a aprender rápido e a fazer uma apresentação inspiradora.

7. Respeite as críticas e aprenda com elas

Nem todo mundo vai gostar da forma como você fala em público. E isso está longe de ser um problema. É o com o feedback dos clientes, colegas de trabalho e professores que conseguirá entender o que precisa ser corrigido na maneira como fala e poderá descobrir o que fazer.

Talvez você fale rápido demais, por exemplo. Se ninguém mencionar isso, nunca irá perceber, já que está acostumado com o próprio ritmo. Mas ao receber essa informação passará a ouvir melhor cada palavra e a preocupar-se com a maneira como as enuncia.

Não se abale com críticas. Elas são a melhor maneira de aprender.

Lembre-se sempre: ninguém nasce sabendo de nada. Se há alguma predisposição para falar bem ou para andar de bicicleta, ela ainda não foi descoberta pela ciência. Podemos aprender a fazer qualquer coisa e com os truques que viu por aqui você já está pronto para arrasar na próxima apresentação que precisar fazer.

E aí, o que achou destas dicas de como falar bem? Se gostou, não pare de se aperfeiçoar agora. Confira nosso Mini curso de storytelling!

Mini-curso de Storytelling: Conquiste sua audiência contando boas históriasPowered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto