Por Matheus Boscariol

Publicado em 05/02/2021. | Atualizado em 27/01/2021


Os conteúdos multilíngues são uma tendência que cresce a cada dia. São ideais para os negócios que pensam em estratégias globais e na internacionalização dos seus serviços e produtos.

Torne-se um especialista em produção de conteúdo!Powered by Rock Convert

A internacionalização de conteúdos é uma iniciativa que cresce a cada dia com o advento da internet, principalmente pelo fato de que a web possibilita uma ampla capacidade de interação e pesquisa de conteúdos pelos seus usuários. Então, é normal que os conteúdos multilíngues sejam uma tendência promissora.

Hoje, é muito fácil encontrar boas referências de diversos temas e áreas de conhecimento, independentemente da língua em que foram escritas. Assim, apostar mais nos conteúdos multilíngues é uma das estratégias internacionais mais eficientes quando entramos no campo da atuação dos nossos negócios globais.

E aí, ficou interessado? Continue acompanhando a leitura conosco para saber o que são os conteúdos multilíngues e o caminho para criá-los com eficiência.

O que são os conteúdos multilíngues?

Para começar com um exemplo, um site que conta com conteúdos multilíngues tem a capacidade de oferecer diferentes versões de si mesmo nos idiomas escolhidos. Na prática, se um site é exibido em português, mas deseja-se disponibilizar uma versão em espanhol, será preciso criar uma nova versão. Ou seja, são versões separadas do mesmo site.

Existem diversas formas de fazer isso, desde a utilização de ferramentas e plugins que fazem o trabalho de tradução automática até o uso da tradução humana.

Conteúdos multilíngues X conteúdos em inglês

É muito comum que haja confusão na hora de definir o que são os conteúdos multilíngues, pois muitos acreditam que somente a tradução para o inglês é o suficiente. Conforme explicado anteriormente, há todo um conceito que puxa uma estratégia de traduzir os conteúdos em mais idiomas.

O ideal é que existam pelo menos 2 idiomas além do original, para que o conteúdo seja considerado multilíngue. Ou seja, somente traduzir algo para o inglês não é o bastante, principalmente quando o objetivo é a internacionalização de conteúdos.

Quais são as vantagens de produzir conteúdos multilíngues?

Agora que você já tem uma ideia do que são os conteúdos multilíngues, vamos trazer algumas vantagens de adotar essa estratégia, que é uma das mais lembradas pelas empresas e negócios globais.

Aumento do potencial competitivo

Existem muitos sites na internet e, sem dúvida alguma, alguns deles são concorrentes entre si, atuando em um mesmo nicho de mercado. O fato é que nem todos têm esse diferencial de oferecer o conteúdo em múltiplos idiomas.

Sendo assim, a empresa que investe nessa estratégia, sem dúvida, torna-se mais competitiva, deixando os concorrentes que oferecem o seu site e conteúdos em somente 1 idioma para trás.

Internacionalização da empresa

Sem dúvida alguma, estar na web é uma das maneiras mais eficientes de fazer marketing dos últimos anos. Com conteúdos multilíngues, é possível ampliar ainda mais a fatia de clientes e começar a atrair usuários do mundo todo.

Esse é um dos primeiros passos para quem tem como objetivo tornar o seu produto ou negócio mais conhecido internacionalmente.

Mais credibilidade

A questão da credibilidade também é algo que combina bastante com os conteúdos multilíngues. Afinal, oferecer a possibilidade de acesso em mais de um idioma mostra o quanto o negócio está investindo seus recursos em personalização de atendimento aos clientes.

Quer queira, quer não, quando existe claramente essa visão, as chances de ganhar a confiança do usuário são muito maiores.

Otimização dos resultados na web

Quando uma estratégia de tornar os conteúdos multilíngues é eficiente (aplicando corretamente as estratégias de SEO e otimização de palavras-chave), temos como consequência a melhoria dos resultados de busca e pesquisa na web. 

Estamos falando da possibilidade de o negócio ter melhores resultados quando termos relevantes são buscados em diversos idiomas.

Powered by Rock Convert

Qual é a diferença entre tradução, transcriação e localização de conteúdos?

Entrando um pouco mais a fundo, existem diversas maneiras de tornar o seu conteúdo multilíngue. Vamos falar sobre algumas delas abaixo.

Tradução

A tradução, que é a mais comum delas, é exatamente o que a palavra representa: pegar o conteúdo no seu idioma original e adaptá-lo para o idioma desejado. Por exemplo, podemos pegar um conteúdo em inglês e traduzi-lo para o espanhol. Simples assim.

Transcriação

A transcriação é uma técnica que se refere a uma tradução criativa do conteúdo. Na prática, é quando uma mensagem é adaptada de um idioma para outro, levando em conta a intenção, o tom de voz e o contexto, mas não necessariamente de maneira que seja palavra por palavra.

Muitos consideram a transcriação como a grande arte da tradução. Geralmente, ela é utilizada em ações de marketing, tal como a adaptação de slogans, por exemplo.

Localização

A localização é uma técnica que também vai além da tradução de palavra por palavra. Ela leva em conta os termos que se adéquam melhor localmente em mercados específicos. Ou seja, leva em consideração a cultura e os costumes de parte do mercado que estão atrelados ao idioma em que se deseja traduzir.

A ideia é utilizar expressões regionais para que haja uma identificação maior por parte de determinado público. Um exemplo disso é a tradução de conteúdos para a língua espanhola, em que há diversos dialetos nos diferentes países que a têm como língua nativa.

Como criar conteúdos multilíngues?

Para finalizar, vamos trazer agora um guia prático sobre como criar um conteúdo multilíngue. Veja alguns aspectos importantes.

Conheça a audiência

Um dos primeiros passos é simplesmente conhecer a audiência à qual o conteúdo se destina. Ou seja, não é simplesmente traduzir o conteúdo para outros idiomas, mas entender as particularidades e interesses das pessoas que se deseja atingir para fazer um trabalho mais eficiente.

Não se esqueça do objetivo

É importante também não se esquecer do objetivo do conteúdo, pois pode ser que o processo de tradução acabe desviando um pouco esse foco. Por isso, é preciso estar atento a possíveis ajustes que podem ser feitos para que tudo esteja de acordo com o objetivo principal da estratégia de negócio. Sempre prezando pela qualidade, é claro.

Fique de olho na otimização SEO

Outro ponto imprescindível é ficar de olho na otimização SEO dos conteúdos traduzidos. É importante entender como é o desempenho das palavras-chave que serão utilizadas nos idiomas a serem traduzidos para que o site tenha uma boa reputação nas buscas.

É essencial também monitorar os resultados ao longo do tempo, checando o desempenho dos conteúdos com uma certa frequência.

Use ferramentas eficientes

Por fim, trazemos aqui que é indicado o uso de ferramentas eficientes nesse processo. Existe uma variedade delas que podem ser estudadas e avaliadas, a fim de verificar se fazem sentido para a sua realidade.

Apenas tome cuidado com ferramentas muito básicas e genéricas, como o Google Tradutor. Sugerimos que o funcionamento desses recursos seja investigado e testado antes de prosseguir com o seu uso.

Agora que você já sabe como criar conteúdos multilíngues, tenha em mente que contar com uma equipe diversa é essencial nesse processo. Estamos falando de buscar não somente pessoas que dominam o idioma a ser traduzido, mas que também entendem da parte técnica que envolve esse trabalho e ajudem a transmitir a mensagem original para o público.

Gostou deste conteúdo? Então, que tal fazer parte do nosso Banco de Talentos e descobrir novas possibilidades para a sua carreira?

Powered by Rock Convert

Posts populares com esse assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *